Município

Recepção.

sábado, 27 de agosto de 2016

Mais de 55% dos estudantes brasileiros já consumiram bebida alcoólica


Pelo menos de 1,5 milhão dos 2,6 milhões de estudantes que cursavam o 9.º ano do ensino fundamental em 2015 já tinha consumido bebida alcoólica alguma vez na vida, e 236,8 mil experimentado drogas ilícitas. O número é o maior já registrado, e representa 55,5% e 9% do total, respectivamente, segundo indica Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 

Até então, o maior porcentual foi registrado em 2012, em que 50,3% dos estudantes entre 14 e 16 anos haviam reproduzido a mesma prática em relação a bebidas alcoólicas e 7,3% usado drogas ilícitas. Segundo aponta a PeNSE, sobre o consumo atual de álcool e drogas ilícitas, 626,1 mil e 110,5 mil estudantes tinham feito uso dessas substâncias nos últimos 30 dias antes da pesquisa, pela ordem 23,8% e 4,2%.

Pelo menos 21,4% relataram já ter vivenciado algum episódio de embriaguez. Considerando só os estudantes que já experimentaram uma dose de bebida alcoólica, a ocorrência de embriaguez foi de 38,5%. Entre 2012 e 2015, houve aumento de estudantes que já experimentaram drogas ilícitas – maconha, cocaína, crack, cola, loló, lança­perfume, ecstasy e outros.

Maconha 

O consumo atual de maconha foi declarado por 4,1% dos estudantes. Levando em conta os alunos que já usaram drogas ilícitas alguma vez na vida, o consumo atual de maconha foi de 46,1%. Ainda considerando os estudantes que já usaram drogas ilícitas, 5,5% declararam o uso de crack alguma vez nos últimos 30 dias, o que corresponde a 0,5% da população de estudantes pesquisados.

Já a quantidade de estudantes que já havia experimentado cigarro caiu de 19,6% em 2012 para 18,4% em 2015. A pesquisa mostra diversos pontos interessantes sobre os estudantes jovens brasileiros, dentre eles: 88,6% dos estudantes tinha idade entre 13 e 15 anos, e 51% tinham 14 anos; a rede pública de ensino concentrou 85,5% dos estudantes, ou 2,3 milhões, enquanto 14,5% estudavam na rede privada – 380,4 mil.

Escolas 

Assim, a pesquisa mostra que o uso de drogas foi mais intenso entre os alunos das escolas públicas do que entre os de escolas privadas, 9,3% contra 6,8%. Também apresenta que tanto a experimentação quanto o consumo atual de bebida alcoólica é maior entre as meninas. O indicador de experimentação foi de 56,1% para as meninas e de 54,8% para os meninos, e o consumo atual foi de 25,1% para elas e 22,5% para eles.

Da Agência CNM

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Ceará corre o risco de amargar sexto ano de seca seguido, diz Funceme


O La Niña, fenômeno climático que poderia por fim a seca prolongada no Ceará pode “perder forças” entre março e abril do próximo ano. Com isso, a tendência é que o Estado amargue o sexto ano consecutivo de seca. A análise é da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

Segundo a Funceme, nos próximos meses, as chuvas devem ocorrer somente entre dezembro e janeiro, na chamada pré-­estação no sul do estado. A Fundação, por sua vez, não fecha as portas, e não sabe precisar se em 2017 vai ser um ano de inverno rigoroso ou de seca. A possibilidade do La Niña trazer chuvas não animam os meteorologistas.

Dos 153 açudes cearenses monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), um total de 89 estão com volume abaixo de 10%. Segundo a Agência Nacional das Águas (ANA) o Ceará atingiu um nível de seca drástico na escalada estiagem medida pelo órgão.

Fonte: Ceará Agora

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Primeira parcela do 13º salário começa a ser paga a beneficiários do INSS

Antônio Cruz/Agência Brasil
Os beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que recebem um salário mínimo e têm cartão com final 1, desconsiderando-­se o dígito, começaram a receber nesta quinta-feira (25) a primeira parcela do décimo terceiro salário.

Tem direito ao décimo terceiro quem recebeu, durante o ano, benefício previdenciário como aposentadoria, pensão por morte, auxílio-­doença, auxílio-­acidente, auxílio-­reclusão ou salário-maternidade.

Os pagamentos serão feitos até o dia 8 de setembro. A segunda parcela será paga em novembro.

Os beneficiários do INSS chegaram a ter a antecipação do benefício ameaçada pelo ajuste fiscal, mas após negociações com centrais sindicais e associações de aposentados e pensionistas, o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, anunciou, no fim de junho, que o adiantamento estaria garantido.

A antecipação de 50% do décimo terceiro salário aos beneficiários do INSS é feita desde 2006.

Da Agência Brasil

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Governo Federal reconhece nove cidades cearenses em situação de emergência


O longo período de seca e estiagem colocou nove municípios cearenses e quatro baianos em situação de emergência. Com o reconhecimento da situação pelo governo, os municípios podem solicitar o apoio federal para ações de socorro, assistência e restabelecimento de serviços essenciais, como o de abastecimento de água por meio da operação Carro-­pipa.

Dentre os municípios do Ceará estão Abaiara, Antonina do Norte, Catarina, Ipaporanga, Meruoca, Pacajus, São Gonçalo do Amarante, Tabuleiro do Norte e Várzea Alegre; já na Bahia as cidades reconhecidas foram Mundo Novo, Paramirim, Planaltino e Santa Teresinha.

Setor agrícola

A medida também garante o acesso a outros benefícios, como a renegociação de dívidas no setor de agricultura com o Banco do Brasil; a aquisição de cestas básicas do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome; e o apoio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para a retomada da atividade econômica dos municípios afetados.

Do Ceará Agora, com Portal Brasil

Ceará registra 19 mortes por dengue e 7 por chikungunya

A Sesa alerta que é preciso manter as ações preventivas mesmo após o fim da quadra chuvosa

Para a próxima quadra invernosa, a Secretaria de Saúde já está construindo um
 plano de enfrentamento ao mosquito Aedes aegypti. As ações devem ter início
em janeiro de 2017 para evitar que um novo surto se instale (Foto: José Leomar)
Mesmo após o fim da quadra chuvosa, época propícia à proliferação do Aedes aegypti, devido ao fácil acúmulo de água, a dengue, junto a outras doenças relacionadas ao mosquito transmissor, permanecem a preocupar a saúde no Ceará. Conforme o documento de notificação de doenças compulsórias divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa) nesta terça-feira (23), em 2016, morreram 19 pessoas vítimas da dengue.

Quando comparado ao boletim anterior, divulgado no dia 16 de agosto, e referente a 32ª semana epidemiológica, o atual documento trouxe duas novas mortes. Do total de óbitos, cinco foram em Fortaleza, um em Caucaia, dois em Maracanaú, e um em cada um dos seguintes municípios: Maranguape, Pacatuba, Capistrano, Aracati, Fortim, Alto Santo, Limoeiro, Icó, Catarina Assaré e Horizonte.

A Capital registrou 13.466 casos de dengue e cinco óbitos confirmados. Fortaleza lidera o número de mortes, com 26,3% dos registros do Estado. Em todo o Ceará, foram notificados 25.562 casos, sendo 160 graves. Até o último dia 16, haviam 24.815 confirmações no Ceará. Ou seja, em uma semana houve um acréscimo de 747 confirmações.

De acordo com a Pasta, uma das vítimas por dengue residia em Maranguape. A outra morte foi em Limoeiro do Norte. Ambos do sexo masculino, com 57 e 63 anos respectivamente. No último boletim epidemiológico, emitido pela Sesa no dia 5 de agosto, já haviam sido confirmados casos nas 22 Coordenadorias Regionais de Saúde (CREs) e em 155 dos 184 municípios.

Reincidência 

Aos 38 anos de idade, o webdesigner Lúcio Flávio da Silva Lima já foi acometido pela dengue diversas vezes. De 2009 para cá, Lima foi diagnosticado com a doença três vezes. A mais recente aconteceu há menos de um mês. Para ele, o problema está em quem não dá a devida importância aos cuidados necessários para evitar a presença do mosquito transmissor.

"Eu já me mudei de residência, moro atualmente no Pici. É uma área arborizada e suja, o que facilita a proliferação dos focos. Em casa eu tenho os cuidados necessários, temos uma consciência ecológica. A gente faz a nossa parte, mas, de repente, quem está perto não faz. Nessa última vez que fui diagnosticado eu tive uma dor de cabeça muito forte e uma dor no corpo de forma geral", lembrou Lima.

Chikungunya 

No Estado, os números relacionados a chikungunya e ao zika vírus, outras enfermidades relacionadas ao Aedes aegypti, também se mostram em constante elevação. Sete mortes por chikungunya já foram registradas até a atual 33ª semana epidemiológica. Um óbito a mais do que na semana anterior. A última confirmação foi de uma mulher, vítima da doença aos 57 anos, que residia em Fortaleza.

Em apenas uma semana o número de casos de chikungunya aumentou em 5%. Antes, eram 18.413 registros. Agora, 19.378. Dos sete óbitos, cinco foram na Capital, um em Quixadá e o outro em Crateús. A maioria dos casos confirmados ocorreu em adultos, na faixa etária de 40 a 49 anos, com predominância do sexo feminino. O número de pessoas infectadas pelo zika vírus foi o que apresentou a menor mudança. Até a 32ª semana eram 1.547. Agora, foram confirmados 1.549.

Prevenção 

Sobre as ações preventivas para evitar a proliferação do agente transmissor das doenças, a supervisora do Núcleo de Controle de Vetores da Sesa, Roberta de Paula, afirma que o trabalho foi intensificado e as campanhas educativas continuam. Em Fortaleza, Roberta ressalta que nos últimos dias há uma inconstância relacionada às chuvas que, por vezes, acontecem de madrugada, sem que sejam percebidas e levadas em consideração pela população como um fato facilitador para a volta do acúmulo de água nas residências.

"Os ovos de mosquito são invisíveis. Quando um balde enche de água é muito rápido para aparecerem larvas, coisa de 30 minutos. O Meireles é um ponto alto de infestação em Fortaleza. É um local onde, aparentemente, as pessoas não guardam água, mas acaba acontecendo. Nessa área, é mais comum encontrarmos mais mosquitos em banheiro desativados, como por exemplo, um apartamento que tem um banheiro que passa muito tempo sem ser utilizado", explica a supervisora.

Devido à escassez de água, é comum que a população de determinados municípios do Interior acumule água nas residências. Roberta lembra que sem a vedação correta, baldes, bacias, potes e garrafas se tornam local propício para a reprodução do Aedes aegypti. A Secretaria orienta que aprender a economizar e a conviver com menos água ajuda na contenção da proliferação do mosquito.

"Não basta só colocar uma tampa ou um pano cobrindo os depósitos. É necessário tampar bem, deixar vedados, impedindo qualquer acesso para o mosquito entrar e por os ovos", reforça ela. Para a próxima quadra invernosa, Roberta adiantou que a Secretaria de Saúde do Estado já está construindo um plano de enfrentamento ao mosquito Aedes aegypti. As ações devem ter início em janeiro de 2017 para evitar que um novo surto se instale no Estado.


(Diário do Nordeste)

Mulheres representam 30% do total de candidaturas no Ceará


Nos 184 municípios do Ceará, o número de mulheres candidatas às eleições deste ano representa 30,95%, somados todos os cargos (prefeito, vice-prefeito e vereador). As candidaturas de homens somam 69,05% do total. Estão incluídos no Sistema de Registro de Candidaturas da Justiça Eleitoral 14.591 candidatos, 4.516 do sexo feminino e 10.075 do sexo masculino.

Em todo o Estado, dos 506 candidatos a prefeito, 430 são do sexo masculino (84,98%) e apenas 76 são mulheres (15,02%). Para o cargo de vereador, dos 13.574 candidatos que entraram com o pedido de registro, 9.248 são homens (68,13%) e 4.326 do sexo feminino (31,87%). No cargo de vice-prefeito, existem 511 pedidos no Cand – 114 mulheres (22,31%) e 397 homens (77,69%).

Baixio é o município do Ceará onde a relação de candidatos por sexo mais se aproxima. Dos 25 candidatos registrados no Sistema Cand, em todos os cargos, 12 são mulheres (48%) e 13 homens (52%). Em Fortaleza, dos 1.117 candidatos que pediram o registro para os cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador, 338 são mulheres (30,25%) e 779 homens (69,75%).

O TRE-­CE esclarece que esses números não são definitivos, porque alguns partidos e coligações ainda deverão se adequar para cumprir o percentual mínimo de 30% por sexo para o cargo de vereador, exigido em lei. Além disso, poderá haver substituição de candidatos e os juízes eleitorais julgarão os pedidos de registro de candidaturas. No dia 13 de setembro, o Sistema Cand será fechado para que todos os candidatos possam ser incluídos na urna eletrônica.

Da Assessoria de Imprensa do TRE-CE

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Ministério da Educação libera R$ 23 milhões para assistência estudantil


Apoiar a permanência de estudantes de baixa renda nos cursos de graduação das universidades e institutos federais de educação, ciência e tecnologia segue entre as prioridades do Ministério da Educação. Com esse intuito, o ministro Mendonça Filho destinou mais R$ 23 milhões para a assistência estudantil. Esse valor, previsto na ação orçamentária do Programa Nacional de Assistência Estudantil (Pnaes), faz parte dos R$ 277 milhões liberados pelo MEC essa semana para as instituições federais de educação superior. 

Somente este mês, o MEC repassou um total de R$ 731 milhões às instituições federais, referentes a diversas ações. Ao todo, a nova gestão já liberou mais de R$ 2,8 bilhões para a rede federal de ensino em todo o país. Desse montante, R$ 361,4 milhões foram destinados exclusivamente ao atendimento de despesas com assistência estudantil (R$ 251,5 milhões para as universidade federais e R$ 109,9 milhões para os institutos federais). 

Criado pelo Decreto nº 7.234, de 19 de julho de 2010, o Pnaes tem como premissa oferecer diferentes auxílios aos estudantes com renda per capita familiar de um salário mínimo e meio. São eles: moradia estudantil, alimentação, transporte, saúde, inclusão digital, cultura, esporte, creche e apoio pedagógico. A escolha de qual subsídio ofertar e a execução dos recursos são de responsabilidade da própria instituição de ensino.

Da Assessoria de Comunicação do Ministério da Educação

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Candidato a vice-­prefeito no interior do Ceará sofre atentado

Lourenço Oliver Sales
Divulgação
O advogado Lourenço Oliver Sales, candidato a vice-­prefeito de Cariús, interior do Ceará, pela coligação PT e PT do B, sofreu um atentado por volta das 10h30min desta segunda-­feira, 22, na rodovia estadual que liga Cariús a Iguatu. A vítima trafegava sozinha em um carro modelo Pálio Weekend, quando teria sido surpreendida por dois homens armados em uma moto.

Lourenço Oliver foi atingido por dois tiros, segundo a Polícia Civil de Iguatu. Um disparo atingiu o rosto da vítima, enquanto o outro projétil acertou o braço. Os suspeitos do crime fugiram.

O candidato a vice-­prefeito foi socorrido ao Hospital Regional de Iguatu e, em seguida, transferido ao um hospital de Juazeiro do Norte, onde está internado.

O carro da vítima foi levado para a Delegacia Regional de Iguatu, onde passará por perícia. Até o momento, ninguém foi preso.

(O POVO Online)

BPRaio começa a operar na Região Centro Sul do Ceará


O Governo do Ceará inaugurou mais uma unidade do Batalhão de Policiamento de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio), na cidade de Iguatu, na Área de Segurança Integrada 16 (AIS 16). A quinta unidade do BPRaio no Interior foi entregue à população, neste sábado (20), às 9 horas, em cerimônia na Praça Gonçalves de Carvalho. Participaram da solenidade de instalação o governador Camilo Santana, além da cúpula da segurança pública estadual e do efetivo que atuará na unidade com abrangência em toda a região Centro Sul cearense.



Em Iguatu, o efetivo do Raio foi formado por 52 profissionais do Batalhão de Policiamento de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio), divididos em seis equipes e com auxílio de duas viaturas e 24 motocicletas para atender a região da AIS 16, que é parte do Centro Sul do Ceará. O investimento total para a instalação da equipe especializada é de R$ 1,530.278,54, incluindo as 24 motos, duas viaturas, armamentos e outros equipamentos.

Ao todo, 15 municípios foram beneficiados com a instalação da unidade na região: Acopiara, Baixio, Cariús, Cedro, Icó, Iguatu, Ipaumirim, Jucás, Lavras da Mangabeira, Orós, Quixelô, Saboeiro, Tarrafas, Umari e Várzea Alegre.

A nova unidade do BPRaio dá continuidade ao reforço na descentralização das atividades especializadas da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Além das sedes em Fortaleza, Juazeiro do Norte, Sobral, Russas, Quixadá e Iguatu, o Governo do Estado trabalha ainda na instalação de mais quatro sedes do grupo especializado no policiamento em motos para atender todas as principais regiões do Estado. Os municípios de Itapipoca, Canindé, Crateús e Tauá serão as próximas unidades do BPRaio a começar a funcionar.

Ao final da implantação, o projeto de interiorização do BPRaio prevê a atuação das equipes nas principais cidades do Interior com efetivo total de 425 policiais, divididos em 60 equipes, com 240 motocicletas e 13 viaturas.


Da Assessoria de Comunicação da SSPDS

126 açudes do Ceará têm níveis de água abaixo de 30% da capacidade máxima

Os dados são da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) 

Açude Castanhão - CAMILA DE Almeida/O POVO
O Ceará tem 126 açudes, de seus 153 mananciais, com níveis de água abaixo de 30% da capacidade máxima. O Estado possui, atualmente, 10,8% do seu volume total. Os dados são da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), atualizados na noite deste domingo, 21.

O Castanhão, açude responsável pelo abastecimento da Grande Fortaleza, registra volume de 7,27%. O nível máximo do afluente é de 6,7 bilhões de m³. Cada m³ equivale a mil litros de água.

A quadra chuvosa de 2016 entrou na lista das dez piores precipitações do Ceará, desde 1951. O Estado fechou o período entre fevereiro e maio com 329,3 mm de precipitação e desvio negativo de 45,2%.

Do O POVO Online

domingo, 21 de agosto de 2016

Policial Civil candidato a vereador é morto em Senador Pompeu

Foto: Divulgação
O policial Civil José Cláudio Nogueira foi morto na CE-­166, no distrito de Inharé, em Senador Pompeu, neste sábado (20), por volta das 11h. Conforme o responsável pela Área de Segurança Integrada (AIS) 15, tenente coronel Calixto, dois homens teriam seguido e executado o policial.

O policial tinha 51 anos de idade, ensino superior completo e estava afastado do exercício da profissão, pois era candidato a vereador pelo PSB em Quixeramobim, município onde nasceu.

De acordo com a Polícia, Cláudio Nogueira estava em um carro com a mulher, quando foi surpreendido pelos disparos efetuados por dois homens em uma motocicleta, que o atingiram sete vezes. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e o encontraram ainda com vida, mas ele faleceu logo ao chegar no Hospital Maternidade Santa Izabel, em Senador Pompeu.

18ª policial assassinado 

Cláudio Nogueira foi o 18º policial assassinado neste ano no Ceará e o terceiro apenas neste mês. O último caso havia ocorrido no último dia 12, quando um soldado da Polícia Militar morreu após reagir a um assalto em Fortaleza.

Naquele mesmo dia, um policial militar morreu após ter sido baleado no dia anterior dentro de seu carro, ao lado do filho de cinco anos. No dia 4 deste mês, um sargento da polícia militar também foi morto após reagir a um assalto.

Fonte: Diário do Nordeste

sábado, 20 de agosto de 2016

Pesquisadores brasileiros desenvolvem nanopartículas que podem inativar vírus HIV

(Ilustração: Mateus Borba Cardoso)
Para se reproduzir no organismo, um vírus passa por um processo de adsorção (ligação) das suas partículas às células infectadas, conectando-­se a receptores da membrana celular. Com o objetivo de impedir essa ligação e, consequentemente, a infecção, pesquisadores do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM) desenvolveram uma estratégia que utiliza nanopartículas carregadas de grupos químicos capazes de atrair os vírus, ligando-­se a eles e ocupando as vias de adsorção que seriam utilizadas nos receptores celulares.

Dessa forma, o vírus, já com sua superfície ocupada pelos grupos químicos carregados pelas nanopartículas, fica incapacitado de realizar ligações com as células do organismo. A estratégia inovadora de inativação viral foi desenvolvida no âmbito da pesquisa "Funcionalização denanopartículas: aumentando a interação biológica", realizada com o apoio da FAPESP e coordenada por Mateus Borba Cardoso.

Trata-­se do primeiro estudo que demonstra inativação viral baseada em química de superfície de nanopartículas funcionalizadas.

“Esse mecanismo de inibição viral se dá por meio da modificação de nanopartículas em laboratório, atribuindo-­se funções à sua superfície pela adição de grupos químicos capazes de atrair as partículas virais e se conectar a elas. Esse efeito estérico, relacionado ao fato de cada átomo dentro de uma molécula ocupar uma determinada quantidade de espaço na superfície, impede que o vírus chegue até o alvo, as células, e se ligue a ele, porque já está ‘ocupado’ pela nanopartícula”, explica Cardoso.

Os pesquisadores sintetizaram nanopartículas de sílica, componente químico de diversos minerais, com propriedades superficiais distintas e avaliaram sua biocompatibilidade com dois tipos de vírus. A eficácia antiviral foi avaliada em testes in vitro, com os vírus HIV e VSV­G – que causa estomatite vesicular – infectando células do tipo HEK 293, uma cultura celular originalmente composta de células de um rim pertencente a um embrião humano. As partículas virais foram preparadas para expressar uma proteína fluorescente que muda a coloração das células infectadas, permitindo que os pesquisadores “sigam” a infecção.

A inovação segue a mesma estratégia já adotada pelos pesquisadores na funcionalização de nanopartículas que levam medicamentos quimioterápicos em altas concentrações até as células cancerígenas, evitando que as saudáveis sejam atingidas e minimizando os efeitos adversos da quimioterapia (leia mais em agencia.fapesp.br/23210).

As nanopartículas de sílica foram escolhidas mais uma vez por conta da sua porosidade, que permite uma boa funcionalização de sua superfície por meio da adição de grupos químicos em seus poros. Depois de sintetizadas, essas partículas passam por reações necessárias para que sua superfície seja funcionalizada de acordo com as afinidades químicas dos vírus. Grupos químicos específicos foram inseridos na superfície das partículas para que as proteínas virais sejam naturalmente atraídas por elas.

Após esse processo, os pesquisadores deram início à caracterização das nanopartículas, realizando medições de tamanho e checando se a funcionalização estava correta. Para isso, utilizam um arsenal de técnicas, desde microscopia a análises do potencial zeta – a carga superficial das partículas. De posse das informações sobre a carga foi possível correlacioná-­la aos dados já conhecidos do envelope viral, a composição química do que está na superfície do vírus, aumentando as chances de as nanopartículas serem ancoradas em determinadas regiões dele.

Também foi utilizada a técnica de espalhamento de raios X a baixos ângulos (SAXS, na sigla em inglês). Por meio de radiação gerada pelo acelerador de partículas do Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS), integrante do CNPEM, os pesquisadores utilizam a técnica para enxergar e estudar a forma e a organização espacial de objetos em proporções nanométricas – no caso, as nanopartículas de sílica funcionalizadas.

“As nanopartículas devidamente funcionalizadas e as partículas virais passaram, então, por um tempo de incubação para que interagissem umas com as outras em função das propriedades de superfície de ambas. Quando existe muita atração, provocada pelos grupos químicos presentes na superfície das nanopartículas, a preferência do vírus é de se ligar a elas, não às células”, conta Cardoso.

Após a funcionalização das nanopartículas, os estudos sobre sua carga e outras propriedades e o período de incubação, os pesquisadores realizaram os testes in vitro infectando as células HEK 293 com os vírus HIV e VSV­G preparados para expressar a proteína fluorescente. Por meio de microscopia de fluorescência foi possível acompanhar a infecção e também as células que não foram atingidas por ela. Utilizando citometria de fluxo, tecnologia capaz de analisar simultaneamente diversos parâmetros de células ou partículas em suspensão, os pesquisadores puderam contar as células positivas e negativas frente à exposição ao vírus: as nanopartículas chegaram a reduzir a infecção viral em até 50%, demonstrando a eficiência da estratégia.

“Esse resultado poderia chegar a 100% se aumentássemos a quantidade de nanopartículas funcionalizadas no período de incubação, mas os testes são realizados em uma faixa otimizada de inativação viral, para que possam ser observados os efeitos nas células atingidas pelos vírus, realçando as diferenças para fins de comparação”, diz o pesquisador.

Os testes também permitiram verificar que durante o processo a morfologia celular foi mantida, sem que as nanopartículas a influenciassem.

De acordo com Cardoso, a estratégia poderia ser utilizada, por exemplo, na detecção e eliminação de vírus em bolsas de sangue antes de transfusões. Para isso, conta o pesquisador, estão sendo estudadas nanopartículas magnéticas que, uma vez dentro do meio sanguíneo contido na bolsa, se ligariam aos vírus, inativando-­os e sendo posteriormente separadas do sangue por um ímã, levando consigo as partículas virais. A afinidade entre os grupos químicos carregados pelas nanopartículas e as partículas virais também poderia servir ao desenvolvimento de novas técnicas de detecção do HIV e de outros vírus.

Os resultados da pesquisa foram publicados no periódico científico Applied Materials & Interfaces. O artigo Viral Inhibition Mechanism Mediated by Surface­Modified Silica Nanoparticles é assinado por Juliana Martins de Souza e Silva, Talita Diniz Melo Hanchuk, Murilo Izidoro Santos, Jörg Kobarg e Marcio Chaim Bajgelman, além de Cardoso, e pode ser acessado empubs.acs.org/doi/abs/10.1021/acsami.6b03342.

Fonte: Agência FAPESP

Oposição lança um bode contra candidatura única nas eleições em Jati


Em Jati, no Sul do Ceará, parte dos eleitores encontraram uma forma irreverente de protestar pela reeleição da prefeita Neta (PDT). Depois de ter a candidatura rejeitada pelo cartório eleitoral, o grupo de oposição escolheu um animal "Bode 90" como forme de se manifestar contra a atual administração.

Dr. Jarbas, médico que atende pelo Programa Mais Médico do Governo Federal não se desincompatibilizou em tempo hábil, deixando a oposição sem opção. "Resolvemos não apresentar outro candidato, pois temos um compromisso, um programa da oposição. No momento do registro optamos em ficar de fora", pontou o professor universitário Kael Rocha, que faz questão de frisar que em Jati a única candidatura não é unanimidade no município. "O "Bode 90" será nosso instrumento de protesto", afirmou.

E o protesto parece ter entrado no gosto popular. Seja pela irreverência ou pela vontade popular, o animal tem grande aceitação e é visto diariamente desfilando na garupa de moto pelas ruas da cidade. O animal tem até campanhas nas redes sociais.

Pela Legislação Eleitoral, a única candidata na disputa, a prefeita Neta, será considerada eleita se tiver mais de 50% dos votos válidos. Quem votar no "bode" terá seu voto anula.

Segundo o TRE-­CE, Jati é um dos três municípios cearenses que terá candidatura única. Os outros dois são Potengi, no Cariri; e Reriutaba. na Região Norte.

(Com Blog Flavio PintoNews)

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Seis municípios do interior do CE têm apenas um candidato a prefeito

Especialista e políticos avaliam que o cenário é resultado da limitação de gastos exigida pela nova legislação, além da atual crise institucional no País

Gráfica / O Povo
Mesmo após início do período de campanhas eleitorais, seis municípios do interior do Estado ainda tem apenas um candidato a prefeito nas eleições de 2016. Para especialista, o número é “inédito” e “reflexo” das alterações de prazo e redução de gastos previstos na reforma eleitoral, além da crise política nacional. Entre os seis municípios estão Ibaretama, Jati, Meruoca, Ocara, Potengi e Reriutaba.

A advogada especialista em direito eleitoral Isabel Mota, membro fundadora da Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político (Abradep) acredita que a situação é “inédita”. “Nunca ouvi falar de tantos municípios com apenas um candidato”, afirma Isabel.

Ela aponta que diferença e redução nos prazos de registro e campanha, além da restrições de financiamento, com diminuição do teto de gastos e proibição de doações de empresas, contribuem para o cenário. Destaca, porém, o “processo contínuo de criminalização da classe política” como causa de afastamento de políticos.

“A situação é reflexo disso. O cidadão está sendo afastado de cargos políticos porque sabe que vai, independente do desempenho, ser colocado ao lado de outros que estão expostos de forma exagerada pela mídia. Só se sabe que político é bandido e quem é cidadão de bem não quer se misturar com isso”, argumenta.

Reriutaba 

No município de Reriutaba, avistam-se os três pontos elencados pela advogada.

O atual prefeito Galeno Taumaturgo (Pros) desistiu de reeleição e preferiu voltar à Medicina. Segundo Galeno, ele está “neutro” em toda a eleição e não quer mais nada com política. “Sou médico em Fortaleza. Vou voltar a esse trabalho, mesmo”, diz.

Regis Rego (PT) conta que Galeno decidiu “declinar à reeleição no último minuto do 2º tempo da prorrogação” e, por isso, a coligação não conseguiu se organizar em torno de um nome, que seria o do próprio Regis.

“Lamento. Queria apresentar meu nome, mas não havia condição”, desabafa, admitindo que as restrições financeiras pesaram para a escolha. “É uma dificuldade conseguir recursos. Com essa onda de denuncismo, a disposição de ajudar candidato é muito pequena. A não ser que se tenha condição financeira, é difícil. O dinheiro ainda prevalece e as pessoas são muito carentes”, complementa. Segundo Regis, não houve nenhum acordo com o único candidato, Osvaldo Neto (PDT).

De acordo com o cartório de Reriutaba, entretanto, Clerton Furtado (PT) efetuou requerimento de candidatura e aguarda decisão judicial. Isabel Mota alega que, pela lei, considera difícil registro após ter expirado prazo de convenções. (colaborou Amaury Alencar)

SAIBA MAIS

Em eleições com um candidato, o único postulante a cargo de prefeito precisa de 50% dos votos válidos para ser eleitos. Votos brancos e nulos entram no coeficiente eleitoral e podem ajudar o candidato a se eleger. Caso o percentual não seja atingido, novas eleições deverão ser convocadas .

No município de Potengi, Josa Brilhante (PTC) era o segundo candidato registrado para o pleito. A coligação, porém, pediu anulação do registro por problemas de saúde de Josa, que assinou termo de renúncia, homologado pela Justiça Eleitoral. Nesse caso, outro nome deverá substituí-lo. Até o momento, contudo, os candidatos a prefeito, Francisco Luís Mendes Rodrigues (PT), e a vice-prefeito, Galvão Alves (PCdoB), não têm adversário nas eleições de outubro.

Segundo informou Francisco Luís, houve uma conversa entre as lideranças da região no último final de semana, onde ficou acertado, até mesmo por viabilidade econômica, manter uma só candidatura. “ O importante é trabalharmos para uma cidade melhor”, afirmou. O candidato a prefeito mais votado, nas eleições de 2012, recebeu 3.200 votos válidos. Esta será a segunda vez que Potengi terá candidato único. A última candidatura única aconteceu em 1970, com mandato de dois anos, assumindo a prefeitura José Edvaldo de Souza, conhecido como Zé Tibúrcio.

Fonte: O POVO Online

Ficha Limpa pode barrar 4,8 mil candidatos no País

Promotores eleitorais vão avaliar impugnação das candidaturas com base em irregularidades identificadas por sistema do Ministério Público Federal


Ao menos 4.849 políticos que tentam concorrer nas eleições municipais deste ano no País podem ter os registros de candidatura impugnados por serem considerados ficha-­suja perante a Justiça Eleitoral, segundo levantamento obtido pelo Estado. A análise foi feita sobre as 467.074 candidaturas já validadas pelo Tribunal Superior Eleitoral até esta quinta-feira, 18.

Entre as irregularidades que enquadram um candidato como ficha-­suja está desde a rejeição de contas relativas ao cargo ou função pública quanto uma condenação em segunda instância por crimes como lavagem de dinheiro, corrupção, peculato ou abuso de poder econômico.

Os quase 5 mil casos foram identificados após cruzamento do CPF dos candidatos registrados com bases de dados de tribunais de Justiça, tribunais de contas e outros órgãos de controle. Este cruzamento é feito automaticamente por um sistema do Ministério Público Federal e os dados enviados aos cerca de 3 mil promotores eleitorais, que devem verificar se a ocorrência apontada vai ou não barrar o candidato. O sistema pode encontrar, por exemplo, uma decisão judicial desfavorável ao político, mas que já está suspensa por uma liminar.

Apesar de o sistema já ter sido usado na eleição de 2014, essa é a primeira vez que todos os promotores que atuam nas eleições têm acesso direto aos dados, segundo o Grupo Executivo Nacional da Função Eleitoral (Genafe). Para termos de comparação, em 2012, o TSE recebeu quase 8 mil recursos referentes a impugnação de candidatura, sendo que aproximadamente 3 mil foram oriundos de ações baseadas na Lei da Ficha Limpa.

Número maior. O Ministério Público Eleitoral acredita que o número detectado até agora possa estar subestimado. Além de o TSE não ter validado todas os registros de candidaturas até o momento, o levantamento prévio é feito de forma automática, mas há diversos casos de “falso negativo” – quando o sistema não verifica pendências do político pelo CPF, mas ele é inelegível. Por isso, cada promotor é estimulado a fazer buscas não só pelo CPF, mas também pelo nome do candidato a prefeito ou vereador, o que amplia os resultados.

Para 2018, a intenção do MP é constituir um convênio com o Conselho Nacional de Justiça que dê acesso garantido aos bancos de dados da Justiça.

A procuradora da República e coordenadora nacional do Genafe, Ana Paula Mantovani, estima que ao menos 10 mil recursos questionando registros de candidatura cheguem ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a partir da segunda quinzena de setembro. Antes de serem levados à Corte eleitoral, os casos são discutidos nos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs).

Apesar dos prazos curtos para impugnação de registro, a previsão é de que nem todos os casos sejam solucionados antes do primeiro turno, que acontece no dia 2 de outubro. “Podemos ter muitos candidatos concorrendo sem a definição com relação ao registro. Se ao final a decisão (do TSE) for pela improcedência do recurso, todos os votos são anulados”, afirmou a procuradora, destacando a insegurança com relação às eleições deste ano.

O Estado com maior ocorrência de possíveis fichas-­sujas que concorrem é São Paulo – localidade que também concentra o maior número de candidatos registrados. No total, o sistema identificou 1.403 políticos do Estado que possuem ocorrências que podem inviabilizar a eleição. Minas (620 casos) e Paraná (461) vêm logo atrás.

Alteração. Uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) da semana passada pode beneficiar políticos que tiveram suas contas rejeitadas por tribunais de contas. No entendimento da maioria dos ministros da Corte, cabe às câmaras municipais – e não aos tribunais de contas locais – dar a palavra final sobre o balanço contábil de políticos. Assim, candidatos que tiveram a contabilidade rejeitada pelo tribunal de contas da localidade poderão concorrer nas eleições se o balanço não tiver sido rejeitado pelo Legislativo. A decisão foi alvo de críticas por defensores da Lei da Ficha Limpa. Para o presidente da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), Valdecir Pascoal, 6 mil prefeitos e ex-­prefeitos serão “imunizados pela decisão do Supremo”.

Fonte: Estadão Conteúdo

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Nenhuma cidade do Ceará receberá Seguro Safra em agosto


Os agricultores cearenses que aguardavam com expectativa a divulgação da Portaria do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), liberando o pagamento do seguro safra para este mês de agosto estão indignados, pois de acordo a Portaria Nº 60, de 16 de agosto de 2016 da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário, apenas 45 cidades de Minas Gerais receberão o seguro safra este mês.

O MDA ainda não se manifestou para explicar o porquê de apenas essas cidades mineiras serem contempladas neste mês.

O programa Garantia Safra prevê a busca pela melhoria das condições de convivência dos agricultores com o semiárido e cobre a perda da safra por excesso de chuvas ou período de seca, atendendo agricultores que produzem arroz, algodão, feijão, mandioca ou milho no semiárido brasileiro. O programa assegura ao agricultor familiar com renda mensal familiar de até 1,5 salário mínimo por mês, renda de R$ 850 reais paga em cinco parcelas, em caso de perda de pelo menos 50% da produção do município.

Atualmente, o Ceará é o estado com maior número de beneficiados: 249.848 agricultores devidamente cadastrados no programa. Em todo o País, são cerca de 1.055.196. Somente o Ceará representa cerca de 25% desse total, sendo os municípios de Quixadá, Banabuiú, Quixeré e Russas responsáveis pelas maiores adesões.

O Fundo do Garantia Safra é constituído pela contribuição do agricultor, que paga uma única parcela de R$ 17, e dos entes públicos: R$ 51 (Município) R$ 102 (Estado) e R$190 (União), o que equivale a um investimento total de R$ 340 por agricultor.

Cada agricultor do município que tiver a perda comprovada, segundo os parâmetros técnicos de vários órgãos como Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Ematerce e Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) receberá o valor de R$ 850 divididos em cinco parcelas iguais, mensais e consecutivos de R$170.

PORTARIA – MDA – SEGURO SAFRA AGOSTO 2016 (1)

Fonte: Ceará Agora

Morre aos 75 anos o deputado estadual Professor Teodoro

Foto: Arquivo ALCE
Morreu aos 75 anos nesta quinta-­feira (18), em Fortaleza, o deputado estadual Professor Teodoro Soares (PSD). O parlamentar estava internado desde terça da semana passada, no hospital Monte Clínico. Teodoro morreu de falência múltipla dos órgãos. O corpo será velado inicialmente na Assembleia Legislativa, depois seguirá para a Universidade Vale do Acaraú (UVA) em Sobral. O sepultamento será em Reriutaba.

Nascido em 28 de dezembro de 1940, José Teodoro Soares presidente da Universidade da Universidade do Parlamento Cearense (Unipace) e docente da Universidade Estadual do Ceará (Uece).

José Teodoro Soares foi eleito deputado pela primeira vez em 2006, pelo Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB). Nas eleições de 2010, ficou com uma vaga na suplência, assumindo o mandato em 2011 e se efetivando no final de 2012. Em 2014, voltou a ocupar a suplência, assumindo o mandato em 2015 pelo Partido Social Democrático (PSD).

Professor Teodoro era membro das academias Cearense de Ciências Sociais; Sobralense de Letras; e de Letras dos Municípios do Ceará. Também já foi reitor da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), entre 1990 e 2006, e da Universidade Regional do Cariri (Urca), de 1987 a 1990.

O parlamentar foi ainda presidente do Conselho de Reitores do Ceará, vice-presidente do Conselho de Educação do Ceará e secretário geral adjunto do Ministério da Educação e Cultura. Ao longo da vida, publicou 32 livros.

Professor Teodoro foi casado por 36 anos com a professora e escritora Maria Norma Maia Soares, que morreu em julho de 2014. Ela foi presidente do Movimento das Mulheres do Legislativo Cearense entre 2008 e 2014.

Do G1 CE

Prazo para informar gastos com Bolsa Família termina em 31 de agosto

Dados se referem à execução do programa em 2015. Municípios que não enviarem as informações terão o repasse de recursos suspenso

Gestores estaduais e municipais do Bolsa Família têm até o dia 31 de agosto para informar ao Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) sobre os gastos com a execução do programa ao longo de 2015. 

Os dados devem ser lançados no Sistema SuasWeb, do MDSA. Os municípios que não informarem seus gastos terão o repasse de recursos de setembro suspenso até que regularizem a situação. 

A transferência é feita com base no Índice de Gestão Descentralizada do Bolsa Família (IGD­PBF), que mede o desempenho dos municípios na gestão do programa e do Cadastro Único. O índice varia entre zero e 1. Quanto mais próximo de 1, melhor o resultado da avaliação da gestão. Se chegar a zero, o município pode perder o recurso. 

“É muito importante que o município tenha um bom desempenho na gestão do Cadastro Único para Programa do Governo Federal e no acompanhamento das condicionalidades para continuar a ter o recurso”, explica o diretor de Operações da Secretaria Nacional de Renda de Cidadania do MDSA, Celso Corrêa. 

Segundo dados do MDSA, até o dia 11 deste mês, 5.091 municípios já lançaram as informações no SuasWeb. O passo a passo da prestação de contas pode ser consultado no  Manual de Orientações sobre a prestação de contas do IGD Outras informações estão disponíveis no endereço http://mds.gov.br/acesso-a-informacao/contato e também podem ser obtidas pelo telefone 0800 707 2003.

IGD – O recurso para a execução do Programa Bolsa Família é repassado anualmente pelo MDSA aos entes federados. A quantia é calculada com base no Índice de Gestão Descentralizada (IGD). O gestor municipal ou estadual do programa é o responsável pela aplicação dos recursos. As atividades devem ser planejadas de maneira integrada e articulada com as áreas de educação, assistência social e saúde, levando em consideração as demandas e necessidades da região. 

Informações para a imprensa: 

Da Ascom/MDSA

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Nasa diz que julho foi o mês mais quente dos últimos 136 anos

Imagem / Divulgação
Uma análise mensal das temperaturas globais feita por cientistas da Nasa, a agência espacial dos Estados Unidos, mostrou que julho de 2016 foi o mês mais quente desde 1880. Este ano pode ser o mais quente da história.

"Não foi por uma margem larga, mas julho de 2016 foi o mês mais quente desde que os registros começaram a ser feitos em 1880", disse Gavin Schmidt, diretor do Goddard Institute for Space Studies (Giss), da Nasa. "Parece quase uma certeza que 2016 também será o ano mais quente da história", afirmou o diretor em comunicado divulgado pela agência espacial.

De acordo com a Nasa, o registro da temperatura global moderna começa por volta de 1880 porque as observações anteriores não cobriam suficientemente o planeta Terra.

A análise feita mensalmente pela equipe do Giss é realizada a partir de dados adquiridos por cerca de 6.300 estações meteorológicas em todo o mundo, instrumentos navais e bóias de medição da temperatura da superfície do mar e estações de pesquisa da Antártida.

Os números, divulgados pela Nasa, acompanham uma tendência de máximas mensais registradas pelo décimo mês consecutivo, desde outubro de 2015. “Em comparação com anos anteriores, as temperaturas globais mais quentes no mês passado foram mais pronunciadas no hemisfério norte, especialmente perto da região do Ártico”, disse o comunicado.

Portugal 

Em Portugal, julho deste ano já havia sido registrado como o segundo mês mais quente desde 1931, segundo dados do Boletim Climatológico do Instituto Português do Mar e da Atmosfera. O valor médio da temperatura máxima do ar no mês passado foi de 32,19 C°.

Ainda em julho, as temperaturas máximas e mínimas estiveram muito superiores ao normal. De acordo com o instituto português, os valores médios da temperatura do ar só foram maiores em 1989, ficando em 24,33 C° (em julho de 1989 foi de 24,63 C°), mais de dois graus acima do valor médio do período entre 1971 e 2000.

Da Agência Brasil

Em carta, Dilma propõe plebiscito sobre eleição presidencial

Wilson Dias/Agência Brasil

A presidenta afastada Dilma Rousseff divulgou na tarde desta terça-feira (16) uma carta à população propondo a realização de plebiscito sobre a convocação de eleições presidenciais antecipadas.

"Estou convencida da necessidade e darei meu apoio irrestrito à convocação de um plebiscito, com o objetivo de consultar a população sobre a realização antecipada de eleições, bem como sobre a reforma política e eleitoral", diz o documento.

Na carta, Dilma aborda a crise política e defende que a população decida sobre a realização de um novo pleito presidencial. “A restauração plena da democracia requer que a população decida qual o melhor caminho para melhorar a governabilidade", disse, ao ler o documento, direcionado à nação e aos senadores, durante entrevista coletiva à imprensa no Palácio da Alvorada. A presidente afastada apenas leu o documento e não respondeu perguntas.

No documento, intitulado "Mensagem ao Senado e ao povo brasileiro", Dilma reafirma que não cometeu crime de responsabilidade e classifica o processo de impeachment contra ela de "golpe". Dilma diz que caso o Senado decida pelo afastamento definitivo dela da Presidência da República haverá "ruptura da ordem democrática baseada em um impeachment sem crime de responsabilidade".

Na carta, Dilma também reconhece erros cometidos durante seu governo e acena com mudanças na política econômica caso retorne à presidência.

A presidenta disse ainda que o processo é injusto, pois foi "desencadeado contra uma pessoa honesta e inocente."

Dilma disse ainda que apoia a luta contra a corrupção e que ela é "inegociável".

"Não tenho contas secretas no exterior, nunca desviei um único centavo do patrimônio público e não recebi propina de ninguém", disse Dilma ao ler a carta, em referência ao deputado afastado e ex­presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

A presidenta afastada convocou uma coletiva de imprensa no Palácio da Alvorada para explicar os argumentos da carta, debatidos nos últimos dias com aliados. O texto que será encaminhado aos senadores aponta um dos últimos posicionamentos de Dilma antes do julgamento final do processo de impeachment.

Na semana passada, 59 senadores votaram pela aceitação do parecer que dá continuidade ao processo. Com isso, o julgamento de Dilma por crime de responsabilidade terá início no próximo dia 25, uma quinta-­feira. Para barrar o impeachment, Dilma precisa do voto de, no mínimo, 28 do 81 senadores. A presidenta afastada não informou se irá ao Senado para apresentar pessoalmente sua defesa.

Acompanharam Dilma na entrevista os ex-ministros Eleonora Menicucci (Secretaria Especial de Políticas para Mulheres), Jaques Wagner (Casa Civil), Ricardo Berzoini (Secretaria de Governo) e Aloizio Mercadante (Educação).

Agência Brasil

Ceará é o 4º do País em casos de microcefalia

De acordo com o último boletim epidemiológico do Ministério da Saúde (MS), o Estado contabiliza 136 casos

Foram notificados casos de microcefalia em 110 municípios cearenses, mas até
 o dia seis de agosto, houve a confirmação em 52 deles (Foto: Fabiane de Paula)
O Ceará é o quarto estado brasileiro que mais confirmou casos de microcefalia e outras alterações do Sistema Nervoso Central (SNC), sugestivos de infecção congênita, referente ao período de outubro de 2015 até o último dia 6 de agosto deste ano. De acordo com o último boletim epidemiológico do Ministério da Saúde (MS), o Estado contabilizou 136 casos, ficando atrás da Paraíba (159), Bahia (287) e de Pernambuco (376).

Do total de 554 casos notificados neste período, segundo o levantamento, o Ceará mantém 151 em investigação e outros 267 foram descartados. Em relação ao boletim anterior, com período até 30 de julho, houve o acréscimo de um caso notificado e de seis descartados. O número de confirmações não sofreu alteração entre as datas.

Das confirmações no Estado, 22 evoluíram para óbito fetal ou neonatal, uma a mais que o levantamento do dia 30 de julho, e que corresponde a 18% das mortes em todo o Brasil, 122 até o momento. Mais 16 óbitos estão em investigação no Ceará e dois foram descartados.

Dos 184 municípios cearenses, 110 tiveram casos notificados da microcefalia, mas até o dia seis de agosto, houve a confirmação da incidência em 52 deles, ou seja, em 28,3% do Estado. Em todo o País, o Ministério da Saúde notificou 8.890 casos, confirmou 1.806 e descartou 4.106. Outros 2.978 casos permanecem em investigação.

Tratamento 

Para o tratamento de crianças com distúrbios neuropsicomotores, entre eles os causados pela microcefalia, o Governo do Estado conta com 10 Núcleos de Estimulação Precoce. O último foi inaugurado na policlínica regional do município de Sobral, em junho deste ano, garantindo atendimento para crianças de 0 a 3 anos de idade. O objetivo é descentralizar os serviços de saúde, para que os pacientes recebam o tratamento adequado próximo às suas famílias. A intenção é implantar Núcleos de Estimulação Precoce em todas as policlínicas.

Das 19 crianças sendo acompanhadas por uma equipe multiprofissional em Sobral, 13 têm o diagnóstico de microcefalia. As demais policlínicas com o serviço implantado estão em Caucaia, Barbalha, Russas, Baturité, Camocim, Tianguá, Crateús, Limoeiro e Pacajus. As equipes são compostas por fonoaudiólogo, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, psicólogo, além de pediatra ou neuropediatra. A criação dos Núcleos de Estimulação Precoce foi uma iniciativa do Governo do Estado em parceria com o Núcleo de Tratamento e Estimulação Precoce (Nutep), programa de extensão da Universidade Federal do Ceará (UFC), e dos municípios.

Também como parte das medidas de enfrentamento às doenças causadas pelo mosquito Aedes aegypti no Brasil, o Governo Federal passou a prestar assistência social às crianças com microcefalia, concedendo o Benefício de Prestação Continuada (BPC), já voltado a pessoas idosas ou deficientes de baixa renda. O auxílio está previsto na Lei 13.301/06. O benefício corresponde a um salário mínimo mensal e, para conseguir, a mãe ou o responsável pela criança deve procurar uma agência do Instituto Nacional de Segurança Social (INSS) para cadastro.

Fonte: Diário do Nordeste

Justiça Eleitoral no CE recebe 14.825 pedidos de registro de candidaturas

Fortaleza tem 8 candidatos ao cargo de prefeito e 1.093 ao de vereador. 515 candidatos concorrem às prefeituras de 184 municípios do Ceará.


A Justiça Eleitoral no Ceará recebeu 14.825 pedidos de registro de candidaturas para as eleições de outubro deste ano., dos quais 515 ao cargo de prefeito, 515 ao de vice-­prefeito e 13.716 para vereador nos 184 municípios. O prazo de solicitação de registro terminou às 19h desta segunda-feira (15). Em 2012, foram 14.716 solicitações.

Em Fortaleza, foram encaminhados à Justiça Eleitoral oito pedidos de registro ao cargo de prefeito, oito para vice-prefeito e 1.093 ao cargo de vereador, que concorrem às 43 vagas na Câmara Municipal. Os juízes eleitorais começarão a analisar e a julgar os pedidos a fim de que os candidatos sejam confirmados ou não na disputa eleitoral. Luizianne Lins foi a última candidata à prefeitura de Fortaleza a dar entrada no pedido de registro, pouco antes das 18h, através dos advogados do Partido dos Trabalhadores.

De acordo com Orleanes Cavalcante, secretária judiciária do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), há possibilidade de mais candidatos, partidos e coligações pedirem o registro em duas situações: a primeira, pelo do Requerimento de Registro de Candidatura Individual (RRCI), no caso de o partido ou coligação ter realizado convenção e não ter encaminhado o pedido de registro à Justiça Eleitoral. O segundo caso, quando o partido ou coligação não encaminhou o registro da totalidade de candidatos à qual a sigla tem direito. Neste caso, o prazo se encerra no dia 2 de setembro.

Segundo o Calendário Eleitoral, os pretensos candidatos ficam autorizados a iniciar a campanha eleitoral, nesta terça-feira (16), dentro dos limites impostos pela legislação eleitoral que traz algumas novidades em relação às eleições anteriores. Uma delas é a proibição de propaganda através de pintura em muros. A campanha nas redes sociais estará liberada, mas é proibido contratar direta ou indiretamente pessoas para publicar mensagens ofensivas contra adversários. GUIA DO ELEITOR Veja datas e regras das eleições 2016 local de votação o que faz um vereador o que faz um prefeito doações eleitorais

Além disso, os carros de som só podem circular de 8h às 22h. Comícios estão autorizados, mas precisam terminar antes da meia-­noite e não podem ter shows musicais. Outra mudança será no horário eleitoral no rádio e na televisão, que teve o período e o tempo de propaganda em bloco reduzidos. Este ano, a duração da campanha eleitoral fica reduzida de 90 para 45 dias.

Nesta quarta-feira (17), a juíza eleitoral da 82ª Zona Eleitoral (ZE), Jane Ruth Maia de Queiroga, que coordena a Comissão de Propaganda Eleitoral e do Poder de Polícia, em Fortaleza, fará uma reunião com os representantes dos partidos políticos e Associação Cearense de Emissoras de Rádio e Televisão (Acert), no Fórum Eleitoral Péricles Ribeiro, para definir o tempo dos partidos e coligações e dos veículos responsáveis pela transmissão do horário eleitoral no rádio e na TV a partir do dia 26 de agosto.

Eleições

O primeiro turno das eleições municipais de 2016 será realizado em 2 de outubro. O segundo turno, em cidades com mais de 200 mil eleitores (Fortaleza e Caucaia, no Ceará), está marcado para 30 de outubro.

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), os candidatos à Prefeitura de Fortaleza poderão gastar até R$ 12,4 milhões no primeiro turno da disputa e R$ 3,7 milhões em um eventual segundo turno. Já os candidatos a vereador da capital cearense terão limite de R$ 460 mil na campanha.(veja o limite de gastos por município)

Processos eleitorais

A Lei das Eleições também determina que os processos eleitorais passam a ter prioridade de tramitação e julgamento em relação aos demais. São exceção apenas os habeas corpus e mandados de segurança.

A lei estabelece que juízes e promotores não podem deixar de cumprir os prazos definidos pela Justiça Eleitoral. O descumprimento constitui crime de responsabilidade e é objeto de anotação funcional para efeito de promoção na carreira.

Além das polícias judiciárias, os órgãos da Receita federal, estadual e municipal, os tribunais e órgãos de Contas auxiliarão a Justiça Eleitoral na apuração dos delitos eleitorais, com prioridade sobre suas atribuições regulares.

Do G1 CE

terça-feira, 16 de agosto de 2016

Região Centro-Sul receberá nova rodovia este ano


A região Centro-Sul vai contar ainda este ano com mais uma rodovia segura e totalmente pavimentada. A CE-371, no trecho que passa pelos municípios de Deputado Irapuan Pinheiro e Acopiara, está recebendo serviços de movimentação de terra, drenagem, obras d'artes correntes e especiais, sinalização vertical e horizontal, além de proteção ambiental. A obra, realizada pelo Departamento Estadual de Rodovias (DER), está com 70% dos serviços executados e tem previsão de conclusão em outubro de 2016.

O investimento total da obra, que compreende um trecho de 35,2 quilômetros, é de R$ 32.444.630,91 milhões. Os trabalhos integram o Programa Viário de Integração e Logística – Ceará IV, que conta com recursos do Tesouro do Estado e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).


Da Assessoria de Comunicação do DER

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Mulher tenta entrar na cadeia de Quixadá levando drogas na genitália

Foto: arquivo/Alex Pimentel
No domingo do dia dos pais uma mulher terminou presa por tentar presentear um detento com drogas que ela escondia dentro da genitália. O plano acabou descoberto por uma agente prisional que desconfiou da mulher e pediu para fazer uma revista.

Toda a trama foi desvendada durante a manhã de visita do último domingo (14). De acordo com as informações da Polícia, a mulher, que não teve a identidade revelada, levava 105 gramas de maconha nas partes íntimas. Após o plano ser descoberto, a mulher confessou que a droga seria levada para Claudiano da Silva Lima.

A polícia foi acionada e levou até a acusada para a Delegacia Regional de Polícia Civil (DRPC) onde ela prestou depoimento e presa.

Fonte: Diário Sertão Central

Dois homens são mortos e dois ficam feridos em festa vaquejada no Ceará

Um dos mortos é suspeito de ter assassinado um homem no evento. Polícia Militar informou que já existia uma rixa entre os envolvidos.

Dois homens foram assassinados na noite de domingo (14) durante um briga em um evento de vaquejada no município de Acopiara, interior do Ceará. Outras duas pessoas ficaram gravemente feridas.

Conforme a Polícia Militar, um homem matou um desafeto a tiros, após uma discussão na festa. Os disparos também atingiram um outro homem que estava no local. Ele foi socorrido em estado grave para um hospital da região.

Após o assassinato, o suspeito do crime foi capturado por moradores que conheciam as vítimas. A PM informou que o homem foi amarrado, espancado e esfaqueado. Ele não resistiu e morreu no local.

Equipes da Polícia Militar do município realizaram buscas pela região para tentar prender um quarto envolvido, suspeito de ter participado de um dos assassinatos. Ele também foi ferido na confusão, mas conseguiu fugir.

Do G1 CE

Fim de semana mais violento do ano registra 41 casos de assassinatos

Somente na Capital foram registrados 19 assassinatos no fim de semana


O Ceará registrou o fim de semana mais violento do ano. Entre a última sexta-­feira (12) e o começo da manhã desta segunda (15), nada menos, que 41 pessoas foram mortas no Estado. A maioria dos crimes ocorreu na Capital, onde 19 homicídios e latrocínios mobilizaram a PM e as equipes da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e a Perícia Forense (Pefoce).

Na Capital, os 19 homicídios ocorreram nos seguintes bairros: Parangaba (latrocínio que vitimou um policial militar), Bela Vista (três casos, entre eles, um duplo assassinato), Aracapé, Conjunto José Walter, Vila Velha (2 casos), Messejana (duplo homicídio), Pedras, Serrinha, Pici, João XXIII, Paupina, Centro, Bom Jardim, Vila Manuel Sátiro e Autran Nunes.

Já na Região Metropolitana de Fortaleza, foram registrados cinco homicídios nos Municípios de Aquiraz, Maracanaú, Caucaia, Horizonte e Itaitinga.

Sertão violento 

No Interior Norte, as autoridades policiais registraram cinco homicídios nos seguintes Municípios: Ocara, Amontada, Sobral, Guaraciaba do Norte e Tianguá.

Já no Interior Sul, foram, nada menos, que 12 homicídios nos seguintes Municípios: Russas (dois casos), Campos Sales, Crato, Quixeré, Várzea Alegre, Araripe, Porteiras, Jaguaribe, Acopiara (duplo homicídio) e Iguatu.

Fonte: Blog do Fernando Ribeiro

domingo, 14 de agosto de 2016

Brasil testa primeira vacina autorizada no mundo contra a dengue

Noel Selis/AFP
Começou neste sábado (13) no Brasil uma grande campanha de vacinação contra a dengue. A vacina, produzida pelo laboratório francês Sanofi Pasteur, é a primeira do mundo autorizada contra o vírus da doença.

Cerca de 500 mil brasileiros receberão a primeira vacina autorizada contra a dengue. Segundo comunicado oficial da empresa francesa Sanofi Pasteur, a campanha acontecerá no Estado do Paraná e se trata do primeiro programa de vacinação pública contra a dengue em continente americano. A Dengvaxia, primeira vacina do mundo aprovada para prevenir a doença, levou 20 anos de pesquisa e um investimento de €1,5 milhão. O produto também já está licenciado no México, Filipinas, El Salvador e Costa Rica.

"Vamos vacinar, nas próximas três semanas, todos os indivíduos de 15 a 27 anos de 28 localidades e, nas duas regiões do Paraná onde a dengue está mais presente, vacinaremos todos os indivíduos entre nove e 44 anos", anunciou Michele Caputo Neto, secretário-­geral de Saúde do estado, citado no comunicado.

Segundo o secretário, a campanha de vacinação pode "implicar, dentro de cinco anos, numa redução de 74% da doença em localidades muito afetadas", com base em um estudo publicado no Brazilian Journal of Health Economics.

No estado do Paraná, que conta com 10 milhões de habitantes, a incidência da dengue e o número de mortes devido à doença triplicaram nos últimos anos, segundo o grupo farmacêutico francês. A dengue, uma doença febril transmitida por mosquitos, matou mais de 800 pessoas apenas em 2015 no Brasil.

Por: RFI

Nível de água nos açudes do Ceará cai para 11,08%, aponta Cogerh

Foto: TV Verdes Mares/Reprodução
O nível de água nos açudes do Ceará caiu para 11,08%. No último levantamento divulgado pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), no dia 29 de julho, a capacidade era de 11,51%.

Os 153 açudes monitorados pela Cogerh, cuja capacidade total são 18,64 bilhões m³, apresenta volume de 2,07 bilhões m³.

Atualmente, o volume de água das bacias está distribuído: Litoral (39,49%), Alto Jaguaribe (21,03%), Coreaú (38,72%), Metropolitanas (16,71%), Serra da Ibiapaba (19,28%), Médio Jaguaribe (6,90%), Salgado (14,00%), Acaraú (9,71%), Banabuiú (2,56%), Sertões de Crateús (3,10%), Curu (2,47%) e Baixo Jaguaribe (0,23%).

No ano de 2016, já foi registrado um aporte total de 737,25 milhões m³.

Do G1 CE

348 cidades do país têm mais eleitores que habitantes


Levantamento do G1 mostra que em 348 cidades brasileiras há mais eleitores que habitantes. Os dados são do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e da estimativa populacional para 2015 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) – os dados são os mais atualizados do instituto. Elas representam 6,2% do total de 5.568 municípios onde haverá eleição neste ano.

A maior diferença está em Canaã dos Carajás, no Pará, onde estão registrados 39.832 eleitores. O IBGE estima uma população de 33.632 pessoas no município, ou seja, há 6.200 eleitores a mais que moradores. Em 2012, 305 municípios brasileiros registraram essa diferença (leia mais).

De acordo com o TSE, nem sempre o domicílio eleitoral é o mesmo que o domicílio civil, e alguns municípios desenvolvem características específicas que levam a essa situação, o que, segundo o tribunal, não configura necessariamente fraude. Um dos vínculos aceitos é o profissional, caso da pessoa que mora em uma cidade e trabalha e vota em outra.

Por Rosanne D'Agostino/G1

sábado, 13 de agosto de 2016

Partidos e coligações têm até segunda (15) para apresentarem registro de candidatos

Imagem / Reprodução
Termina às 19 horas da próxima segunda-­feira (15) o prazo para que partidos políticos e coligações apresentem no cartório eleitoral competente o requerimento de registro de candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador (Lei nº 9.504/1997, art. 11, caput). O pedido deverá ser gerado obrigatoriamente em meio digital e impresso pelo Sistema de Candidaturas Módulo Externo (CANDex), desenvolvido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), e disponível nos sites dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs).

Não é permitido registro de um mesmo candidato para mais de um cargo eletivo e cada partido ou coligação poderá requerer o registro de um candidato a prefeito, com seu respectivo vice. Já para o registro de candidatos a vereador, o limite de solicitação é de até 150% do número de lugares a serem preenchidos na Câmara Municipal, ou de até 200% do total de vagas a serem preenchidas no Legislativo dos municípios com até 100 mil eleitores, observada a obrigatoriedade do preenchimento mínimo de 30% e o máximo de 70% para candidaturas de cada sexo. A quantidade de vagas é calculada pela Câmara de cada município, de acordo com o previsto na Constituição Federal (art. 29, EC nº 58/2009).

O candidato será identificado pelo nome escolhido para constar na urna e pelo número indicado no pedido de registro. O nome terá no máximo 30 caracteres, incluindo os espaços, podendo ser o prenome, sobrenome, cognome, nome abreviado, apelido ou nome pelo qual o candidato é mais conhecido, desde que não se estabeleça dúvida quanto a sua identidade, não atente contra o pudor e não seja ridículo ou irreverente.

Se houver qualquer erro ou omissão no pedido de registro que possa ser suprido pelo candidato, partido político ou coligação, inclusive no que se refere à inobservância dos percentuais de candidaturas previstos, o juiz eleitoral converterá o julgamento em diligência, para que o vício seja sanado no prazo de 72 horas, contadas da respectiva intimação.

O pedido de registro será indeferido, ainda que não tenha havido impugnação, quando o candidato for inelegível ou não atender a qualquer das condições de elegibilidade.

Outros prazos 

Se o partido ou a coligação não requerer o registro de seus candidatos, estes poderão fazê-­lo até o dia 20 de agosto, observado o prazo máximo de 48 horas seguintes à publicação da lista dos candidatos pelo juízo eleitoral competente para receber e processar os pedidos de registro.

Já 2 de setembro é o último dia para os órgãos de direção dos partidos preencherem as vagas remanescentes para as eleições proporcionais, observados os percentuais mínimo e máximo para candidaturas de cada sexo, no caso de as convenções para a escolha de candidatos não terem indicado o número máximo previsto pela Lei das Eleições (Lei no 9.504/1997, art. 10, § 5º).

Por fim, 12 de setembro é o prazo final para fazer o pedido de registro de candidatura às eleições majoritárias e proporcionais na hipótese de substituição, exceto em caso de falecimento de candidato, quando a substituição poderá ser efetivada após esta data, observado, em qualquer situação, o período de até 10 dias contados do fato ou da decisão judicial que deu origem à substituição.

Com informações da Assessoria de Imprensa do TSE

Oito homens são presos por ataques a bancos no Interior do Ceará

Outros seis suspeitos foram identificados e são procurados pela Polícia

Armas e dinheiro foram apreendidos com o grupo
(Levi de Freitas)
Em operação conjunta, as Polícias Civil e Militar do Estado do Ceará capturaram oito homens suspeitos de participação em ataques a agências bancárias no Interior do Estado. O grupo, conforme as apurações, teria atuação interestadual por todo o Nordeste. Dentre as últimas ações do bando, estariam as explosões aos bancos de Pedra Branca e Senador Pompeu.

A operação foi desenvolvida em parceria entre a Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), o Batalhão de Policiamento de Choque (BPChoque) e o Comando Tático Rural (Cotar). Os homens foram localizados em Pedra Branca e Iguatu, de acordo com o titular da DRF, delegado Raphael Vilarinho. "Uma parte do bando estava em uma Toyota Hilux. Outros, escondidos no matagal e ainda outros em um sítio", afirmou o delegado.

O grupo estava fugindo da Polícia desde a madrugada da última quarta-­feira (10), quando atacaram duas agências bancárias simultaneamente em Senador Pompeu. Naquela ocasião, houve intenso tiroteio entre os bandidos e a Polícia, e um suspeito morreu. Ele foi identificado como José Marcelo Rodrigues de Oliveira, de 24 anos, que já respondia por tentativa de homicídio, tráfico de drogas e lesão corporal.

Os oito presos são Antônio Adriano Araújo Rufino, 30, que responde por receptação e roubo; José Aremilton Gonçalves Almeida, 34, que responde por contravenção penal; Reginaldo Lima do Nascimento, 19, com passagens pela Polícia por homicídio e porte de arma; Antônio Alexandre Gonçalves, 20, já preso por porte de arma; Fábio Jandson Gomes de Souza, 35, que responde por dois portes ilegais de arma de fogo e uso de drogas, além de Lourival Barreto Braga, 65, já preso por contravenção penal e o filho dele, Lourival Barreto Braga Júnior, de 26 anos, que não possuía antecedentes criminais. O paulista Douglas Aparecido Piovesan, de 23 anos, também foi preso e não possuía passagens pela Polícia.

Com o grupo, foram recuperados cerca de R$ 200 mil em cédulas de diversos valores, seis armas, além de munições de calibres 44, 38, 12 e 9mm e emulsões explosivas. O restante do bando, estimado em aproximadamente 20 pessoas, escapou. Conforme a Polícia, alguns estão, inclusive, feridos. Seis dos foragidos foram identificados.

DN Online

No Ceará, 105 gestores municipais têm contas rejeitadas no TCM; confira a lista

Todos os 184 municípios cearenses têm gestores incluídos na lista do Tribunal de Contas

­ Foto: Divulgação
O Ceará tem 105 gestores municipais com contas rejeitadas pelas câmaras municipais dos respectivos municípios nos últimos oito anos. Considerando outros cargos públicos, todas as 184 cidades do Estado têm gestores incluídos na relação divulgada nesta sexta-­feira (12) pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM).

Os dados foram entregues oficialmente à Justiça Eleitoral que, através de ação da Procuradoria Regional Eleitoral, poderá impedir a candidatura de políticos enquadrados na lei da Ficha Limpa. As informações, com o teor de cada processo, já estão disponíveis na página do TCM e no aplicativo para celulares do órgão.

Ao todo, a lista traz o nome de 4.368 prefeitos e gestores públicos relacionados a 9.276 processos com contas rejeitadas. São 252 nomes a mais do que os apresentados na relação para as eleições de 2014. Um aumento de 6,12%.

Do total, 41% dos nomes apontados (1.750) receberam nota de improbidade administrativa em ações que envolvem suas gestões.

Considerando-se apenas os prefeitos com nota de improbidade, o aumento foi de 6,58% em relação à lista de 2014 e 18,64% em comparação à lista do pleito de 2012.

O documento foi preparado a partir da análise de mais de 100 mil dados, segundo o TCM.

Confira a lista de prefeitos com contas rejeitadas:

1 ADERSON JOSE PINHO MAGALHAES
2 ADLER PRIMEIRO DAMASCENO GIRAO
3 AFONSO CUNHA SALDANHA
4 ANTONIA SIMIAO LOPES LEITE
5 ANTONIO AMILTON MAGALHAES
6 ANTONIO CLAUDIO MOTA MARTINS
7 ANTONIO DE PADUA ARCANJO
8 ANTONIO EDNARDO BRAGA LIMA
9 ANTONIO GLAUBER GONCALVES MONTEIRO
10 ANTONIO WILSON DE PINHO
11 ARAUJO MARQUES FERREIRA
12 ARI DE OLIVEIRA VASCONCELOS
13 ARIOSVALDO SALDANHA SARAIVA
14 ARLINDO ROCHA NETO
15 ARONIO LUCENA SALVIANO
16 AURINEIDE BEZERRA DE SOUSA PONTES
17 EDIVALDO ASSIS DE JESUS
18 EDUARDO FLORENTINO RIBEIRO
19 EDVALDO ALMEIDA SILVEIRA
20 EGBERTO MARTINS FARIAS
21 ELIENE LEITE ARAUJO BRASILEIRO
22 EMANUEL CLEMENTINO GRANGEIRO
23 FERNANDO LIMA LOPES
24 FERNANDO NEVES PEREIRA DA LUZ
25 FRANCISCA TORRES BEZERRA
26 FRANCISCO AIRTON LIMA FILHO
27 FRANCISCO ALEXANDRE BARROS FILHO
28 FRANCISCO ANTONIO CARDOSO MOTA
29 FRANCISCO CARLOS UCHOA SALES
30 FRANCISCO DE ASSIS BRANDAO MEIRELES
31 FRANCISCO EDUARDO MOTA GURGEL
32 FRANCISCO GIDALBERTO RODRIGUES PINHEIRO
33 FRANCISCO ILTON CAMBE BARROZO
34 FRANCISCO JEOVA MADEIRO CAVALCANTE
35 FRANCISCO LUCILANE DE MOURA
36 FRANCISCO MACIEL OLIVEIRA
37 FRANCISCO NILSON MOREIRA
38 FRANCISCO PINHEIRO DAS CHAGAS
39 FRANCISCO ROMMEL FEIJO DE SA
40 FRANCISCO VIEIRA COSTA
41 FRANCISCO WELETON MARTINS FREIRE
42 GABRIEL DE MESQUITA FACUNDO
43 GENTIL DE SOUSA MAGALHAES
44 GEORGE LOPES VALENTIM
45 GERARDO ALVES CARMO
46 GILSON JOSE DE OLIVEIRA
47 HAROLDO CELSO CRUZ MACIEL
48 HELIO FONTENELE MAGALHAES
49 HELLOSMAN SAMPAIO DE LACERDA
50 IRACY DUARTE DANTAS
51 JAYMIRTON DIOGENES CAVALCANTE
52 JOANA DARC BATISTA CARVALHO
53 JOAO ANTONIO DESIDERIO DE OLIVEIRA
54 JOAO VIANA DE ARAUJO
55 JOERCIO DE ALMEIDA ANGELO
56 JOSE ACELIO PAULINO DE FREITAS
57 JOSE ADRIANO PAIVA DE AGUIAR
58 JOSE ALMIR MATOS LOPES
59 JOSE ANTONIO RODRIGUES MENDES
60 JOSE ARAUJO SOUTO
61 JOSE EDILSON DA SILVA
62 JOSE EDMILSON LEITE BARBOSA
63 JOSE FERREIRA MATEUS
64 JOSE GALDINO ALBUQUERQUE
65 JOSE GIUVAN PIRES NUNES
66 JOSE GONZAGA BARBOSA
67 JOSE HELANIO DE OLIVEIRA FACUNDO
68 JOSE ROMILTON CAVALCANTE
69 JOSE RUI NOGUEIRA AGUIAR
70 JOSE WILAME BARRETO ALENCAR
71 JOSE WOLNER SANTOS
72 LEANDRO PONTE DIAS
73 LUIS ACACIO DE SOUSA
74 LUIZ ALVES DE FREITAS
75 MANOEL FERNANDES MOREIRA FILHO
76 MANOEL GOMES DE LIMA
77 MARCOS AURELIO MARIZ SANTOS
78 MARCOS EUGENIO LEITE GUIMARAES NUNES
79 MARIA DE FATIMA MACIEL BEZERRA
80 MARIA DO SOCORRO PEREIRA TORRES
81 MARIA LUCIVANE DE SOUZA
82 MARINEZ RODRIGUES DE OLIVEIRA
83 NICOLAU VIEIRA ANGELO
84 NILTON RICARTE DE ALENCAR
85 ORISMAR VANDERLEY DINIZ
86 OTACILIO BESERRA MENESES
87 PEDRO FONTELES DOS SANTOS
88 PEDRO JOSE PHILOMENO GOMES FIGUEIREDO
89 PEDRO ROGERIO MORAIS
90 RAIMUNDO GOMES SOBRINHO
91 RAIMUNDO NONATO GUIMARAES MAIA
92 RAIMUNDO VIANA DE QUEIROZ
93 REGINA LUCIA VASCONCELOS ALBINO
94 RITELZA CABRAL DEMETRIO
95 ROBERTO IVENS UCHOA SALES
96 RODRIGO COELHO SAMPAIO
97 TEODOMIRO SOARES SAMPAIO
98 TOMAS ANTONIO ALBUQUERQUE DE PAULA PESSOA
99 TOMAZ ANTONIO BRANDAO JUNIOR
100 VALDERLAN FECHINE JAMACARU
101 VICENTE FELIX DE SOUZA
102 WALTER RAMOS DE ARAUJO JUNIOR
103 WILEBALDO MELO AGUIAR
104 YBSEN KEITH CATUNDA DE LIMA MOREIRA
105 ZOELIA MARIA LOIOLA PAIVA

Fonte: Diário do Nordeste

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Corpo de idoso é encontrado próximo a uma estrada em Dep. Irapuan Pinheiro

Foto: Divulgação
Nesta quarta-feira, 10/08/2016, por volta das 09h00min, a composição, foi informada através de populares que no Sítio Pelo Sinal, um senhor de aproximadamente 80 anos havia sido encontrado morto próximo a uma estrada no Distrito de Maratoan município de Deputado Irapuan Pinheiro, familiares informaram que o mesmo poderia ter passado mal e vir a óbito no local.

A composição se deslocou ao local do fato que comprovou a veracidade da informação, em seguida foi acionado o rabecão de Quixeramobim que foi conduzido ao IML daquela cidade. A vitima era conhecido como: F.A.DE.L., brasileiro, casado, aposentado, natural de Solonópole-CE, nascido aos 05/01/1936, filho de Luiz Acinelidio de Lima e Luiza Roza Pequeno, residente no Sítio Pelo Sinal, Deputado Irapuan Pinheiro – CE.

Com informações do Copom

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Ministra do TSE manda investigar contas de campanha de Aécio Neves


A ministra do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Maria Theresa de Assis Moura determinou nesta quarta-feira (10) que técnicos do tribunal investiguem supostas irregularidades nas contas da campanha eleitoral do senador Aécio Neves (PSDB-MG) à Presidência da República em 2014. As contas do candidato ainda não foram julgadas porque a Justiça Eleitoral prioriza as prestações dos eleitos.

A medida foi motivada após supostas irregularidades terem sido apontadas pelo PT em abril. De acordo com o partido, a campanha contratou empresas que não tinham capacidade para prestar os serviços. Além disso, segundo o PT, houve “alto volume” de transações bancárias e há indícios de que algumas empresas são de “fachada”, por não terem sido apresentados ao TSE os contratos de prestação de serviços.

Na decisão, Maria Theresa determinou que técnicos do tribunal investiguem, com a ajuda da Receita Federal e do Tribunal de Contas da União (TCU), os dados contábeis fornecidos por empresas que prestaram serviços à campanha de Aécio Neves, a relação de empregados contratados e quais empresas foram criadas em 2014, ano da eleição.

Em nova manifestação sobre o processo, assessoria jurídica do PSDB reafirmou, em nota, que não há irregularidades nas contas. Em abril, após o pedido do PT, o partido declarou que as acusações dos petistas são “desprovidas de qualquer veracidade”.

"As denúncias apresentadas pelo PT nas prestações de contas do PSDB são totalmente inconsistentes, tendo em seu conteúdo nítido propósito político, e serão todas esclarecidas oportunamente, pois não há qualquer irregularidade nas despesas efetuadas pelo partido", diz a nota divulgada na noite de ontem.

PT, PP e PMDB 

Na terça-feira (9), durante sessão do TSE, a ministra Maria Thereza de Assis Moura, que ocupa o cargo de corregedora da Justiça Eleitoral, sugeriu abertura de investigação eleitoral contra o PP, o PT e o PMDB, com base nas delações premiadas de investigados na Operação Lava Jato.

Apesar de sugerir a investigação, a ministra pediu ao plenário que os processos envolvendo os partidos sejam distribuídos livremente entre os demais ministros, por entender que a questão não deve ser analisada somente pelo corregedor. O mandato da ministra no TSE termina em três semanas.

Agência Brasil