segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Ministros do STF divergem sobre escolha de relator

Foto: André Dusek / Estadão
Enquanto a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, não se manifesta sobre quem vai assumir a relatoria da Operação Lava Jato, ministros da Corte ouvidos pelo Estado divergem sobre como a escolha deveria ser feita. O caso era relatado por Teori Zavascki, que morreu na quinta-feira passada em desastre de avião, em Paraty, no litoral do Rio.

Em caráter reservado, ministros defendem que os processos sejam remetidos a um dos integrantes da Segunda Turma da Corte – da qual Teori fazia parte. Neste caso, a relatoria ficaria com Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Dias Toffolli ou Celso de Mello. Outros alegam que, como há investigados julgados no plenário – caso do atual presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB) –, a distribuição deveria ser feita entre todos os demais magistrados do Supremo.

Entre os ministros, há também quem defenda que Cármen Lúcia deveria seguir à risca o regimento interno, remetendo o caso ao substituto de Teori na Corte. Esta possibilidade, porém, esbarra na intenção do presidente Michel Temer, declarada durante o velório de Teori, de só indicar um novo ministro após definida a relatoria da Lava Jato pelo Supremo.

Se outros artigos do regimento forem seguidos, ainda é possível que casos urgentes sejam encaminhados aos ministros revisores da Lava Jato. Na Segunda Turma, o revisor é o decano, Celso de Mello. Já no plenário, o revisor é Luís Roberto Barroso.

A definição de quem ficará responsável pela Lava Jato no Supremo abriu uma discussão nos meios jurídico e político sobre o futuro da operação. A preocupação é se o novo responsável pelos processos no Supremo vai manter o caráter técnico com o qual Teori costumava conduzir o caso. A Corte julga investigados com foro privilegiado, como parlamentares e ministros de Estado.

Urgência. Uma demanda considerada urgente na Corte é dar andamento ao processo de homologação das 77 delações de executivos da Odebrecht. A equipe de Teori trabalhava no material mesmo durante o recesso, mas após a morte do relator tudo foi paralisado.

De acordo com dois ministros ouvidos pelo Estado, a probabilidade de Cármen Lúcia homologar as delações até o dia 31 de janeiro, durante o recesso do Judiciário, é baixíssima.

Primeiro, porque acreditam que não há previsão legal ou regimental para tal ato. Para um ato urgente, será necessário definir o novo relator e considerar que há urgência em validar a delação como prova.

Em segundo, os ministros acreditam que não faz parte do perfil da presidente do Supremo tomar uma decisão desse nível sozinha. A avaliação é de que ela deve promover conversas informais sobre o assunto com os colegas. Os ministros estão prontos para iniciar a discussão interna. Há quem considere a possibilidade, entre assessores e ministros, de antecipar a volta das férias.

Silêncio. Por ora, ministros aguardam os primeiros sinais para saber como Cármen Lúcia vai agir. E consideram que deverão participar da decisão, tão logo ela dê abertura. No fim de semana, a ministra optou pela discrição.

A presidente do Supremo retornou a Brasília logo após participar do velório de Teori, anteontem em Porto Alegre. Na cerimônia fúnebre, evitou conversas até mesmo com os próprios colegas de Corte.

Apesar de ter sido a primeira integrante do STF a chegar ao velório de Teori, esteve apenas em alguns momentos no plenário do Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4), onde estava o caixão. Por isso, não encontrou com os demais ministros no local: Dias Toffoli – um dos mais emocionados –, Gilmar Mendes, Edson Fachin e Ricardo Lewandowski.

Cármen também não acompanhou os ministros em almoços após o velório. Toffoli e Lewandowski dividiram mesa em uma churrascaria famosa na cidade. Já Gilmar saiu mais cedo, após almoçar com o ministro-chefe da Casa Civil e um dos homens fortes do governo Temer, Eliseu Padilha.

A ministra ficou com a família de Teori no local do velório, onde posou para fotos, mas não falou com a imprensa.

Do Estadão

Pai lesiona o próprio filho com golpes de machado na zona rural de Acopiara

Neste domingo (22), por volta de 16h00min, a Policia Militar foi informada via COPOM de Iguatu/CE que estaria ocorrendo uma confusão entre pai e filho no sitio Catingueira, zona rural de Acopiara. De imediato uma equipe da PM se deslocou até ao local e quando lá chegaram a vitima já tinha sido socorrida por populares e a viatura de Quixelô já se encontrava também no local.

Segundo informações o senhor Miguel Rodrigues de Souza, 78 anos, natural de Quixelô, veio a desferir dois golpes com um machado em seu filho identificado como André Agostinho Souza, 31 anos, natural de Quixelô, profissão agricultor, mãe Maria Agostim da Silva, a vitima sofreu um corte profundo no lado direito da cabeça sendo socorrido em estado grave e transferido para Fortaleza.

O policiamento aprendeu a arma utilizada e quanto ao acusado o mesmo se evadiu do local tomando rumo ignorado, informo que o policiamento continua em diligencias no intuito de localizar e prender o acusado.

Fonte: Blog do Pinheirinho

Violência deixa 47 pessoas mortas durante o fim de semana

No Interior, a violência deixou 26 mortas, como em Quiterianópolis, onde um homem  de 41 anos foi morto executado a tiros na localidade de Pontal Um


A violência deixou, ao menos, 47 pessoas mortas no fim de semana em todo o Ceará. Um registro PARCIAL das ocorrências registradas entre a última sexta-feira (20) e o começo da madrugada desta segunda (23), aponta 32 casos de homicídios e mais 15 mortes em acidentes de trânsito.  O maior número de mortes violentas ocorreu no Interior, com 25 casos.

Na Capital cearense, foram registrados 11 homicídios e um acidente de trânsito fatal. Os crimes de assassinato aconteceram nos bairros  Jardim Iracema (2 casos), Alagadiço Novo, Álvaro Weyne, Genibaú, Jangurussu, Conjunto Ceará, Cajazeiras, Montese, Jangurussu e Passaré.

Na Região Metropolitana, foram  sete pessoas assassinadas, sendo três casos em Caucaia (no Conjunto São Miguel, Planalto Caucaia e Genipabu), dois em Maracanaú (um no Conjunto Jereissati e outro no bairro Acaracuzinho), além de Horizonte (no bairro Mangueiral) e em Aquiraz (Na localidade Lagoa do Mato).

Sertão

No Interior Norte, foram registrados apenas três casos de homicídios, nos Municípios de Trairi (Distrito de Canaã), Tamboril e em Crateús (localidade de Cacimba do Meio, distrito de Irapuá).

Já no Interior Sul, foram 11 homicídios nos seguintes Municípios: São João do Jaguaribe (na localidade Sítio Várzea Alegre), Missão Velha (duplo homicídio no Sítio Quimami), Aracati (jovem morreu em troca de tiros com a Polícia Militar), Campos Sales (bairro Guarani), Russas (localidade Sítio Melancias), Quixadá (localidade Pote Seco, no Distrito de Riacho Verde), Quiterianópolis (localidade Pontal Um), Mombaça, Morada Nova (Distrito de São João do Aruaru) e em Crato (Distrito de Dom Quintino).

Acidentes

Quinze pessoas morreram em acidentes nos seguintes Municípios: Fortaleza (Capital), Morada Nova, Ipueiras, Irapuan Pinheiro, Tabuleiro do Norte, São Gonçalo do Amarante (dois óbitos), Milagres, Barbalha (dois casos), Tarrafas, Ererê, Guaraciaba do Norte e Quixeramobim, além de um óbito no Hospital Regional do Cariri (HRC)(, em Juazeiro do Norte.

(Blog do Jornalista Fernando Ribeiro)

Dengue, zika e chikungunya provocaram 794 mortes em 2016, segundo boletim

Número corresponde aos casos registrados até 24 de dezembro. No mesmo período de 2015, cerca de mil pessoas tinham morrido pelas três doenças no Brasil.

Foto: Felipe Dana/Arquivo/AP Photo
A soma de mortes por dengue, zika e chikungunya no Brasil em 2016, até o dia 24 de dezembro, chegou a 794: 629 por dengue, 159 por chikungunya e 6 por zika. No mesmo período de 2015, as três doenças haviam provocado 1.001 mortes: 984 por dengue, 14 por chikungunya e 3 por zika.

Até 24 de dezembro de 2016, o Brasil registrou 1.976.029 casos prováveis das três doenças, todas transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti: 1.496.282 de dengue, 265.554 de chikungunya e 214.193 de zika. Os dados são do novo boletim epidemiológico publicado no site do Ministério da Saúde.

Dengue

Mesmo antes da compilação dos casos da última semana do ano, o número de casos de dengue registrado em 2016 já é o segundo mais alto desde 1990, quando os dados começaram a ser registrados no Brasil. E se aproxima do ano recordista, que foi 2015, quando houve 1.649.008 casos.

A incidência em 2016 foi de 731,9 casos por 100 mil habitantes. A região com a maior incidência foi o Centro-Oeste, com 1.313,8 casos por 100 mil, seguida do Sudeste, com 999,5 casos por 100 mil.

Chikungunya

Os 265.554 casos de chikungunya registrados em 2016 representam um aumento de 589,7% em relação aos 38.499 casos registrados em 2015. O vírus foi identificado pela primeira vez no Brasil em 2014. O número de mortes pela doença aumentou em 1.035% de 2015 para 2016: de 14 para 159.

A incidência de chikungunya no país em 2016 foi de 129,9 casos por 100 mil habitantes. A região com maior incidência foi o Nordeste, com 407,7 casos por 100 mil habitantes.

Zika

A zika foi identificada no Brasil pela primeira vez em abril de 2015 e os casos só passaram a ser notificados a partir do final do ano, por isso não é possível comparar os dados de 2016 com os de anos anteriores.

Em 2016, os 214.193 casos registrados no país representaram uma incidência de 104,8 casos por 100 mil habitantes. A região Centro-Oeste teve a maior incidência do país?: 219,2 casos por 100 mil habitantes.

Por G1

domingo, 22 de janeiro de 2017

Cuidar da alimentação é fundamental para evitar o diabetes gestacional


Quem tem diabetes sabe que o cuidado com a alimentação é fundamental para o controle da doença. E para as mulheres grávidas essa atenção deve ser redobrada. As alterações hormonais durante a gestação podem levar ao aumento de peso, o que pode ocasionar o surgimento do diabetes gestacional. O Centro Integrado de Diabetes e Hipertensão (CIDH), do Governo do Ceará, faz um alerta sobre a importância de manter uma alimentação saudável e balanceada durante o período gestacional para evitar ou tratar o diabetes.

As alterações na produção de hormônios é natural para o desenvolvimento do bebê, mas o excesso no aumento de peso não. “Nas gestantes, as necessidades nutricionais estão aumentadas, mas isso não significa que elas terão que comer por dois. É preciso manter uma alimentação bem saudável com alimentos de alto valor nutricional e baixo valor calórico”, afirma Adriana Forti, endocrinologista e diretora do CIDH.

A futura mamãe da Valentina, Socorro Farias, de 36 anos, foi diagnosticada com diabetes gestacional no terceiro mês de gravidez. “Eu não estava sentindo nada anormal, nenhuma mudança, mas depois de uma consulta de rotina do pré-natal no posto de saúde, me disseram do aumento da glicose. Fiz novos exames e o diabetes foi confirmado”, diz. Hoje, com seis meses de gestação, ela é acompanhada pela equipe de profissionais do centro e mudou radicalmente a sua alimentação. “Quando soube fiquei muito preocupada, desde então sigo rigorosamente a dieta”, fala.


A dieta da gestante com diabetes não difere muito da adotada por uma gestante com as taxas glicêmicas desejáveis. Toda futura mamãe deve procurar um profissional capacitado. “Fazer dieta sem acompanhamento pode interferir ainda mais na saúde da mãe e do bebê”, enfatiza a endocrinologista. O planejamento alimentar adequado oferece para a criança nutrientes importantes para o seu desenvolvimento sem elevar a glicose no sangue da mãe. “Minha alimentação tem frutas e verduras. Não tomo mais refrigerante e nem como besteira entre as refeições.”, relata Socorro.

O cardápio para as gestantes com diabetes gestacional ou não deve ser composta por uma alimentação diversificada, mas sempre evitando alimentos ricos em açúcar e gordura. O indicado é comer pequenas porções, em intervalos semelhantes e fazer o equilíbrio entre os nutrientes como: proteínas, vitaminas, fibras, verduras, frutas e fontes de gorduras saudáveis. “Outra orientação importante é não pular as refeições. Isso faz com que seja mais difícil em tentação”, enfatiza a endocrinologista. Os alimentos ricos em carboidratos devem ser consumidos preferencialmente na forma integral, como arroz integral, pães integrais, cereais e em quantidades determinadas pelo nutricionista que acompanha a gravidez.

Atendimento às mamães com diabetes gestacional

No CIDH, atendimento a mães com diabetes acontece às segundas, quartas e sextas-feiras, no período da manhã. As mulheres são acompanhadas por nutricionistas, enfermeiras e endocrinologistas. Com o tratamento é possível manter os valores glicêmicos da mãe e do bebê adequados. Em alguns casos, mesmo com uma dieta balanceada, pode acontecer das taxas glicêmicas não atingirem o esperado e com isso inicia-se o tratamento medicamentoso. O encaminhamento ao centro é feito através das unidades de saúde do Estado.

Em muitos casos, com o nascimento da criança, a doença some. Mas é importante que a nova mãe retorne ao médico. “Entre a 4ª e 12ª semana após o parto, a mãe deve realizar novo o teste de tolerância a glicose para saber se a diabetes permaneceu ou não”, aconselha Adriana.

Da Assessoria de Imprensa – CIDH/Lacen/IPC

Corpo de Teori Zavascki é enterrado em Porto Alegre

Foto: Beto Barata/PR
O corpo do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki foi enterrado neste sábado no cemitério Jardim da Paz, após missa celebrada pelo arcebispo metropolitano de Porto Alegre, dom Jaime Spengler. A cerimônia foi acompanhada apenas por parentes e amigos íntimos do ministro e sem a presença de populares ou da imprensa.

O velório de Teori Zavascki ocorreu ao longo de todo o dia no plenário do Tribunal Regional Federal da 4ª Região. O corpo dele chegou à base aérea de Canoas (RS) por volta das 8h20 e seguiu em cortejo pela BR-101 até a capital gaúcha, onde começou a ser velado por volta das 9h – inicialmente apenas pela família e amigos. Das 11h às 15h, o espaço foi aberto para o público e depois voltou a ser fechado para parentes e amigos próximos.

A presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, foi uma das primeiras a chegar, mas saiu sem falar com a imprensa. Outros ministros da Corte, entre eles Edson Fachin, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski, também compareceram ao velório para prestar homenagens ao jurista. Ao longo do dia passaram por lá as maiores autoridades do país em todas as esferas de poder, como o presidente da República, Michel Temer, e os ministros de Relações Exteriores, José Serra, o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, e o da Justiça, Alexandre de Moraes. O juiz que comandas as investigações da Operação Lava Jato na Justiça Federal, Sergio Moro, também compareceu ao velório, assim como o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Claúdio Lamachia, entre outros.

Da Agência Brasil

O tamanho do impacto da depressão na saúde cardiovascular

Para ficar com a saúde cardíaca em dia, não basta manter o peso ou baixar o colesterol. Segundo novo estudo, é imprescindível cuidar da cabeça

Novo estudo aponta que a depressão pode fazer tão mal para o coração quanto obesidade e colesterol alto.
(Foto: Veridiana Scarpelli)
Que a depressão é um fator de risco para doenças cardiovasculares a medicina já sabe. Alguns médicos apontam que a melancolia profunda aumenta a concentração de hormônios como o cortisol — e, em excesso, eles danificariam os vasos sanguíneos e o coração. “A questão é: qual a relação entre depressão e outros fatores de risco, como tabagismo, colesterol alto, obesidade e hipertensão. E quão grande é o papel de cada um desses quadros?”, questiona o pesquisador Karl-Heinz Ladwig, líder do novo estudo realizado no Centro Helmholtz de Munique, em um comunicado à imprensa.

Para calcular o tamanho do impacto de cada uma dessas ameaças, os cientistas analisaram 3 428 homens entre 45 e 74 anos. Os dados, coletados durante dez anos, apontaram que a depressão foi responsável por 15% das mortes por doenças cardiovasculares.

Esse número é similar ao de outros fatores de risco, como obesidade e colesterol alto. As únicas encrencas que superaram o transtorno psiquiátrico foram hipertensão e tabagismo.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, 350 milhões de pessoas sofrem com a depressão, que também é a doença mais incapacitante no mundo todo. Ainda que seja um distúrbio mental, seus efeitos na saúde física são severos: além dos problemas cardíacos, a doença pode abrir brechas para o diabetes, parkinson e até câncer.

Mas esse problema não é uma via de mão única: outros levantamentos apontam que os males cardiovasculares também fomentam a depressão. Um indivíduo que sofre um infarto, por exemplo, pode apresentar sintomas depressivos porque se sente culpado pela enfermidade ou por ter perdido algumas habilidades físicas, como explica o cardiologista Roy Ziegelstein, do hospital americano John Hopkins, em sua página na internet. Por isso, é bom ficar atento: depressão e chateações cardíacas costumam andar de mãos dadas.

Por: Ana Luísa Moraes - Agência Saúde

Ceará registra cinco casos suspeitos da 'doença da urina preta'

Foto: Reprodução
A Secretaria de Saúde do Estado (Sesa) registrou cinco casos suspeitos de "mialgia aguda a esclarecer",  conhecida como "doença da urina preta", entre os dias 5 e 19 de janeiro. De acordo com a nota divulgada no início da noite desta quinta-feira (19) pela secretaria,  são dois pacientes do sexo masculino e três do sexo feminino. Destes, três são de Fortaleza, um é residente em Salvador (Bahia) e outro residente de São Paulo.

Ainda de acordo com a Sesa, os acometidos apresentaram os seguintes sinais e sintomas: dores musculares intensas de início súbito, acometendo principalmente a região cervical, membros inferiores e superiores, mudança na tonalidade da urina (variando entre vermelho escuro e castanho), elevações significativas nas dosagens da cretinofosfoquinase (CPK) e os níveis hepáticos (TGO e TGP). Não houve relato de febre, cefaleia, artralgia ("dor nas juntas") ou exantema (erupções cutâneas vermelhas).

A Secretaria disse que foi realizada uma coleta de amostras dos pacientes para diagnóstico laboratorial e diferencial (leptospirose, dengue e hepatite). As secretarias de saúde do Estado e do município de Fortaleza estão monitorando a ocorrência e a investigaram todos os casos com objetivo de esclarecer a etiologia de tal evento considerando o cenário epidemiológico e a similaridade com os casos notificados na Bahia.

Mesma família

Em 13 de janeiro, a Sesa divulgou a notificação de três casos suspeitos. Quatro pessoas da mesma família manifestaram sintomas da "doença" em Fortaleza. Entre elas, um idoso de 70 - anos que ainda está internado em um hospital particular - , as duas filha e mulher dele.

As duas filhas e a mulher apresentaram sintomas da doença "de maneira branda" e foram liberadas, segundo um dos médicos que acompanha os casos e não autorizou identificação.

Uma das filhas mora e trabalha em Salvador, e esteve em Fortaleza para passar o Natal com a família. Ela ficou internada por três dias no hospital, com um quadro mais brando, tomando soro, fazendo exames e foi liberada.

Do G1 CE

Laudo constata que choque com queda de avião matou Teori Zavascki

Foto: Twitter Aeroagora
O laudo do exame de necropsia feito no corpo de Teori Zavascki constatou que o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) morreu de politraumatismo, isto é, de vários traumas ocasionados pela queda da aeronave. Além disso, não houve afogamento, segundo informações do Instituto Médico Legal (IML) de Angra dos Reis, no estado do Rio de Janeiro.

O avião em que estava Zavascki e mais quatro pessoas caiu no litoral de Paraty na tarde de quinta-feira (19), durante uma tentativa de pouso no aeroporto da cidade. Além dele, estavam na aeronave o empresário Carlos Alberto Filgueiras, dono do grupo hoteleiro Emiliano, o piloto Osmar Rodrigues, a massoterapeuta de Carlos Alberto, Maíra Panas, além da mãe dela, Maria Panas.

Da Agência Brasil

sábado, 21 de janeiro de 2017

Motociclista morre ao cair em cratera aberta pela chuva em Dep. Irapuan Pinheiro


Um jovem de apenas 30 anos, morreu nesta sexta-feira (20) ao cair em uma cratera próximo a uma Ponte, em uma comunidade denominada de sítio Barra, no município de Deputado Irapuan Pinheiro.

A vítima identificado apenas como Rômulo não resistiu aos ferimentos e faleceu imediatamente. O corpo foi encontrado por viajantes, que viram uma motocicleta caída no local.

A vítima teria caído com sua motocicleta em uma cratera de um desvio na obra de construção da CE-371, entre esta cidade e a cidade de Acopiara.

A vítima teria passado pela madrugada no local e não tinha nenhuma irregularidade, mas na volta pra casa no início da noite, o mesmo caiu em uma cratera aberta com as chuvas caídas durante a madrugada.

Segundo informações de populares, a empresa construtora deixou a ponte em construção abandonada e sem quaisquer sinalização no local.

Uma fita de isolamento foi mantida pela Polícia Militar no local, para evitar novos acidentes. O Rabecão do IML recolheu o corpo do jovem para fazer os procedimentos legais.

Agricultora cearense representa o Brasil em Conferência Mundial na Itália


A Secretária de Mulheres da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Ceará (Fetraece), Rosângela Moura, vai representar a agricultura brasileira na Conferência Mundial sobre Investimentos em Transformação Rural Inclusiva: Iniciativas Inovadoras de Financiamento. O evento organizado pelo Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) e que conta com apoio do Ministério da Economia e Finanças da Itália, do Instituto Brookings e da Universidade de Warwick, ocorre entre os dias 25 e 27 de janeiro, em Roma na Itália.

“Foi uma grata surpresa quando recebi o convite do FIDA. A Conferência tem por objetivo debater formas inovadoras para o fortalecimento do setor rural, observando como norte dos debates a Agenda 2030, elaborada por líderes mundiais em reunião da ONU em 2015 e que entrou em vigor em 1º de janeiro de 2016.” Relatou Rosângela Moura.

Em publicação sobre a conferência, o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola, que é uma instituição financeira da ONU, destaca que serão três dias de discussões que vão buscar facilitar investimentos nas áreas rurais com foco nos agricultores familiares e nas pequenas e médias empresas agrícolas. “Em todas as regiões do mundo, a pobreza e a insegurança alimentar são mais elevadas nas zonas rurais”, aponta o presidente do FIDA, Kanayo F. Nwanze.

O encontro terá representantes da agricultura de vários países do mundo, de instituições financeiras, de órgãos governamentais e de instituições científicas e acadêmicas. Entre os conferencistas, o professor da Universidade de Harvard e vencedor do Nobel de Economia, Eric Maskin.

Na quinta-feira (26), Rosângela Moura vai participar da mesa de debate do painel com o tema: Aproveitando o financiamento para a transformação rural inclusiva. Ela vai contar com a companhia do vice-diretor de Economia Global do Instituto Brookings, Homi Kharas; da jornalista da BBC, Nisha Pillai (Moderadora do painel); do diretor da Divisão de Políticas e Assessoria Técnica do FIDA, Adolfo Brizzi; do diretor da Operações da Women's World Banking, Tom Jones; do secretário do Ministério da Agricultura da Índia, Shobhan Pattanaya; e do vice-presidente de gestão de conhecimento e desenvolvimento sustentável do Banco Asiático, Bambang Susantono.

Para Rosângela Moura, vai ser uma ótima oportunidade para falar sobre a agricultura familiar brasileira e tentar “sensibilizar as instituições financeiras sobre a importância de investir nos pequenos agricultores e agricultoras, de desburocratizar as formas de acesso ao crédito, de possibilitar maior visibilidade para os trabalhos produtivos das mulheres e jovens, além da importância da assistência técnica continuada nos projetos”.

É a segunda vez que a Fetraece representa a agricultura familiar brasileira em evento internacional organizado pelo FIDA. Em 2014, o presidente da Federação, Luiz Carlos Ribeiro Lima, participou também na Itália, de encontro mundial para debater o futuro agrícola.

Da Assessoria de Comunicação da Fetraece

Juiz proíbe candidatura de Rodrigo Maia à reeleição na Câmara


O juiz federal Eduardo Ribeiro de Oliveira, da 15ª Vara Federal em Brasília, decidiu nesta sexta-feira (20) proibir a candidatura à reeleição do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), ao cargo. Na decisão, o juiz também determinou o pagamento de multa de R$ 200 mil em caso de descumprimento da decisão.

O magistrado concedeu a liminar em atendimento a um pedido feito pelo advogado Marcos Aldenir Ferreira Rivas, em uma ação popular. Na decisão, Oliveira entendeu que Maia não pode ser candidato à reeleição, mesmo que não haja proibição expressa na Constituição para o caso de "mandatos-tampão", como foi o dele. Rodrigo Maia foi eleito presidente da Câmara, em julho do ano passado, para substituir o deputado Eduardo Cunha, após a cassação. O Artigo 57 da Constituição Federal diz que é “vedada a recondução para o mesmo cargo na eleição [da Mesa Diretora] imediatamente subsequente”.

"Em outros termos, não se deve interpretar o silêncio do inciso 4º do Artigo 57 da Constituição, relativamente ao mandato suplementar, como autorização para a reeleição, prestigiando-se eventual decisão política nesse sentido, como já se sustentou. Ao contrário, nessa hipótese, deve-se prestigiar a interpretação que mais promova a rotatividade no exercício do poder, por força do princípio republicano", decidiu o juiz.

Recurso

Em nota, Rodrigo Maia disse que vai recorrer da decisão. "Do nosso ponto de vista a decisão do juiz está equivocada. É uma decisão que não cabe a um juizado de primeira instância. Já estamos recorrendo e confiando na Justiça esperando a anulação da decisão o mais rápido possível", diz a nota.

Da Agência Brasil

Municípios brasileiros recebem segundo repasse do FPM do mês de janeiro


Foi creditado na conta das prefeituras, nesta sexta-feira, dia 20 de janeiro, o segundo repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) deste mês. O montante foi de R$ 1,04 bilhão, já descontada a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Em valores brutos, sem o desconto, o FPM é de R$ 1,30 bilhão.

A área de Estudos Técnicos da CNM fez um comparativo com o segundo decêndio de janeiro de 2016 e verificou um crescimento de 10,94% nesse período. O percentual não inclui os efeitos da inflação. Se for considerado nos cálculos, o decêndio apresenta crescimento de apenas 5,7%.

Quando somados, os valores do primeiro e do segundo decêndio do FPM para o mês de janeiro totalizam R$ 4,26 bilhões, frente aos R$ 3,95 bilhões no mesmo período do ano passado. Apesar do ligeiro aumento, a Confederação recomenda aos gestores municipais bastante cautela.

Para o mês de fevereiro, é esperado um aumento de 39% no FPM em relação ao mês anterior. O mês de março, por sua vez, deve registrar um decréscimo de 39%. Portanto, a orientação é que os prefeitos mantenham seus planejamentos financeiros, especialmente nos primeiros meses de mandato.

Acesse a nota e saiba mais sobre os valores creditados ao seu Município

* Com Agência CNM

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Estudante de Pedra Branca tira nota mil na prova de redação do Enem

O resultado da prova do Enem foi divulgado na tarde da última quarta-feira


A paixão pela escrita é de longa data para Helário Neto, mas foi a partir da necessidade de notas satisfatórias na Redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) que o estudante passou a se dedicar com mais afinco. Natural de Pedra Branca, cidade a 268 km de Fortaleza, o aluno da rede pública estadual, de 17 anos, é um dos 77 do Brasil a fechar a prova de Redação.

“Eu sempre tive amor pela produção textual. O prazer de escrever iniciou ainda no Ensino Fundamental mas só comecei a treinar mesmo a partir do Ensino Médio”, explica. Foi após tentar o Enem outras duas vezes e garantir bons resultados que viu ressaltar em si a possibilidade de chegar à nota mil. E chegou. “Não acreditei. A página onde saiu o resultado estava travando e eu não conseguia ver o resultado”. A notícia boa veio pelos amigos. “Comemorei muito!”, conta.

Helário cursou todo o Ensino Médio na Escola Estadual de Educação Profissional Antônio Rodrigues de Oliveira e já foi campeão três vezes na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep). De acordo com ele, além das aulas que tinha na escola, assinou um curso online de redação em que enviava textos e os recebia corrigidos. “Foi decisivo porque, a partir disso, eu podia trabalhar meus erros”.

Para o jovem, a inspiração e apoio vieram da mãe, Elane Macêdo. “Sempre me motivou a estudar e confiou nas minhas decisões. Somos só nós dois. Ela é meu pai e minha mãe”, agradece.

Elane é auxiliar de enfermagem e possui uma loja na Cidade onde moram. Ela lembra emocionada o dia em que soube os resultados das provas do filho. “Eu estava fechando a loja quando ele veio me encontrar e disse que tinha tirado nota mil na redação. Eu chorei de alegria”, conta. A comerciante afirma que se sente feliz ao perceber o reconhecimento do filho. “Eu vejo o meu filho como a melhor realização na minha vida”, vibra.

Persistir

Helário Neto tem o sonho de cursar Medicina e dar uma vida melhor para a mãe. De acordo com ele, há diferença entre a realidade de escolas públicas e particulares mas persistir é o mais importante. “Apesar das dificuldades, não é algo de outro mundo conseguir uma nota muito boa. Depende do esforço, do foco. O primeiro passo é acreditar em si mesmo e seguir o caminho com firmeza”, conclui.

Do O POVO Online

Governador Camilo Santana assina promoção de 37 procuradores do Estado

Os 37 procuradores promovidos se distribuem em ascensões da classe A para a classe Especial (maior degrau),  da classe B para classe A e da classe C para a classe B

Fotos: Carlos Gibaja
O governador Camilo Santana assinou, na manhã desta sexta-feira (20), em evento no Palácio da Abolição, as promoções de 37 procuradores do Estado do Ceará. Seguindo critérios estabelecidos por comissão de exames da Procuradoria-Geral do Estado (PGE), foi oficializado o reconhecimento do trabalho realizado pelos servidores do órgão.


Em seu pronunciamento na solenidade, Camilo Santana destacou o apoio fundamental da PGE para que a gestão estadual exerça com efetividade e competência o bom planejamento para o Ceará. "Queria parabenizar cada um dos profissionais pelas promoções e reiterar nosso compromisso com a Procuradoria Geral do Estado. Eu sei do trabalho exercido com muito zelo pelos procuradores, não só com o Governo do Ceará, mas também na defesa do povo cearense. É bom saber que estamos em boas mãos", afirmou o governador.


Para o procurador-geral do Estado, Juvêncio Vasconcelos Viana,  as promoções concedidas pelo Ceará a 37 procuradores proporciona um crescimento da classe, no sentido de reconhecer o status funcional do procurador estadual e concedê-lo a ascensão por qualidade e tempo de serviços prestados à sociedade.

"A Procuradoria tem um papel transversal enorme, pois está presente em diversos momentos do governo. No tema das concessões, nas relações com os servidores públicos, no caso das CEs somos nós que fazemos as apropriações, etc. A Procuradoria-Geral de Estado é um órgão de diálogo permanente com o Governo do Ceará e todas as suas secretarias. É, sem dúvida, para o procurador, incentivo e reconhecimento. Um momento de motivação para a classe. Estamos aqui ratificando o compromisso de mais e mais colaborar com a realização dos objetivos e dos fins do governo", disse Viana.

170120 PROMOCAO PROCURADORES MG 6099 web

Os 37 procuradores promovidos se distribuem em ascensões da classe A para a classe Especial (maior degrau),  da classe B para classe A e da classe C para a classe B. As promoções foram definidas internamente na PGE, com comissões de exames de títulos e requisitos, levando em conta a avaliação dos serviços prestados e recursos apresentados - prós-graduações, quantidade de audiências, viagens, dentre outros pontos avaliados - por cada procurador ao Estado.

"Todas as classes foram contempladas. É importante frisar que, neste processo, temos muito a agradecer a sensibilidade do nosso procurador-geral, dos colegas de casa e, acima de tudo, o nosso governador Camilo Santana. Ele deu a importância devida aos procuradores. É importante ver um governador que entende a Procuradoria Geral como advocacia de Estado, forte e na defesa dos interesses da sociedade. Falo em nome de todos os colegas o nosso muito obrigado", agradeceu o procurador Leonardo Borges, ex-presidente da Associação dos Procuradores do Estado do Ceará (Apece), que esteve presente no evento de promoção.

Da Assessoria de Comunicação do Governo do Estado do Ceará

Donald Trump toma posse como novo presidente dos Estados Unidos

Foto: Scott Olson/Getty Images North America/AFP
O novo mandatário dos EUA, Donald Trump, está sendo empossado, neste momento, como o 45º presidente dos Estados Unidos, junto com o vice-presidente eleito Mike Pence. Eles estão prestando juramento ao juiz John Roberts, que preside a solenidade. A cerimônia, que está sendo transmitida ao vivo para todo o mundo, ocorre no Capitólio, o prédio do Congresso norte-americano. Segundo os organizadores, entre 900 mil e 1 milhão de pessoas, vindas de todo o país e do exterior, estão em Washington para assistir à posse.

Poucos minutos antes da posse, ativistas mascarados destruíram carros e quebraram vidraças de lojas em ruas da capital norte-americana, longe do Capitólio. Eles levaram bandeiras anarquistas pretas e cartazes com os dizeres: "Junte-se à resistência. Lute agora". A polícia usou spray de pimenta para evitar que os ativistas continuassem com as depredações nas ruas.

Da Agência Brasil

Chove em Dep. Irapuan Pinheiro e em outros 103 municípios do Ceará


Nesta sexta-feira (20), voltou a chover bem em algumas localidades do município de Deputado Irapuan Pinheiro. De acordo com os dados do pluviômetro da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (FUNCEME), instalado na sede do município registrou precipitação de 47 milímetros.

Segundo os dados da FUNCEME, 103 municípios cearenses registraram chuvas até as 12h55min desta sexta-feira (20). Os maiores índices pluviométricos do estado foram registrados nas cidades de Ipu (105 mm), Senador Sá (94 mm), Pires Ferreira (83 mm), Crateús (73 mm), Morrinhos (73 mm), Santa Quitéria (64 mm), Martinópole (63 mm), Mombaça (58 mm), Itarema (58 mm) e Ipueiras (57 mm).

As fortes chuvas são causadas pela atuação da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), principal sistema indutor de precipitações durante a quadra chuvosa no Ceará, que vai de fevereiro a maio. Mesmo com a intensidade das chuvas dos últimos dias, a FUNCEME mantém a probabilidade de mais chuva em todo o Ceará.

Ceará tem mais sete municípios em situação de emergência devido a seca

Foto: Agência Brasil
O Ministério da Integração Nacional reconheceu a situação de emergência de sete municípios da região metropolitana de Fortaleza, no estado do Ceará, em decorrência do prolongado período de seca. A portaria, publicada no Diário Oficial da União, permite que as Prefeituras solicitem apoio ao Governo Federal para ações de socorro, assistência e restabelecimento de serviços essenciais, como o reforço das operações de abastecimento de água.

Os municípios contemplados são Fortaleza, Aquiraz, Eusébio, Horizonte, Itaitinga, Maracanaú e Maranguape. Na última quinta-feira (18), outros 25 municípios cearenses também tiveram a situação de emergência reconhecida pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec-MI). Confira

Para solicitar o apoio federal, a Prefeitura deve apresentar o Plano Detalhado de Resposta (PDR), por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID), disponível no endereço eletrônico www.mi.gov.br/defesa-civil/s2id. Com  base neste Plano, o Ministério da Integração Nacional definirá o valor do recurso a ser disponibilizado para a execução das ações.

A medida também permite a renegociação de dívidas no setor de agricultura junto ao Banco do Brasil, a aquisição de cestas básicas, a retomada da atividade econômica dos municípios afetados com o Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), entre outros auxílios.

Acesse a portaria

Da Assessoria de Comunicação do Ministério da Integração Nacional

Bombeiros retiram todos os corpos do local do acidente que matou Teori


Foram resgatados os dois últimos corpos do acidente envolvendo o avião onde estava o ministro Teori Zavascki, em Paraty, Costa Verde do Rio de Janeiro. Trata-se do piloto do avião, Osmar Rodrigues, e de uma mulher que estava presa nas ferragens da aeronave.

Cinco pessoas morreram na queda do avião no mar nesta quinta-feira (19):

- Teori Zavascki, ministro do Supremo Tribunal Federal
- Carlos Alberto Fernandes Filgueiras, empresário
- Osmar Rodrigues, piloto do avião
- Maira Lidiane Panas Helatczuk, massoterapeuta de Filgueiras
- Maria Ilda Panas, mãe de Maira

As identidades das duas mulheres foram confirmadas pelo Hotel Emiliano, o proprietário do avião, nesta sexta-feira (20).

Equipes já tinham recuperado os corpos de Teori, do empresário e de uma das mulheres. Eles chegaram no início desta madrugada ao Instituto Médico Legal (IML) de Angra dos Reis (RJ) para perícia. As duas últimas vítimas foram levadas para um centro de apoio montado em uma marina às margens da rodovia Rio-Santos. Depois, também serão encaminhadas ao IML.

Homens da Marinha, Aeronáutica e Bombeiros trabalharam nas buscas dos corpos. Os militares realizaram uma operação para estabilizar a aeronave, que tinha parte submersa.

Ainda nesta sexta, a operação deve fazer o içamento da aeronave. Não chove nesta manhã em Paraty, mas o tempo permanece nublado.

Do G1

Prefeituras devem atualizar os dados do sistema do Programa Bolsa Família


Muitas cidades brasileiras começaram 2017 com mudanças nas prefeituras. Entre as ações necessárias para novos prefeitos e gestores do Programa Bolsa Família e do Cadastro Único, está a atualização dos dados no Sistema de Gestão do Programa Bolsa Família (SIGPBF), disponível na página do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) na internet. A renovação possibilita o acesso ao sistema e garante ainda um incentivo financeiro de 5% sobre o valor apurado do Índice de Gestão Descentralizada Municipal (IGD-M).

De acordo com o coordenador-geral de Apoio à Gestão Descentralizada da Secretaria Nacional de Renda de Cidadania (Senarc), Márcio Maurício, o cadastro do novo prefeito e sua equipe é fundamental para a execução das tarefas que integram o programa. “A partir destes dados é que vamos validar a troca de gestor e gerar a senha para ele entrar no SIGPBF e exercer suas atividades referentes à gestão do Bolsa Família no seu município”, explica.

Ainda segundo o coordenador-geral, quem deixa de fazer a atualização não consegue acessar sistemas e informações disponíveis exclusivamente aos gestores. Além das novas equipes, administrações que não tiveram trocas de prefeitos ou gestores também precisam renovar os dados, já que todos os municípios com informações 100% atualizadas há menos de um ano no SIGPBF recebem o incentivo financeiro de 5% sobre o valor do IGD-M.

“É uma complementação que deve ser aplicada na gestão do Bolsa Família e do Cadastro Único. Por isso é importante todo ano entrar no sistema e conferir os dados para continuar recebendo este incentivo”, salienta.

Documentação – No primeiro momento, ao atualizar os dados no site, não é preciso enviar nenhum documento à Senarc, esclarece Maurício. Quando as informações são cadastradas, o sistema salva os dados e gera um ofício com validação automática. Em outros anos, os documentos precisavam ser enviados à Senarc para o reconhecimento imediato.

“Como o montante de troca de gestores é alto neste momento, abrimos uma exceção. Não vamos aguardar o envio para gerar a senha. A medida é para que os gestores tenham acesso imediato às informações do programa e aos sistemas e possam iniciar suas atividades”, afirma.

O Formulário de Troca de Gestor e as cópias autenticadas de documentos do prefeito utilizados para validar a alteração do gestor municipal no SIGPBF deverão ser enviados para a Senarc somente no mês de abril de 2017.

Também é imprescindível que os dados de prefeito e secretário de Assistência Social lançados no SIGPBF estejam iguais aos informados no CadSuas. Para acessar o CadSuas e o SIGPBF, o MDSA disponibiliza um link único: http://aplicacoes.mds.gov.br/saa-web.

Em caso de dúvidas, basta entrar em contato com a Central de Relacionamento do MDSA através do endereço http://mds.gov.br/acesso-a-informacao/contato ou pelo telefone 0800 707 2003.

Fonte: Ascom/MDSA

Governo do Ceará lamenta morte do ministro Teori Zavascki


O Governo do Estado do Ceará lamenta a morte do ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki. O ministro sempre pautou sua carreira jurídica pela atuação séria, objetiva e justa, deixando representativo legado ao nosso Estado Democrático de Direito. Uma inestimável perda para o nosso país.

Da Coordenadoria de Imprensa do Governo do Ceará

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Motoristas de carro-pipa suspendem serviço e fazem protestos em algumas cidades do Ceará

Manifestantes no trecho da BR-020, em Boa Viagem (Foto: Divulgação PRF)
Os motoristas de carro-pipa suspenderam os serviços e estão em protesto contra o atraso no repasse do dinheiro da Operação Carro-Pipa, do Exército brasileiro. Os manifestantes estão queimando pneus e interditando trechos de algumas rodovias federais no Ceará.

Nesta quinta-feira (19), os manifestantes queimaram pneus e bloquearam a BR-020, no município de Boa Viagem. Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), cerca de 30 carros-pipa foram colocados para bloquear a via. Este é o terceiro dia seguido de manifestações dos motoristas.

Segundo os pipeiros, também foram bloqueados trechos da BR-265, no município de Morada Nova, a 161 quilômetros de Fortaleza, e na BR-065. Cerca de 400 caminhões ficaram parados. Um outro grupo de motoristas compareceu à 10ª Região Militar em busca de informações sobre os pagamentos atrasados.

"Foi informado que parte do dinheiro está previsto para ser entregue entre os dias 23 e 28. Estamos com os salários atrasados há cinco meses e não voltaremos ao trabalho até receber", disse o pipeiro Eduardo Rodrigues.

Em nota, enviada a Reportagem nesta quarta-feira (18), a 10ª Região Militar informou que "todas as medidas administrativas estão sendo tomadas a fim de regularizar a situação de pagamento dos prestadores de serviço da Operação Pipa. Até a próxima semana, todos esses pagamentos em situação irregular deverão ser normalizados", disse.

Os pipeiros estimam que cerca de 40 mil pessoas das comunidades podem ser prejudicadas com essa paralisação.

Fim do bloqueio

A PRF informou que a BR-020 foi fechada às 11h desta quinta. Equipes da PRF foram chamadas ao local para tentar desobstruir a via. Por volta das 15h40, os motoristas deixaram a rodovia e liberaram o fluxo de veículos. Não houve feridos.

* Com G1 CE

Relator da Lava Jato no STF, Teori Zavascki morre aos 68 anos


O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki morreu nesta quinta-feira (19), aos 68 anos, em um acidente aéreo. Ele já era viúvo e deixa três filhos. Membro do STF desde 2012, Teori foi o ministro responsável pelas investigações da Operação Lava Jato na Corte, tratando dos processos dos investigados com foro privilegiado. A morte de Teori foi confirmada pelo filho do magistrado Francisco Zavascki, em uma rede social.

Teori foi nomeado para o Supremo pela então presidenta Dilma Rousseff para ocupar a vaga de Cezar Peluso, que se aposentou após atingir a idade limite para o cargo, de 70 anos. Ontem, ele tinha interrompido o recesso para determinar as primeiras diligências nas petições que tratam da homologação dos acordos de delação de executivos da empreiteira Odebrecht na Operação Lava Jato.

Teori Zavascki nasceu em 1948 na cidade de Faxinal dos Guedes (SC), e é descendente de poloneses e italianos. Aprovado em concurso de juiz federal para o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) em 1979, ele foi nomeado, mas não tomou posse. Advogado do Banco Central de 1976 até 1989, chegou à magistratura quando foi indicado para a vaga destinada à advocacia no TRF4, onde trabalhou entre 2001 e 2003. De 2003 a 2012, Zavascki foi ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Respeitado nas áreas administrativa e tributária, Zavascki também era considerado minucioso em questões processuais. “Espero que todos os bons momentos apaguem minha fama de apontador ou cobrador das pequenas coisas”, brincou, ao se despedir da Primeira Turma do STJ, antes de ir para o STF. O ministro declarou em diversas ocasiões ser favorável ao ativismo do Judiciário quando o Legislativo deixa lacunas.

Da Agência Brasil

Vigilância sanitária dá prazo de 30 dias para o fim da criação de animais na zona urbana


Em um comunicado à população emitido nesta quinta-feira (19) pela Vigilância Sanitária de Deputado Irapuan Pinheiro, o órgão da Secretaria Municipal de Saúde está dando um prazo de 30 dias para o fim da criação de animais na zona urbana.

O Departamento de Vigilância Sanitária de Dep. Irapuan Pinheiro ressalta que fica proibido a criação de animais na zona urbana tais como animais silvestres, bovinos, suínos, eqüinos e caprinos. Sendo assim, o órgão informa aos cidadãos que tem criadouros em suas casas no perímetro urbano de algum tipo ou espécie animal que seja proibida por lei, que o mesmo tem um prazo de 30 (trinta) dias para retirar das áreas residenciais suas criações.

Segundo o coordenador do Departamento de Vigilância Sanitária local Renê Nogueira Bezerra essa convocação é resultado de diversas denúncias, fato que exige o cumprimento da lei e conseqüentemente um maior rigor na fiscalização neste sentido.

A Vigilância Sanitária local informa a população irapuense que trabalha amparado pela Lei e pela Justiça, e que não havendo o cumprimento a esta medida acarretará penalizações de acordo com os agravantes da infração (Legislação Sanitária), Lei 6.437 de 20 de agosto de 1977.

A medida da Secretaria Municipal de Saúde através do Departamento de Vigilância Sanitária de Dep. Irapuan Pinheiro torna-se necessária como forma preventiva a possíveis casos de contaminação e proliferação de insetos, vírus e bactérias, transmissores de doenças que podem levar a morte do individuo infectado.

Da Redação, com informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal

Nome de Teori Zavascki está em lista de passageiros de avião que caiu em Paraty


O Supremo Tribunal Federal (STF) recebeu há pouco a informação de que o nome do ministro Teori Zavascki estava na lista de passageiros de um jatinho que caiu na tarde desta quinta-feira (19) em Paraty (RJ) com quatro pessoas a bordo. Ainda não há informações sobre sobreviventes. A aeronave ia de São Paulo para Paraty (RJ).

De acordo com assessores da Corte, o presidente Michel Temer e a presidente do STF, Cármen Lúcia, já foram avisados e acompanham os trabalhos das equipes de resgate, mas não vão se pronunciar até a confirmação oficial sobre o acidente. Teori é o ministro relator das ações da Operação Lava Jato no Supremo.

Da Agência Brasil

Apenas 77 pessoas, de mais de 6 milhões, tiraram nota máxima na redação do Enem



Apenas 77 pessoas tiveram nota mil, a nota máxima na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), conforme balanço divulgado nesta quarta-feira (18) pelo Ministério da Educação (MEC). O número de notas máximas foi bem abaixo das 104 registradas em 2015. De acordo com o MEC, 6,1 milhões de estudantes fizeram o exame em 2016.

Os temas das redações do Enem foram "Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil”, nos dias 5 e 6 de novembro, quando a maior parte dos candidatos fez a prova; e “Caminhos para combater o racismo no Brasil”, nos dias 3 e 4 de dezembro. Em 2016, devido às ocupações de escolas e universidades por grupos contrários a mudanças educacionais no Brasil, o Enem foi adiado para alguns participantes.

“Acho que é algo absolutamente esperado. Como tem populações diferentes todos os anos fazendo o Enem, essa comparabilidade de medias tem que ser cuidadosa porque as populações são diferenciadas”, ponderou em coletiva de imprensa a presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Maria Inês Fini.

Para a secretária executiva do MEC, Maria Helena Guimarães de Castro, o desempenho na redação está também ligado ao desempenho em linguagens. A prova de linguagens, no Último Enem, registrou a menor nota mínima (287,5) e a menor nota máxima (846,4). “Há, claramente, um desempenho mais insuficiente em linguagens do que nas outras áreas, o que reforça o que as avaliações nacionais já indicam, que é a enorme dificuldade de leitura e escrita dos nossos alunos”, segundo a secretária.

A prova de redação é a única de caráter subjetivo no Enem. Os estudantes são avaliados, entre outros critérios, quanto ao domínio da escrita formal da língua portuguesa, à compreensão e aplicação de conceitos nas áreas de conhecimento, à organização e interpretação de informações e à elaboração de proposta de intervenção.

Da Agência Brasil

Chuvas atingem todas as regiões do Ceará; Crateús foi destaque, com 75 mm

Segundo dados da Funceme, esta é a maior precipitação do ano na cidade da região dos Inhamuns

Foto: VC Repórter/Whatsapp
Nas últimas 24 horas, choveu em 63 cidades de todas as regiões do Ceará. A cidade de Crateús, distante 350 quilômetros de Fortaleza, registrou o maior volume de chuvas desta quinta-­feira (19). Lá, o volume foi de 75 milímetros.

Neste ano, o município localizado na região dos Inhamuns ainda não tinha recebido um volume de chuvas considerável este ano, principalmente porque a região é historicamente uma das mais secas do Ceará.

Conforme dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), no mês de janeiro a cidade costuma receber uma média de 106mm. No ano passado, o volume do mês foi de 291mm.

Além de Crateús, Amontada (46mm), Viçosa do Ceará (45mm), Itarema (40mm), São Luís do Curu (34mm), São Gonçalo do Amarante (32mm) e Ipueiras (28mm) foram as cidades que mais se destacaram.

Confira as 10 maiores chuvas por municípios no dia:

Crateús - 75.0 mm

Amontada - 46.0 mm

Viçosa do Ceará - 45.0 mm

Itarema - 40.0 mm

Amontada - 40.0 mm

São Luís do Curu - 34.0 mm

São Gonçalo do Amarante - 32.0 mm

São Gonçalo do Amarante - 28.0 mm

Ipueiras - 28.0 mm

São Gonçalo do Amarante - 27.0 mm

Do Diário do Nordeste, com atualização de dados da Funceme

Correios passam a oferecer serviços de telefonia móvel a partir do mês de fevereiro

Operações começam em São Paulo (SP) e devem alcançar todo o país até o final do ano. 

Objetivo é chegar a todos os estados brasileiros até o fim deste ano.
Crédito: Ascom/MCTIC
A partir de fevereiro, os Correios – empresa pública vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) – passam a oferecer também serviços de telefonia móvel, como planos pré-pagos, chips e recargas. A empresa atuará no mercado como uma operadora móvel virtual (MVNO, na sigla em inglês). A ideia é utilizar a ampla rede de atendimento e confiança dos consumidores na marca Correios junto com a infraestrutura de telecomunicações de uma empresa parceira.

Nesse primeiro momento, a operação será feita em São Paulo (SP) como projeto-piloto e, posteriormente, estendida para Belo Horizonte (MG) e Brasília (DF). Até o fim do ano, a expectativa é atender até um milhão de clientes e alcançar todos os estados do país.

O presidente dos Correios, Guilherme Campos, explica que a empresa vai oferecer planos competitivos e transparentes voltados, principalmente, para os clientes de menor renda. Segundo ele, a principal vantagem do Correios Celular será a capilaridade e a confiança dos brasileiros na marca da empresa.

"Um dos grandes ativos que os Correios têm é a confiabilidade perante os brasileiros. É uma empresa que está atuando há 353 anos e que, agora, conta com mais essa alternativa de ampliação dos seus serviços", destaca.

Infraestrutura

Os Correios não precisarão investir em redes de telefonia. A infraestrutura será de responsabilidade da EUTV, empresa vencedora de licitação em maio do ano passado, que utiliza a rede da operadora Tim. A atuação das operadoras por redes virtuais são reguladas pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) desde 2010.

Fonte: Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC)

Chega a 88% o número de municípios cearenses com estado de emergência reconhecido

A medida foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta e irá permitir que os municípios tenham acesso às ações de apoio do Governo Federal para socorro e assistência à população

O Ceará vem sofrendo com os efeitos da estiagem há 5 anos. Em 2017,
 a previsão é de um maior volume de chuvas. (Foto: Fabiane de Paula)
A Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração Nacional, reconheceu nesta quinta-feira (19) a situação de emergência de 25 cidades afetadas pela seca no Ceará. Com a atualização, o estado chega a 162 cidades em situação de emergência, ou seja, 88%.

Os municípios que entraram em situação de emergência são Abaiara, Antonina do Norte, Aracoiaba, Catarina, Cedro, Choró, Ipaporanga, Itapiúna, Jaguaruana, Meruoca, Milagres, Nova Olinda, Nova Russas, Pacajus, Pindoretama, Pires Ferreira, Quixelô, Quixeré, Reriutaba, Russas, Santana do Acaraú, São Gonçalo do Amarante, Tabuleiro do Norte, Umirim e Várzea Alegre.

Em 2016, o Ceará fechou com 127 municípios em situação de emergência. Conforme a Defesa Civil do Ceará, até o dia 16 de janeiro deste ano, 137 cidades cearenses encontravam-se em situação de emergência por estiagem ou seca decretada ou homologada pelo Governo.

Apoio federal

A medida foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta e irá permitir que os municípios tenham acesso às ações de apoio do Governo Federal para socorro e assistência à população, restabelecimento dos serviços essenciais e recuperação das áreas atingidas.

Além de viabilizar o acesso aos kits de ajuda humanitária, recursos materiais e financeiros para o restabelecimento de serviços essenciais, o reconhecimento federal também permite que as Prefeituras tenham direito a outros benefícios, como a renegociação de dívidas no setor de agricultura junto ao Banco do Brasil e o apoio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para a retomada da atividade econômica nas regiões afetadas.

(Diário do Nordeste)

Secretaria anuncia novos titulares da Polícia Militar, Polícia Civil e o novo secretário adjunto da Segurança Pública


O secretário da Segurança Pública e Defesa Social, André Costa, anunciou os novos secretário Adjunto da SSPDS; comandante geral, comandante adjunto e secretário executivo da Polícia Militar; e de delegado geral, delegado geral adjunto e chefe de gabinete da Polícia Civil, nessa quarta-feira (18), na sede da SSPDS. Durante a apresentação dos novos titulares, o secretário frisou que realizará reuniões diárias, a partir de hoje, com os comandos dos órgãos vinculados para direcionar as ações de combate à criminalidade a partir de dados estatísticos.

Assume como secretário Adjunto da SSPDS, o Tenente Coronel PM Alexandre Ávila de Vasconcelos, que era o comandante do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque). O novo delegado geral da Polícia Civil passará a ser o delegado Everardo Lima da Silva, que exercia a chefia do Departamento Administrativo Financeiro da PCCE. O delegado geral adjunto permanece sendo o delegado Marcus Vinícius Sabóia Rattacaso. A chefia de gabinete da Polícia Civil fica a cargo do delegado Sérgio Pereira dos Santos, que antes era o titular da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD). O novo comandante geral da Polícia Militar passa a ser o Coronel Ronaldo Mota Viana, que estava lotado na Casa Militar. O comandante adjunto será o Coronel Adriano de Moura Soares, que trabalhava no serviço reservado da PM. O secretário executivo do órgão será o Coronel Vandesvaldo de Carvalho Moura, que exercia a função de Assessor de Desenvolvimento Institucional da Polícia Militar.

O secretário André Costa destacou o perfil operacional dos nomes que passam a compor a cúpula da Segurança Pública do Ceará. “Eles têm uma história que se confunde com a minha. Todos são pessoas com histórico de muitos serviços prestados à segurança pública, com bastante conhecimento e treinamento. Todos têm caráter de operacionalidade, com conhecimento do trabalho de rua, com perfil aguerrido e combativo, que é o que a segurança pública do Estado do Ceará sempre está precisando. Vocês vão ver a Secretaria muito atuante. Estou trazendo a minha experiência e a experiência do secretário adjunto em operações policiais, de polícia judiciária, patrulhamento, trabalho ostensivo e preventivo, para que a gente tenha uma secretaria mais ativa nas ações de polícia, principalmente com o reforço na inteligência das vinculadas e da SSPDS. Uma das ferramentas que a inteligência usará com mais afinco é o 181, que viabiliza as denúncias da população”, frisou.

O secretário adjunto da SSPDS, TCel Alexandre Ávila, ressaltou que o objetivo principal da função de secretário adjunto é atuar como assessoria técnica ao secretário, tendo um acompanhamento mais próximo das operações policiais e das operações das vinculadas, no sentido de dar suporte, facilitar todos os vínculos, todos os contatos junto ao secretário e viabilizar de forma mais efetiva um contato aproximado com todas as tropas. “Basicamente, o objetivo dessa vertente mais operacional é ter um sentimento mais próximo da rua e ter as condições de atender de forma mais efetiva as demandas operacionais que possam ocorrer, facilitando esse acesso direto ao secretário”, destacou.

Fonte: Assessoria de Comunicação da SSPDS

Pelo 3º ano seguido, temperatura global bate recorde

2016 foi o ano mais quente da história desde 1880 - Foto: AP
O ano de 2016 bateu o recorde de ano mais quente desde 1880, quando foram feitos os primeiros registros, informaram nesta quarta­feira (18) cientistas na Nasa e da Agência Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos (Noaa, na sigla em inglês).

Segundo a Noaa, a média da temperatura da superfície da Terra ficou em 0,94ºC acima da média registrada no século 20, de 13,9%. Em 2015, o recorde foi de 0,04º C a mais na temperatura. Desde o século 20 o recorde anual de temperatura global foi quebrado cinco vezes: 2005, 2010, 2014, 2015 e 2016. Este é o terceiro ano consecutivo em que o recorde é quebrado.

"Muito do calor recorde sentido no planeta pode ser atribuído ao aumento das temperaturas nos oceanos", diz o documento se referindo aos efeitos do El Niño, fenômeno caracterizado pela elevada temperatura das águas do oceano Pacífico, sobretudo nos primeiros meses de 2016.

Durante o ano de 2016, os meses de janeiro a abril, junho, julho e agosto, estão entre os 12 meses mais quentes em 137 anos. De acordo com a Nasa, "as temperaturas estão atingindo níveis que podem ameaçar nossa civilização".

No ano passado, também entrou em vigor o Acordo de Paris, que é o primeiro contra as mudanças climáticas e envolve todo o planeta. O acordo tem o objetivo de limitar o aquecimento global a menos de 2ºC acima da temperatura média.

Os dados foram divulgados próximo a data em que o republicano Donald Trump assumirá a maior potência mundial, os Estados Unidos. Considerado cético, Trump questiona se a mudança climática tem uma causa humana.

Itália 

Segundo dados da Confederação Nacional dos Cultivadores Diretos (Coldiretti) baseados no Conselho Nacional de Pesquisa do Canadá (NRC, na sigla em inglês), no ano de 2016, a Itália ficou em quarto lugar entre os países mais quentes, com uma temperatura de 1,24 graus mais alto que a média para o período.

"Estamos enfrentando os efeitos da mudança climática, que se manifestam com um forte impacto sobre a agricultura italiana", disse a Coldiretti em comunicado.

Da Agência Ansa

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Vereador preso toma posse em Itapiúna e recebe apoio da população

Foto: Mateus Dantas
Cercado por eleitores e escoltado por policiais militares, o vereador Francisco Alberto Leite Barros Filho (PDT) deixou a Câmara Municipal de Itapiúna, a 110 quilômetros de Fortaleza, após tomar posse, e retornou à cadeia da Cidade. Albertin, como é conhecido, está preso desde 4 de novembro do ano passado sob acusação de matar adversário político no dia do primeiro turno das últimas eleições, em 2 de outubro. Ele assume terceiro mandato sendo o vereador mais votado. Contudo, deve pedir licença das funções amanhã. É que o parlamentar não recebeu autorização para ser conduzido às reuniões da Casa enquanto cumprir prisão preventiva.

A assinatura do termo de posse ocorreu por volta de 9 horas desta terça-feira. A sala principal da Casa foi ocupada por cerca de cem apoiadores do pedetista. Eles carregavam cartazes com frases de apoio, gritavam pedidos de liberdade e rezavam. Com a sala cheia e a falta de espaço, maior parte da multidão sequer conseguiu chegar à cerimônia. Muitos ficaram em ruas próximas, observando a chegada e a espera da saída do parlamentar.

(Do O Povo Online)

Funceme prevê maior probabilidade de chuvas em torno da média em 2017

A probabilidade é de 40% para os meses de fevereiro, março e abril. O cenário aponta continuidade nas ações de segurança hídrica

Fotos: Marcos Studart 
Em evento realizado no auditório do Palácio da Abolição, nesta quarta-feira (18), o Governo do Ceará divulgou, por meio da Fundação Cearense de Meteorologia (Funceme), órgão vinculado à Secretaria de Recursos Hídricos (SRH), o prognóstico para a quadra chuvosa de 2017. Depois de cinco anos de seca, a probabilidade de chuvas dentro da média histórica é de 40% para os meses de  fevereiro, março e abril. O cenário inspira cuidados e continuidade nas ações de segurança hídrica.

Apresentado pelo presidente da Funceme, Eduardo Sávio Martins, o prognóstico trouxe as probabilidades de cada uma das três categorias (abaixo, em torno e acima da média histórica) referentes ao acumulado de precipitações dos próximos meses. No Ceará, há 30% de probabilidade para a categoria abaixo da média, 40% para a categoria em torno da média e 30% para a categoria acima da média.

Com relação aos setores do Estado, no noroeste a probabilidade para a categoria abaixo da média é de 25%, para a categoria em torno da média é de 35% e para a categoria acima da média é de 40%. Já no sudeste as probabilidades apontam 35% para a categoria abaixo da média, 40% para a categoria em torno da média e 25% para a categoria acima da média.


Eduardo Sávio explicou que haverá uma ligeira tendência de chuvas acima da média para o setor noroeste do Estado do Ceará e, para o setor sudeste, uma tendência de chuvas em torno da média. "O setor sudeste é o que mais nos preocupa por conta do aporte de água dos reservatórios mais estratégicos do Estado. Em anos normais, que é a categoria mais provável, nós temos 50% de chances de ter escoamento significativo nos reservatórios. Então significa que teremos aí cerca de 55% de probabilidade, com base na previsão, de nós não termos escoamentos significativos para reservatórios como o Castanhão, Orós, etc", observou.

O presidente da Funceme salientou ainda que, para o segundo semestre de 2017, se tem um indício que coloca uma preocupação para 2018 de aumento das probabilidades de surgimento do El Niño. "É uma preocupação forte para termos mais cuidado com a água neste momento de crise no Ceará. Por isso, nós temos que ter cuidado no uso da água. O nosso trabalho a partir de hoje é exatamente colocar o cenário de previsão não só de chuva, mas de vazão que nós já rodamos para a Companhia de Gestão de Recursos Hídricos, para fazer cenários de alocação. A partir daí, os impactos previstos vão ser analisados e as medidas serão tomadas para o horizonte deste ano".

No mês de fevereiro, a Funceme vai elaborar e divulgar um novo prognóstico meteorológico sobre a quadra chuvosa, em referência aos meses de março, abril e maio deste ano.

Preparação diante das previsões


Presente na solenidade, o secretário Chefe do Gabinete do Governador, Élcio Batista, ressaltou o empenho da atual gestão estadual para evitar que a crise hídrica se alastre e atinja o cotidiano da população cearense. Élcio lembrou do planejamento traçado pelo governador Camilo Santana desde 2015, colocando como prioritárias as ações de segurança hídrica, como também o trabalho incessante de órgãos como Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cogerh), Superintendência de Obras Hidráulicas (Sohidra), Funceme e Defesa Civil.

"O quinto ano de seca traz um impacto social muito grande. E nisso vale destacar o trabalho do Governo do Ceará, com apoio do governo federal, junto a uma rede de política de proteção social, que tem garantido que aquelas imagens que a gente via no passado a gente não veja se repetir mesmo no quinto ano seguido de seca. Não temos as pessoas desesperadas migrando para Fortaleza em busca de alimentos, justamente porque os programas do governo federal relacionados a esse sistema de proteção social tem sido muito eficientes em parceria com o governo estadual", disse o secretário, citando o Programa Garantia Safra, Bolsa Família, Programa Nacional de Agricultura Familiar, assim como um conjunto de políticas públicas para administração dos anos de seca.

Élcio Batista lembrou que, apenas em 2016, o governo Camilo Santana investiu mais de R$ 400 milhões em ações relacionadas à segurança hídrica, mesmo dentro de um cenário de crise econômica enfrentado por todo o país, citando o Plano Estadual de Convivência com a Seca - elaborado em 2015 por Camilo Santana e sua equipe - como fundamental para o enfrentamento das questões climáticas e da falta de água no Estado, destacando a importância das ações emergenciais e estruturantes dentro das perspectivas a curto, médio e longo prazos no Ceará. Outro destaque é o Plano de Segurança Hídrica para a Região Metropolitana de Fortaleza, a perfuração de poços no Pécem, inauguração de Estação de Tratamento de Água (última realizada no Açúde do Gavião), o programa de adutoras, a Tarifa de Contigência implementada no Ceará e o trabalho de monitoramento da Cagece contra o mal uso da água no Estado.

"O Ceará só está conseguindo enfrentar esse quinto ano de seca, quando muitas pessoas nem percebem, porque quando abrem a torneira a água está chegando lá do mesmo jeito que chegava antes, justamente pelo trabalho que se iniciou no final da década de 1980 na constituição do Sistema de Recursos Hídricos. Estamos vendo o quanto ele foi importante, com obras estruturantes, obras de médio prazo, de longo alcance, mas que estão dando conta e funcionando. Se não tivéssemos o Eixão das Águas, talvez hoje Fortaleza estivesse vivendo um período que nem sei dizer como estaríamos enfrentando. O Governo do Estado está fazendo uma obra estruturante super importante, que é o Cinturão das Águas. Uma obra para dar frutos daqui a quatro, cinco anos, mas quando ela se concretizar aí que a gente vai entender a importância real para o Ceará", disse.

Em 2016, lembrou Élcio, Camilo Santana instituiu no gabinete um grupo de contingência e de tomada de decisão, que se reúne semanalmente - uma vez por mês com o governador - para tomadas de decisões acompanhamento de todos os 184 municípios do Estado do Ceará, sob coordenação do próprio secretário, mas com a presença de todos os representantes do setor de recursos hídricos do Estado. "Se hoje não temos nenhum município em colapso absoluto de água, é graças a esse trabalho que tem sido feito. Um trabalho que reúne milhares de trabalhadores, servidores públicos que vêm se empenhando de forma fundamental", finalizou.

Gestão hídrica


O secretário de Recursos Hídricos do Estado do Ceará, Francisco Teixeira, afirmou, durante o evento de apresentação do prognóstico, que o estabelecimento de ações emergenciais e estruturantes deve continuar independente das previsões, visto que não há garantias de que haverá melhoras significativas dentro do quadro de seca apresentado no Estado há cinco anos.

"Nós temos nos preocupado, desde quando o governador Camilo Santana assumiu o governo, em estabelecer ações emergenciais no caráter da celeridade para implantação, mas que fossem ações estruturantes. Vamos continuar com a implementação de ações tanto de gestão da oferta e da demanda, como de ampliação da infraestrutura hídrica para buscar novas fontes, e é lógico, acelerar essas ações. O Governo do Estado tem feito todos os esforços para viabilizar essas ações", disse.

Teixeira expôs que é importante chamar a atenção de todas as instâncias no Estado para o estado de emergência na gestão de recursos hídricos dos municípios cearenses, como também facilitar os processos administrativos para desenvolver cada vez mais melhores ações e assegurar economia de água e consumo mais inteligente pela população. "São situações essenciais para se conviver com essa seca", afirmou.


Sobre a probabilidade de se ter um El Niño no próximo ano, o titular da pasta dos Recursos Hídricos afirmou que é preciso, ocorrendo ou não o fenômeno em 2018, haver um aprofundamento no desenvolvimento de mecanismos adequados para garantir a segurança das fontes de água em todo o Estado. Teixeira lembrou que hoje, na Região Metropolitana de Fortaleza, está sendo economizado algo próximo a 2m³ por segundo, sem precisar de racionamento clássico, apenas com ações voltadas ao Plano Estadual de Convivência com a Seca.

O secretário afirmou que no final do mês será estudado junto à Funceme novas alternativas, depois da concretização de novo prognóstico sobre a quadra chuvosa. A exploração de mais águas subterrâneas, adutoras, poços, dentre outras alternativas, devem ser amadurecidas, segundo ele.  "O Castanhão está numa região de probabilidade de ter chuva abaixo da média. Em compensação, o Maciço de Baturité, que é uma área fundamental e que abastece a Região Metropolitana, está ali na interface entre as duas áreas. Podemos ter um bom aporte na RMF. Assim como o Orós, que está na bacia do Jaguaribe, pode ter um aporte mais representativo do que o Castanhão, e o Banabuiú também. Então, o prognóstico da Funceme é algo que temos de aprofundar melhor, cruzar com os dados das nossas bacias hidrográficas e dos nossos reservatórios", exemplificou o secretário.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Fundação Cearense de Meteorologia (Funceme)

Pastor Valdemiro é resgatado em barco à deriva em Ilhabela, SP

Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros
O pastor Valdemiro Santiago e mais dois homens foram resgatados na madrugada desta quarta-feira (18) após ficarem por cerca de 15 horas em um barco à deriva em Ilhabela, no litoral norte de São Paulo. Ninguém se feriu.

A embarcação saiu da marina por volta das 5h de terça-feira (17) e apresentou problemas mecânicos. Na lancha, estavam o líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, o genro do pastor e o piloto. Eles teriam saído de barco para pescar em alto-mar.

A pane no barco aconteceu por volta das 10h e os ocupantes ficaram na embarcação à deriva por 15 horas. Segundo o Corpo de Bombeiros, os ocupantes da lancha conseguiram ligar para um sobrinho do pastor que estava em São Paulo, que acionou as equipes de resgate e passou as coordenadas.

A lancha, que seria propriedade do líder religioso, foi encontrada a cerca de 13 km da Ponta do Boi, costa sul da ilha. De acordo com a Capitania dos Portos, um outro barco particular, que estava próximo da região, chegou a ser acionado para ajudar no resgate, mas não conseguiu fazer o reboque da lancha.

Os bombeiros conseguiram fazer o resgate dos tripulantes no começo da madrugada. Nenhum dos ocupantes da embarcação se feriu. A reportagem tentou contato a Igreja Mundial do Poder de Deus, mas nenhum representante da instituição foi localizado para comentar o caso.

Pastor esfaqueado

No dia 8 de janeiro, o pastor Valdemiro Santiago foi atacado com uma facada no pescoço durante um culto em um templo da igreja no Brás, centro de São Paulo. O pastor foi levado para o Hospital Sírio Libanês com um corte profundo no pescoço e levou 25 pontos. O apóstolo recebeu alta no mesmo dia.

Já o agressor foi preso em flagrante com um facão. Ele está desempregado e disse que teve uma discussão com o pastor há algumas semanas. O caso foi registrado como tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil.

Por G1

Chove em 40 cidades cearenses e há previsão de mais chuvas


Choveu em 40 municípios do Ceará entre a terça-feira (17) e esta quarta-feira (18), de acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). A maioria dos municípios que recebeu águas fica nas região do Cariri.

Segundo os dados divulgados pela fundação de meteorologia, os maiores índices foram registrados em Assaré, onde choveu 65.7 mm; e no município de Potengi, com 55.0.

As cidades que registraram as 10 maiores chuvas foram Assaré (65.7 mm), Potengi (55.0 mm), Abaiara (45.0 mm), Santana Do Cariri (43.0 mm), Lavras Da Mangabeira (35.0 mm), Juazeiro Do Norte (35.0 mm), Araripe (32.8 mm), Crato (22.4 mm), Campos Sales (22.0 mm) e Cariús (19.0 mm).

Previsão de chuvas

A previsão da Funceme para esta quarta-feira (18), ao longo do dia nebulosidade variável com chuvas em todas as regiões do Ceará. Para esta quinta-feira (19), no decorrer do dia, nebulosidade variável com chuvas em todas as regiões do estado. Para a sexta-feira (20), ao longo do dia, nebulosidade variável com chuva em todo o Ceará.