Município

Recepção.

sábado, 23 de julho de 2016

Ceará conta com 6,3 milhões de eleitores aptos a votar neste ano

“Nas eleições municipais deste ano, 6.324.777 eleitores estarão aptos a eleger prefeitos e vereadores no Estado do Ceará. Em relação às eleições de 2014, houve um crescimento de apenas 0,99% do eleitorado. A explicação para esses números está no cancelamento de 222.657 títulos, por conta da revisão eleitoral com recadastramento biométrico de eleitores realizada em mais 54 municípios cearenses.
Nas próximas eleições, a votação por identificação biométrica abrangerá todos os eleitores de 62 municípios – 8 cidades já haviam realizado revisão eleitoral em 2014. E em mais 34 municípios, inclusive Fortaleza e Caucaia (os dois maiores eleitorados), a votação será com identificação híbrida (com e sem biometria).
No Ceará, 2.199.743 eleitores poderão votar neste ano através da identificação biométrica, o que representa 34,78% do eleitorado no estado. Em Maracanaú, o maior município que realizou revisão eleitoral em 2015, houve redução de 14.595 eleitores. Nas eleições de 2014, 152.607 estavam aptos a votar. Neste ano, serão 138.032 eleitores.
Alguns números 
Eleitorado em 2016: 6.324.777 
Eleitorado em 2014: 6.271.554 
Eleitorado que vota com biometria: 2.199.743 
Municípios com Biometria (100%): 62 
Municípios com e sem Biometria: 34 
Municípios sem Biometria: 88 
SERVIÇO 
*Mais informações sobre o eleitorado no Ceará acesse o link http://www.trece.jus.br/eleitor/estatisticas­de­eleitorado, no site do TRE­CE.” 
(Site do TRE/CE)
Do Blog do Eliomar de Lima

sexta-feira, 22 de julho de 2016

Prefeita Rizoleta não vai à reeleição e garante apoio ao seu “padrinho político”

Foto: Rede Sociais / Facebook
Desgastada politicamente diante da gestão tímida na cidade de Deputado Irapuan Pinheiro, a 319,1 km de Fortaleza, a prefeita Rizoleta Moreira (PDT) anunciou que não vai ser candidata a reeleição nas eleições de 2016, embora tivesse todo o direito de disputar a reeleição.

O plano agora é de ‘apoio’ ao ex-prefeito Claudenilton Pinheiro na disputa ao Paço Muncipal. Pensando nisso, os partidos que forma o bloco de situação em Dep. Irapuan Pinheiro: PSDB, PV, PDT, PR, PSB, PTN e PMB, realizaram nesta quinta-feira (21/07) a pré-convenção política e foram lançadas as pré-candidaturas de Prefeito Claudenilton Pinheiro e de Vice-Prefeita Vânia Lúcia.

As pré-candidaturas aconteceu no sítio Cacimbinha, zona rural do município, e que contou com a participação de simpatizantes de todos os partidos aliados. Na oportunidade, ficou definida ainda a data da convenção municipal desses partidos programada para o dia 4 de agosto, às 18hs, no Centro Administrativo da Assistência Social, antigo C.S.U, sede municipal.

Enquanto que na oposição do município, ainda não foram divulgados os pré-candidatos a prefeito e a vice e nem a data da convenção. 

Deputado que faltar a sessões terá desconto em salário, diz presidente da Câmara

José Cruz/Agência Brasil
O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-­RJ), disse nesta quarta-feira (20) que vai descontar o dia de trabalho dos deputados que faltarem às sessões de votação no plenário da Casa após o retorno do recesso branco. A meta é garantir quórum para as votações no período que antecede as eleições municipais de outubro.

Ao ser questionado por jornalistas se cogita descontar o dia dos faltantes, Maia respondeu “É óbvio, pauta marcada deputado tem que estar presente. Em qualquer trabalho é assim, se você marcou uma data para que os deputados estejam aqui para votar é importante que todos votem”, explicou.

Ele reafirmou que, em agosto, no retorno das atividades legislativas, vai buscar garantir quórum para votações durante três dias por semana, apesar das demandas decorrentes das eleições, cuja campanha tem início autorizado a partir de 16 de agosto. Em setembro, com a proximidade maior das eleições, Maia disse que essa periodicidade pode ser menor.

Fonte: Agência Brasil

Governador propõe a contratação temporária de mil agentes penitenciários

A proposta tem como objetivo auxiliar no imediato restabelecimento da ordem no sistema prisional

O governador Camilo Santana anunciou a proposta de contratação - por tempo determinado e temporário - de até 1.000 agentes penitenciários para atuarem no sistema prisional do Estado.

A contratação é permitida pelo artigo 154 da Constituição Estadual, que autoriza admissão por tempo determinado de servidores no caso excepcional de interesse público. A proposta foi entregue para a análise da Procuradoria Geral da União (PGE) e, em seguida, seguirá para a Assembleia Legislativa do Estado do Ceará (ALCE), onde será apresentada para aprovação.

O projeto de lei visa a auxiliar no combate às fugas e entrada de ilícitos nas unidades enquanto se restabelece a ordem dentro das penitenciárias, que vêm exigindo intervenção redobrada do contingente atual de agentes penitenciários. Consta na proposta que a contratação será realizada por um período máximo de 12 meses.

Da Assessoria de Comunicação da Secretaria da Justiça e Cidadania do Ceará

MPF denuncia Lula, Delcídio e mais cinco por obstrução à Justiça


O Ministério Público Federal (MPF) em Brasília ofereceu denúncia à Justiça contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o pecuarista José Carlos Bumlai, o ex-­senador Delcidio do Amaral e o banqueiro André Esteves, além de mais outras três pessoas sob a acusação de atuarem para atrapalhar as investigações da Operação Lava Jato.

A denúncia foi confirmada pela Procuradoria Geral da República que havia sido oferecida à Justiça em dezembro pelo procurador-­geral Rodrigo Janot. O caso, que estava sob os cuidados do Supremo Tribunal Federal (STF) desceu para a primeira instância após a cassação de Delcidio.

A partir daí, o procurador Ivan Cláudio Marx confirmou a denúncia original feita por Janot e acrescentou novas acusações. Dentre os crimes que teriam sido cometidos estão organização criminosa, exploração de prestígio e patrocínio infiel.

Fonte: Brasil 247

Candidatos a prefeito de Dep. Irapuan Pinheiro poderão gastar até 108 mil na campanha deste ano; Limite de candidatos à vereador é de R$ 10.803,91

A campanha eleitoral para as eleições de prefeito e vereadores começará no dia 16 de agosto, mas o pleito começa, aos poucos, a ganhar contornos mais concretos. Nesta quarta-­feira (20), as convenções partidárias para as homologações das chapas tiveram início e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou os limites de gastos nas campanhas municipais de outubro.

Pela tabela apresentada pelo TSE, cada candidato a prefeito do município de Deputado Irapuan Pinheiro poderá gastar até R$ 108.039,06 nas eleições deste ano. Já os vereadores têm um limite de gastos de R$ 10.803,91.


Até o momento, os pré-­candidatos a prefeito de Deputado Irapuan Pinheiro são o ex-gestor municipal, Claudenilton Pinheiro (PSDB), e que terá como rival um nome escolhido pela oposição, dentre os pré-candidatos Zé Ilca (PT), Alan Santos (PEN) e Edinho (PSD).

O cálculo do TSE para chegar aos valores atuais foi o seguinte: o limite de gastos no primeiro turno é correspondente a 70% do maior gasto declarado para o posto de prefeito ou vereador nas eleições de 2012. Naquelas cidades com segundo turno nas últimas eleições municipais, o limite será de 50%.

Polícia prende suspeitos da morte de auxiliar de escritório em Senador Pompeu

Pela manhã equipes da Polícia Civil cumpriram o mandado de busca
 e apreensão na residência dos suspeitos (Foto: VC Repórter)
A Polícia Civil prendeu, na manhã desta quinta-­feira (21), um empresário e um advogado suspeitos de serem os autores do assassinato de Geane Magalhães Pimenta. O crime aconteceu no último dia 1º de junho, neste Município do Sertão Central. A mulher trabalhava como auxiliar de um escritório de advocacia e foi morta no final do expediente.

Os suspeitos são pai e filho. De acordo com o delegado titular regional da Polícia Civil, Jéferson Lopes Custódio, a principal suspeita é de que eles tenham matado Geane porque ela realizava cobranças de um prédio que os dois haviam alugados para montar uma churrascaria. “O local era de propriedade do dono do escritório em que ela trabalhava e eles estavam em atraso há alguns meses e Geane era quem cobrava”, disse o delegado. O fato foi descoberto durante as investigações, dias após o crime. “Juntamos isso com as imagens de circuito interno do bairro e chegamos a essa conclusão”, falou Jéferson. O titular pediu a prisão preventiva dos dois e um mandato de busca e apreensão nos imóveis onde moravam.

Na manhã desta quinta pai e filhos prestaram depoimento na DRPC de Senador Pompeu, na companhia de uma advogado, e negaram a autoria do crime. Nos próximos dias, com a prisão dos suspeitos, o delegado acredita que poderá ouvir com mais segurança duas testemunhas que podem ser cruciais na elucidação do inquérito.

Para Jéferson Lópes Custódio, trata-­se de um crime bárbaro e cercado de mistério. “não havia razão alguma uma vez que a vitima tinha uma vida pacata e religiosa e não nutria nenhum relacionamento com ninguém, descartando crime passional e nem também tinha inimigos”, concluiu.

Fonte: Diário Sertão Central

quinta-feira, 21 de julho de 2016

Ceará elimina surto de sarampo e recebe certificado da OMS

Último caso de sarampo registrado no Ceará foi há mais de 12 meses. Estado sofreu surto de sarampo entre 2013 e 2015.

Famílias se imunizam contra o sarampo - Foto: André Teixeira / G1
Com um ano sem registros de sarampo, o Ceará encerrou o clico doença e recebeu certificado da Organização Mundial da Saúde confirmando a eliminação do surto. O último caso da doença no Ceará foi registrado há 12 meses, período exigido pelo órgão mundial para considerar o fim do ciclo da doença.

Em setembro do ano passado, durante evento em Brasília, o Ministério da Saúde já havia anunciado a erradicação do sarampo no Ceará. Porém, para obter o certificado de sustentabilidade da interrupção da doença, a OMS leva em consideração o período de um ano do último caso, registrado no estado em 6 de julho de 2015.

“Caso não houvesse esse importante movimento integrado no Ceará, com certeza hoje não estaríamos tendo esse êxito para combater o sarampo. Para mim, era um desafio pessoal interromper esse ciclo e só temos a agradecer ao Governo do Ceará pelo trabalho”, afirmou a coordenadora do Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde, Carla Domingues.

O secretario da Saúde do Estado, Henrique Javi, citou ainda a importância do envolvimento da população na vacinação contra a doença. “Esse é um momento muito especial para o Ceará. Completamos um ano da data em que eliminamos a cadeia de circulação do sarampo. Isso foi possível também graças ao envolvimento fundamental da população e dos municípios”.

O Ceará sofreu o surto da doença entre 2013 e 2015. Foram pelo menos 125 casos confirmados no Ceará, a maior deles, 109, em Fortaleza.

Surto da doença

Arte Sarampo (Foto: Editoria de Arte / G1)

Mais de 40% das pessoas que contraíram sarampo no Ceará neste ano têm até um ano de idade, de acordo com a Secretaria de Saúde do Estado. O Ceará registra um surto da doença após 15 anos sem casos de sarampo. Até março deste ano, foram confirmados 125 casos de sarampo.

Além de Fortaleza, a doença ocorreu nas cidades de Camocim (1 caso), Caucaia (1 caso), Itaitinga (1 caso), Jaguaribe (1 caso), Maranguape (1 caso), Trairi (3 casos), Tururu (2 caso) e Uruburetama (9 casos).

Do G1 CE

Fiocruz identifica mosquito Culex com potencial de transmissão do vírus Zika

Mosquito Culex quinquefasciatus - Imagem: Divulgação
Pesquisa inédita realizada pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) detectou a presença do vírus Zika em mosquitos Culex quinquefasciatus (a popular muriçoca ou pernilongo doméstico) coletados na cidade do Recife. Esse achado confirma a espécie como potencial vetor do vírus causador da zika, hipótese que, de acordo com a literatura científica, não havia sido comprovada até o momento.

A pesquisa foi conduzida pela Fiocruz Pernambuco na Região Metropolitana do Recife, onde a população do Culex quinquefasciatus é cerca de vinte vezes maior do que a população de Aedes aegypti. Os resultados preliminares da pesquisa de campo identificaram a presença de Culex quinquefasciatus infectados naturalmente pelo vírus zika em três dos 80 pools* (grupos) de mosquitos analisados até o momento. Em duas dessas amostras os mosquitos não estavam alimentados, demonstrando que o vírus estava disseminado no organismo do inseto e não em uma alimentação recente num hospedeiro infectado.

A técnica utilizada no experimento foi RT‐PCR quantitativa, baseada na detecção do RNA (material genético) do vírus. O material destes pools positivos foi usado para isolar as linhagens de vírus circulantes em Recife, em cultura de células, onde foi observado o efeito citopático provocado nas células – ou seja, foi observada a destruição ou danificação das células vero, o que comprova a presença de atividade viral.

A coleta dos mosquitos foi feita com base nos endereços dos casos relatados de zika nas cidades do Recife e Arcoverde, obtidos com a Secretaria de Saúde do Estado de Pernambuco (SES‐PE). O número total de mosquitos examinados na pesquisa foi de aproximadamente 500. O objetivo do projeto é comparar o papel de algumas espécies de mosquitos do Brasil na transmissão de arboviroses. Foi dada prioridade ao vírus Zika devido a epidemia da doença no Brasil e sua ligação com a microcefalia.

 Na etapa de laboratório, com o objetivo de investigar a competência vetorial das espécies Culex quinquefasciatus e Aedes aegypti, os mosquitos foram alimentados com uma mistura de sangue e vírus, permitindo o acompanhamento do processo de replicação do patógeno dentro do inseto. Foram realizadas duas infecções de mosquitos, cada infecção com duas concentrações de vírus diferente (104 e 106) da linhagem ZIKU BRPE243/2015. “A menor simula a condição de viremia de um paciente real. Em seguida, os mosquitos foram coletados em diferentes momentos: no tempo zero (logo após a infecção), três dias, sete dias, 11 e 15 dias após a infecção pelo vírus” , esclarece Constância Ayres, coordenadora do estudo.

Um grupo controle, com mosquitos alimentados com sangue sem o vírus, também foi mantido. Cada mosquito foi dissecado para a extração do intestino e da glândula salivar, tecidos que representam barreiras ao desenvolvimento do vírus. O procedimento se dá de maneira que, se a espécie não é vetor, em determinado momento o desenvolvimento do vírus é bloqueado pelo mosquito. No entanto, se ela é vetor, a replicação do vírus acontece, dissemina no corpo do inseto e acaba infectando a glândula salivar, a partir da qual poderá ser transmitido para outros hospedeiros durante a alimentação sanguínea, pela liberação de saliva contendo vírus. Segundo Constância, a partir do terceiro dia após a alimentação artificial, já foi possível detectar a presença do vírus nas glândulas salivares das duas espécies de mosquito investigadas. Após sete dias, foi observado o pico de infecção nas glândulas salivares o que foi confirmado através de microscopia eletrônica.

Além da detecção do vírus nesses tecidos (intestino e glândula salivar), foram investigadas amostras de saliva expelida pelos mosquitos infectados pela técnica de RT‐PCR quantitativa. A carga viral encontrada nas duas espécies estudadas (Aedes aegypti e Culex quinquefasciatus) foi similar.

A partir dos dados obtidos serão necessários estudos adicionais para avaliar o potencial da participação do Culex na disseminação do vírus Zika e seu real papel na epidemia. O estudo atual tem grande relevância, uma vez que as medidas de controle de vetores são diferentes. Até os resultados de novas evidências, a política de controle da epidemia de Zika continuará pautada pelas mesmas diretrizes, tendo seu foco central no controle do Aedes aegypti.

Por: Solange Argenta (Fiocruz Pernambuco)

Ministério da Saúde libera R$ 139,9 milhões para o Ceará

Recursos irão custear procedimentos ambulatoriais e hospitalares no Estado


O Ministério da Saúde anunciou nesta quinta-­feira (21) a liberação de R$ 139,9 milhões para custeio de procedimentos ambulatoriais e hospitalares para o Ceará. A quantia é referente ao pagamento dos serviços realizados em julho nos municípios do Estado.

Do total, R$ 32,8 milhões serão destinados ao Fundo Estadual e R$ 107 milhões aos fundos municipais. Segundo o MS, o montante deve garantir a regularidade nos pagamentos dos procedimentos já realizados. “Nosso compromisso vem sendo a recomposição do orçamento da Saúde, para que o serviço seja ampliado e mais qualificado”, afirmou em nota o titular da pasta,Ricardo Barros.

Ainda segundo o órgão, os recursos foram transferidos no último dia 8 e fazem parte do Teto Financeiro de Média e Alta Complexidade (MAC), destinado ao pagamento de procedimentos realizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) que incluem consultas, exames, internações e cirurgias.

Em todo o País, foram disponibilizados R$ 3 bilhões, sendo R$ 1,9 bilhão repassados aos fundos municipais de saúde. Outros R$ 1,1 bilhão foram pagos aos 26 fundos estaduais e do Distrito Federal.

(Diário do Nordeste)

Ceará tem 129 casos de microcefalia confirmados; 10 bebês morreram

Foto: Jonathan Lins/G1
O Ceará já tem 129 casos de microcefalia confirmados até esta terça-­feira (19), de acordo com boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesa). Do total de casos confirmados, em 20 foi comprovado a relação com o vírus Zika. Em 10 bebês mortos houve identificação do vírus Zika em tecido fetal. Outras 15 mortes estão sendo investigadas.

O Ministério da Saúde, no entanto, ressalta que esse dado não representa, adequadamente, a totalidade do número de casos relacionados ao vírus. A pasta considera que houve infecção pelo Zika na maior parte das mães que tiveram bebês com diagnóstico final de microcefalia.

O número de casos confirmados de microcefalia no Brasil chegou a 1.709, de acordo com o Ministério da Saúde. Ao todo, foram 8.571 notificações desde o início das investigações, em 22 de outubro de 2015, até 16 de julho deste ano, com 102 mortes.

Desde outubro, houve 354 notificações de mortes por microcefalia ou outras alterações no sistema nervoso central durante a gestação ou após o parto. Deste total, 102 óbitos foram confirmados para microcefalia e alterações do sistema nervoso central, 60 foram descartados e 192 continuam sob investigação.

O estado com maior número de casos confirmados ainda é Pernambuco, com 371 casos, seguido da Bahia, com 277, e da Paraíba, com 148. Transmissor do vírus da zika, que pode causar a microcefalia, o Aedes Aegypti é também vetor da dengue, febre chikungunya, febre amarela e síndrome de Guilain Barré.

Do G1 CE

TSE divulga limites de gastos de campanha para eleições deste ano


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou nesta quarta-feira (20) os limites de gastos de campanha que poderão ser feitos por candidatos a prefeito e a vereador nas eleições deste ano. A informação foi publicada no Diário de Justiça Eletrônico.

Para o cargo de prefeito, o município que tem o maior limite de gasto de campanha é São Paulo. Segundo o TSE, no primeiro turno, os candidatos a prefeito da capital paulista poderão gastar pouco mais de R$ 45 milhões. No segundo turno, o valor cai para pouco mais de R$ 13 milhões. Em 3.794 municípios os gastos estão limitados a até R$ 108 mil.

Os candidatos a vereador também precisam ficar atentos ao teto do valor que poderá ser usado. Para os que concorrem a esse cargo, o maior limite está previsto para Manaus, previsto em mais de R$ 26.689 milhões. O valor para estes 3.794 municípios ficará em R$ 10.803,91.

As regras para os limites de gastos estão previstas na Lei das Eleições. Na tabela publicada nesta quarta-­feira estão os valores atualizados, que levam em conta a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Contratação 

Além dos valores que podem ser gastos nas campanhas, os candidatos terão limites para a contratação de pessoal. De acordo com o TSE, a reforma eleitoral do ano passado estipulou os limites para a contratação direta ou terceirizada de pessoas para atividades de militância e também de mobilização de rua.

A cidade de São Paulo é a que poderá fazer o maior número de contratações – mais de 97 mil contratações pelos candidatos a prefeito e mais de 27 mil, pelo que concorrerem a vereador. Em segundo lugar, está o Rio de Janeiro, onde mais de 53 mil pessoas poderão ser contratadas para as campanhas de prefeito e mais 15 mil para as de vereador. Já em Serra da Saudade, em Minas Gerais, e Araguainha, em Mato Grosso, 10 pessoas poderão ser contratadas trabalhar em campanhas para prefeito e apenas cinco para a de vereador.

(Agência Brasil)

Justiça nega habeas corpus para acusado de homicídio em Mombaça

Foto: Reprodução
A 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) negou habeas corpus para Francisco Antônio de Sousa, acusado de homicídio, em Mombaça. A decisão, proferida nessa terça-­feira (19/07), teve a relatoria da desembargadora, Francisca Adelineide Viana. Segundo a magistrada, não teria ficado caracterizado ilegalidade na manutenção da prisão.

 De acordo com os autos, em 5 de outubro de 2009, no Município de Mombaça (a 296 km da Capital), o acusado teria realizado três disparos de arma de fogo contra Luís Miguel de Sousa, que não resistiu e faleceu. O crime ocorreu após a intervenção da vítima em uma discussão ocorrida entre o réu e sua esposa, que era sobrinha de Luís. Francisco somente foi preso em junho de 2015.

Requerendo acompanhar o processo em liberdade, a defesa do acusado ingressou com habeas corpus (nº 0624085­03.2016.8.06.0000) no TJCE. Alegou sofrer constrangimento ilegal por excesso de prazo para o julgamento.

Ao julgar o caso, a 2ª Câmara Criminal negou o pedido, por unanimidade. A desembargadora destacou que, “a questão não deve ser analisada apenas se considerando a soma aritmética dos prazos legalmente estabelecidos, também devendo considerar­se as peculiaridades do caso concreto, para, só ao final, verificar-se se a dilação do prazo é ou não justificável, aplicando-­se, para tanto, o princípio da razoabilidade”.

Fonte: TJCE

quarta-feira, 20 de julho de 2016

SUS deve adotar uso preventivo de pílula anti-HIV para pessoas em risco

Adoção da profilaxia pré-exposição já vinha sendo estudada. Cerca de 10 mil pessoas devem receber droga preventiva no primeiro ano.

Pílula do medicamento Truvada, usado na profilaxia pré-exposição (PrEP)
(Foto: Paul Sakuma/AP)
O Ministério da Saúde estuda incorporar ao SUS a estratégia do uso preventivo de antirretrovirais para evitar a infecção por HIV. Chamado de profilaxia pré-exposição (PrEP), o método consiste no uso diário da combinação dos antirretrovirais tenofovir e emtricitabina por grupos mais vulneráveis à exposição ao vírus.

O anúncio foi feito durante uma apresentação da diretora do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, Adele Benzaken, na Conferência Internacional de Aids, em Durban, na África do Sul, nesta segunda-­feira (18).

Segundo nota divulgada pela assessoria de imprensa do Ministério da Saúde, o Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais prepara um protocolo clínico de PrEP que será encaminhado à Comissão de Incorporação de Tecnologia no SUS (Conitec) até o final desde ano.

Segundo o ministério, a expectativa é atender 10 mil pessoas no primeiro ano de incorporação. A estratégia, que deve ser ofertada em serviços especializados do SUS, será destinada a "populações com alto risco de infecção pelo HIV". A pasta, porém, não detalhou o perfil dos grupos que serão beneficiados.

Eficácia da estratégia 

Desde 2014, a profilaxia pré-­exposição é recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para pessoas em risco considerável de se infectarem com HIV e sua eficácia foi comprovada por quatro estudos clínicos. Um deles, o estudo internacional iPrEx (Iniciativa de Profilaxia Pré-exposição), do qual o Brasil também participou, concluiu que o uso diário de antirretroviral por homens saudáveis que fazem sexo com homens conseguiu prevenir novas infecções com eficácia que variou de 43% a 92%, dependendo da adesão ao medicamento.

Atualmente, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) está analisando o registro do Truvada ­ combinação dos antirretrovirais tenofovir e emtricitabina ­ para uso na PrEP, segundo afirmou Adele Benzaken durante a Conferência Internacional de Aids. No Brasil, o Truvada é aprovado somente para o tratamento da doença (apesar de não ser adotado pelo SUS), por isso é necessário um novo registro para o uso em prevenção.

A adoção da estratégia já vinha sendo estudada pelo Brasil. Existem dois estudos em andamento de Profilaxia Pré-Exposição (PrEP) no país financiados pelo Ministério da Saúde e realizados pela Faculdade de Medicina da USP e pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Nesta semana, na Conferência Internacional de Aids, que está em curso em Durban, na África do Sul, pesquisadores apresentaram resultados que apontaram uma redução de 86% no risco de contrair HIV com iPrEx do Truvada. Esses avanços na prevenção são baseados em ensaios clínicos, em particular sobre as conclusões de dois estudos: um da Inglaterra e outro franco-­canadense.

Especialistas alertam que esse tipo de estratégia deve ser aliada a outras medidas preventivas. Quem optar por adotá-­la, por exemplo, deve ser aconselhado a continuar usando a camisinha, a fazer testes de HIV periodicamente e a tratar outras DSTs, que costumam deixar o paciente ainda mais vulnerável à infecção por HIV.

(Do G1 / Bem Estar)

Partidos já podem escolher candidatos para eleição municipal


A partir de hoje (20), os partidos políticos poderão realizar as convenções partidárias para escolher os candidatos que vão concorrer às eleições, em outubro, para os cargos de prefeito, vice-­prefeito e vereador. As convenções poderão ser feitas até o dia 5 de agosto.

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a data para a realização das convenções mudou com a Lei 13.165/2015, conhecida como Reforma Eleitoral de 2015. Antes da legislação, as convenções eram feitas entre os dias 10 a 30 de junho do ano em que ocorre a eleição.

Também a partir desta quarta-­feira, juízes que forem cônjuges ou parentes de candidatos não poderão exercer algumas funções. Segundo o Código Eleitoral, desde a homologação da convenção partidária até a diplomação do candidato, “e nos feitos decorrentes do processo eleitoral, não poderão servir como juízes nos tribunais eleitorais, ou como juiz eleitoral, o cônjuge ou o parente consanguíneo ou afim, até o segundo grau, de candidato a cargo eletivo registrado na circunscrição”.

De acordo com o TSE, pai, mãe e filhos são considerados parentes consanguíneos em primeiro grau. Já irmãos, avós e netos são de segundo grau. São considerados parentes por afinidade em primeiro grau sogro, sogra, genros e noras e de segundo grau, padrasto, madrasta, enteados e cunhados.

Da Agência Brasil

Polícia Civil começa a montar Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado

A estrutura contará com o apoio de todos os órgãos de inteligência do estado do Ceará e dos municípios, bem como da União e outros estados


Polícia Civil do Ceará iniciou a montagem da Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado, que vai intensificar as ações contra grupos que articulam crimes dentro do Estado. A estrutura vai contar com o apoio de todos os órgãos de inteligência do Estado e dos municípios; além da União e de outros estados do país.

O governador Camilo Santana destacou que essa é mais uma medida efetiva que o Ceará toma no sentido de enfrentar os criminosos que tentam afrontar o Estado. “As ações criminosas dos últimos dias contra prédios públicos e agentes de segurança são uma clara reação do crime às ações rigorosas realizadas pela nossa polícia. Como sempre tenho dito, não recuaremos um milímetro. Muito pelo contrário, fortaleceremos ainda mais nossa estrutura de segurança para enfrentar e vencer esses criminosos”, salientou.

O delegado geral da Polícia Civil, Andrade Júnior, disse que a delegacia vai atuar de forma mais focada no combate às organizações criminosas. “A delegacia vai centralizar todas as ações em cima dos grupos que estão se organizando dentro do crime. Hoje, já trabalhamos com a centralização de informações de duas delegacias (Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas e Roubos e Furtos). A nova delegacia vai atuar da mesma forma, a fim de combater o crime organizado”, enfatizou.

De acordo com Andrade Júnior, a nova delegacia vai contar com o trabalho de profissionais já especializados. “O concurso da Polícia Civil já finalizou e novos policiais vão dar condições de substituirmos o efetivo que está em posições estratégicas, preparados e trabalhando com todos os órgãos de inteligência. Serão delegados, escrivães e inspetores, trabalhando em integração com todas as forças do Ceará, a fim de coibir o crime organizado no Ceará”, pontuou

Camilo Santana reafirmou a confiança no trabalho dos órgãos de segurança pública do Estado. “Por que será que os criminosos cearenses estão tentando ameaçar as tropas da segurança pública? A resposta é simples: é porque nós estamos incomodando o crime no Ceará. Confio na minha tropa. Confio nos homens e mulheres da Secretaria da Segurança Pública. Homens destemidos, corajosos e trabalhadores. E é por isso que conseguimos o resultado que alcançamos no ano passado e conseguimos resultados positivos dos seis primeiros meses deste ano”, destacou.


Da Assessoria de Comunicação do Governo do Estado do Ceará

WhatsApp foi bloqueado mais uma vez em todo o Brasil


Mais uma vez, o aplicativo de mensagens por celular WhatsApp teve o funcionamento suspenso no Brasil. A decisão ocorreu na tarde desta terça-feira (19), pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Duque de Caxias, da Justiça do Rio de Janeiro, que determinou o bloqueio do aplicativo WhatsApp em todo o país, em razão de a empresa se negar a colaborar em investigação criminal. O aplicativo do Facebook se recusou a quebrar o sigilo de mensagens trocadas entre investigados.

As prestadoras de serviços de telefonia móvel, representadas pelo SindiTelebrasil, receberam a intimação judicial e começaram a cumprir a determinação da Justiça para bloquear o aplicativo. O bloqueio começou a ser feito na tarde desta terça-­feira e não havia tempo determinado para o serviço ficar bloqueado.

Suspensão

O bloqueio foi suspenso poucas horas depois por decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ricardo Lewandowski, que decidiu ainda na tarde desta terça-­feira (19) derrubar a decisão do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro que manteve o aplicativo bloqueado desde as 14h.

Na decisão, de caráter liminar (provisório), Lewandowski analisou ação impetrada pelo PPS (Partido Popular Socialista), que recorreu ao Supremo para que fosse suspensa imediatamente a ordem judicial da 2ª Vara Criminal da Comarca de Duque de Caxias, do Rio de Janeiro.

Após a decisão, o Supremo notificou a Justiça do Rio de Janeiro sobre o restabelecimento do serviço.

Três pessoas são mortas dentro de veículo ao lado do quartel da PM em Quixadá

Vítimas estavam dentro do carro no momento em que foram mortos
(Foto: VC Repórter)
A Polícia registrou um triplo homicídio no final da tarde desta terça-feira (19), no município de Quixadá, da região central cearense. As vítimas estavam dentro de um veículo modelo Corolla e foram abordados por outro veículo no momento em que passavam ao lado do 9º Batalhão da Polícia Militar (BPM).

Triplo homicídio aconteceu ao lado do 9º Batalhão da Polícia Militar (BPM)
De acordo com a Polícia, duas das vítimas seriam pai e filho, identificados até o momento por Veridiano Cabral e Sadoque. De acordo com o tenente coronel Edinardo Calixto, o outro homem, que dirigia o veículo, seria um advogado da família. “Os três foram abordados por outro veículo quando passavam ao lado do quartel. Mas ninguém tem mais informações de como isso aconteceu”, disse o tenente.

Vários tiros foram disparados. Num primeiro momento a população chegou a pensar que se tratava de um ataque contra a sede do BPM. Moradores do entorno se assustaram e houve correria. Logo após a ação, os acusados fugiram.

Equipes da Polícia Militar (PM), Polícia Civil (PC) e do Comando Tático Rural (Cotar) fazem diligências na região para tentar prender os acusados. Os corpos foram levados por rabecão da Perícia Forense do Ceará (Pefoce).

Crimes

Há mais de uma semana a cidade de Quixadá não registrava nenhum homicídio. Um dos últimos casos registrados pela Polícia foi no dia oito deste mês, e envolveu o empresário do ramo de motos e autopeças Cristiano da Silva, 42 anos. A vítima era popularmente conhecida por Cristiano Motos e foi morto em uma situação parecida: dentro de seu carro, no momento em que passava pelo Bairro Alto São Francisco.

Um dia antes, uma tentativa de homicídio terminou em tiroteio com a Polícia e duas pessoas mortas. Um tenente da Polícia Militar que havia chegado na cidade há dois dias, foi alvejado com um disparo no braço e socorrido ao Instituto Doutor José Frota (IJF), na Capital, sendo liberado no dia seguinte.

A violência na cidade chamou a atenção das autoridades e a chegada do Batalhão de Rondas de Ações Intesivas e Ostensivas (BPRaio) é a atual promessa de tranquilidade. A cerimônia da chegada do BPRaio no Município ocorre neste sábado, 23.

Fonte: Diário Sertão Central

Cadáver é encontrado dentro de mata vítima de enforcamento em Dep. Irapuan Pinheiro


Nesta segunda-feira, 18/07/2016, por volta das 19h30min, à composição, foi informada através de ligação telefônica que no Sítio Desengano, zona rural de Deputado Irapuan Pinheiro, a pessoa conhecida como A S L, brasileiro, casado, havia sido encontrado enforcado na mata, com indícios de suicídio.

Segundo informação de familiares a vitima havia saído de sua residência na última sexta feira dia 15/07/2016, por volta das 21hs e não mais teria aparecido, no entanto a família relata que o mesmo corriqueiramente costumava se ausentar de sua casa sem dar satisfação.

De imediato a composição deslocou-se ao local, constatando a veracidade dos fatos. O citado corpo estava pendurado com a corda envolvida no pescoço.

A referida composição solicitou a presença da perícia e o rabecão ao local para que fossem feito os procedimentos cabíveis.

* Com informações do COPOM

segunda-feira, 18 de julho de 2016

Vigilante é executado e suspeito morre após troca de tiros em Mombaça

A vítima trabalhava informalmente fazendo a vigilância de lojas do Centro da cidade, conforme a PM. Um dos suspeitos foi baleado e morreu no hospital
Um homem, que trabalhava informalmente como vigilante de comércios, foi executado na manhã desta segunda-feira, 18, no Centro de Mombaça, a 269 km de Fortaleza. Antônio Vieira Cavalcante foi surpreendido por dois atiradores em uma moto e reagiu, mas acabou morrendo no local. Um dos suspeitos, identificado como César Vieira Evangelista, também foi baleado após troca de tiros com a Polícia e morreu no hospital. 

A execução foi registrada por volta das 9h30min, quando os dois criminosos chegaram atirando, na rua Antônio Jaime Benevides, onde a vítima estava trabalhando. Segundo o tenente Juarez de Sousa, comandante da 3ª Cia. do 13º Batalhão de Polícia Militar, a dupla usava capacetes, e a placa da moto tinha um adesivo para dificultar a identificação. 

Juarez contou que a viatura policial passou na área logo após o crime, quando os suspeitos já estavam em fuga. Uma perseguição foi iniciada e, em seguida, houve troca tiros entre os criminosos e a PM. "Os suspeitos atiraram contra nossos policiais, que revidaram. Um deles entrou em uma casa abandonada, e o outro em uma loja", relatou. 

Dentro da loja, a PM conseguiu capturar César Vieira, que estava baleado e armado com um revólver calibre 38, com cinco munições deflagradas. "Ele foi imediatamente socorrido para o hospital local, recebeu atendimento médico, mas não resistiu ao ferimento", informou o tenente.
O segundo suspeito fugiu pelos fundos da casa, em direção a um matagal, e continua foragido. A PM realiza buscas na região para prender o segundo envolvido na morte do vigilante, também conhecido como "Arizio".
De acordo com o tenente Juarez, a execução do vigilante teria sido motivada por um desentendimento com os suspeitos. "Nós descartamos a hipótese de roubo, pois apuramos que existia um problema entre o César e o Arizio. Não podemos ainda dar maiores detalhes para não atrapalhar as investigações, mas acreditamos que foi um acerto de contas", completou.
Fonte: O POVO Online

Homem morre ao cair de cavalo durante vaquejada em Senador Pompeu

Um homem morreu após cair de um cavalo no município de Senador Pompeu. O fato aconteceu na tarde do último sábado (16). De acordo com informações da Polícia Militar, a vítima estava em uma vaquejada, mas alguns populares informaram que o homem participava de uma festa chamada “pega do boi no mato”.

Miquéias dos Santos Sousa, 21, cavalgava quando teria caído do lombo do animal. De acordo com familiares, ele teria batido a cabeça em uma pedra, tendo uma fratura craniana. Ainda conforme a Polícia, a festa em que Miquéias participava ocorria no Sítio KM 27, naquele município.

O homem ainda chegou a ser socorrido mas, conforme a Polícia, já deu entrada no Hospital sem vida.

Fonte: Diário Sertão Central

Bandidos incendeiam ônibus e deixam carta de ameaça para o governador Camilo

De acordo com a Polícia Militar, ninguém ficou ferido e as chamas foram controladas

Uma tentativa de incêndio a ônibus foi frustrada na madrugada desta segunda-­feira (18), na avenida Francisco Sá, na Barra do Ceará, em Fortaleza. Três homens armados pararam um veículo que fazia a linha Parangaba/Cuca Barra, pediram para passageiros saíssem e incendiaram o ônibus. De acordo com a Polícia Militar, ninguém ficou ferido e as chamas foram controladas.

Durante a ação, uma carta em tom de ameaça ao governador do Ceará Camilo Santana foi deixada com o motorista. O conteúdo pede para que acabem as "opressões" ao sistema penitenciário e caso o pedido não seja atendido, os criminosos irão transformar o estado em um "caos".

Confira o conteúdo da carta: 

"Salve geral seu governador de merda se você não parar com a opressão dentro do sistema penitenciário (CPPL1, CPPL2, CPPL3, CPPL4, CPPL5, CPPL6, Carrapicho, Pacatuba, IPPOO2, Auri Moura Costa, mas principalmente, na CPPL1, onde se encontra vários irmãos e companheiros nossos sendo espancados, oprimidos e mortos pela Polícia (F­I­P­I e D­P­O­E) Se não retirarem esses policiais de dentro das cadeias vamos transformar o Estado do Ceará no caos e não ter mais paz. (Nós gostamos der paz, mas não fugimos da guerra! Ass: o crime do estado do Ceará" (SIC).




Fonte: TV Diário

Brasileiro quer se aposentar antes de completar 60 anos, diz Datafolha

Marcos Santos / USP Imagens
Parcela significativa da população brasileira espera se aposentar antes de completar 60 anos de idade e resiste à proposta de estabelecer uma idade mínima para a aposentadoria dos trabalhadores do setor privado, defendida pelo governo do presidente interino, Michel Temer.

Pesquisa concluída na semana passada pelo Datafolha mostra que somente 24% dos brasileiros esperam se aposentar depois dos 60 anos. Outros 24% querem se aposentar quando tiverem entre 56 e 60 anos de idade, e 21% gostariam de chegar à aposentadoria antes disso.

Na média, os entrevistados apontaram 60 anos como a idade ideal para a aposentadoria. Os homens gostariam de se aposentar aos 61, e as mulheres, aos 59, de acordo com a pesquisa do Datafolha.

O governo Temer promete apresentar ao Congresso no segundo semestre uma proposta de reforma da Previdência Social para estabelecer idade mínima para as aposentadorias e outras medidas para conter a expansão dos gastos com o benefício.

Da Folha de S.Paulo

Chega a 14 número de óbitos por dengue no Ceará em 2016

Estado contabiliza 68.748 notificações pela Secretaria da Saúde cearense Mortes ocorreram em 10 cidades do Ceará.

Mosquito é transmissor da Zica, Dengue e Chikungunya (Foto: Divulgação/ Uenf)
Mais uma pessoa morreu por de dengue no Ceará. No total, o estado contabiliza 14 mortes pela doença e 68.748 notificações pela Secretaria da Saúde cearense, sendo 19.728 casos confirmados e 44.125 considerados prováveis.

As mortes ocorreram em Fortaleza (4), Caucaia (1), Maracanaú (2), Pacatuba (1), Capistrano(1), Aracati (1), Fortim (1), Icó (1), Catarina (1) e Horizonte (1). A doença foi anotada em 151 dos 184 municípios do estado.

Conforme o boletim epidemiológico da Sesa divulgado nesta sexta-­feira (15), das 14 vítimas, sete são homens e sete, mulheres. A maioria (84,6%) ocorreu em adultos com idades entre 36 e 77 anos e dois (15,4%) ocorreram em crianças de um mês e 11 anos (mediana de 55,5 anos).

Em investigação existem 43 casos de formas graves, destes 38 óbitos suspeitos que ocorreram nos municípios de Fortaleza (15),Tauá (3), Aquiraz (2), Caucaia (2), Maracanaú(2) e Alto Santo, Aracoiaba, Crato, Horizonte,Itaiçaba, Itapajé, Limoeiro do Norte,Maranguape, Ocara, Paraipaba, Pentecoste,Quixadá, Quixelô e Solonópole com um óbito cada, que poderão ser confirmados ou descartados nas próximas semanas.

Fortaleza, são 25.583 notificações, sendo 16645 casos prováveis e 9.514 casos confirmados.

Do G1 CE

domingo, 17 de julho de 2016

Dilma critica golpe na Turquia e aproveita para repudiar impeachment no Brasil

Eraldo Peres / AP
A presidente afastada Dilma Rousseff criticou neste sábado (16) a tentativa de golpe na Turquia. "A tentativa de golpe na Turquia é preocupante. Um governo eleito não pode ser derrubado. Nem pela violência. Nem por artimanhas jurídicas", afirmou Dilma em seu perfil do Facebook.

A presidente afastada também declarou apoio à democracia e lembrou o processo de impeachment no Brasil.

"O presidente Recep Tayyip Erdogan foi eleito pelo povo da Turquia. No Brasil, o impeachment tem de ser repudiado. Democracia é preservar a vontade popular.

Do Uol

Lula tem 22%, Marina 17% e Aécio 14%, aponta Datafolha

Pesquisa tem margem de erro de 2 pontos, para mais ou para menos. Datafolha ouviu 2.792 pessoas entre os dias 14 e 15 de julho.

Nova pesquisa Datafolha sobre intenção de voto indica que o ex-­presidente Lula lidera o primeiro turno da disputa para presidente nas eleições de 2018.

Num cenário onde a disputa fica entre Lula, Marina (Rede) e o senador Aécio Neves (PSDB), o petista lidera com 22%, Marina fica em segundo com 17% e o tucano teria 14%.

Nesse caso, Jair Bolsonaro (PSC) teria 7%, Ciro Gomes (PDT) 5%, Michel Temer (PMDB) 5%, Luciana Genro (PSOL) 2% e Ronaldo Caiado (DEM) e Eduardo Jorge (PV) teriam 1% cada um.

De acordo com o Datafolha, o ex-­presidente Lula não conseguiria vencer num possível segundo turno a ex-senadora Marina Silva (Rede) ou o ministro das Relações Exteriores, José Serra (PSDB).

A pesquisa foi realizada nos dias 14 e 15 de julho e entrevistou 2.792 pessoas em 171 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%.

Veja os resultados da pesquisa Datafolha sobre intenção de voto para presidente em 2018:

Presidência 2018 1º Turno 
Cenário 1 ­ com Aécio
Disputam: Lula, Marina, Aécio, Bolsonaro, Ciro ­
- Lula 22% ­
- Marina 17% ­
- Aécio 14% ­
- Bolsonaro 7% ­
- Ciro 5% ­
- Brancos e nulos 18% ­
- Não opinaram 7%

Cenário 2 ­ com Alckmin 
Disputam: Lula, Marina, Alckmin, Bolsonaro e Ciro ­
- Lula: 23% ­
- Marina: 18% ­
- Alckmin: 8% ­
- Bolsonaro: 8% ­
- Ciro: 6% ­
- Brancos e nulos: 20% ­
- Não opinaram: 7%

Cenário 3 ­ com Serra
Disputam: Lula, Marina, Serra, Bolsonaro e Ciro ­
- Lula: 23% ­
- Marina: 17% ­
- Serra: 11% ­
- Bolsonaro: 7% ­
- Ciro: 6% ­
- Brancos e nulos: 19% ­
- Não opinaram: 7%

Cenário 4: com Aécio, Serra e Alckmin e Sérgio Moro
Disputam: Lula, Marina, Aécio, Serra, Alckmin, Bolsonaro e Ciro ­
- Lula: 22% ­
- Marina: 14% ­
- Aécio: 10% ­
- Moro: 10% ­
- Bolsonaro: 5% ­
- Brancos e nulos: 14% ­
- Não opinaram: 6%

Rejeição em % ­
- Lula (PT) 46 ­
- Aécio (PSDB) 29 ­
- Temer (PMDB) 29 ­
- Serra (PSDB) 19 ­
- Jair Bolsonaro (PSC) 19 ­
- Marina (Rede) 17 ­
- Geraldo Alckmin (PSDB) 16 ­
- Ciro (PDT) 13 ­
- Luciana Genro (PSOL) 12 ­
- Eduardo Jorge (PV) 10 ­
- Ronaldo Caiado (DEM) 10 ­
- Sergio Moro (sem partido) 9

2º Turno Marina X Lula ­
- Marina 44% ­
- Lula 32%

2º Turno: Serra X Lula ­
- Serra 40% ­
- Lula 35%

2º Turno Aécio x Lula ­ 
- Aécio 38% ­
- Lula 36%

2º Turno alckmin X Lula ­
- Alckmin 38% ­
- Lula 36%

2º turno: Marina X Aécio ­ 
- Marina 46% ­
- Aécio 28%

2º Turno Marina x Alckmin ­
- Marina 47% ­
- Alckmin 27%

2º turno Marina x Serra ­
- Marina 46%
- Serra 30%

Do G1

Discussão em clube termina com uma pessoa morta a facadas em Solonópole

Uma pessoa foi morta a facadas em meio a uma discussão em um clube na madrugada deste sábado (16), em Solonópole. O crime aconteceu na Avenida Totor Rabelo, no Bairro Alto Vistoso. A identidade da vítima não foi revelada.

De acordo com a Polícia, a vítima conversava com um amigo no Clube Cajarana quando iniciou uma discussão com uma outra pessoa. Durante o desentendimento o autor do homicídio pegou uma faca e desferiu oito golpes contra a vítima. O autor do crime não foi identificado. Ele fugiu em uma moto logo em seguida tomando rumo ignorado.

A Policia Militar foi acionada em seguida e ao chegar no loca já encontrou a vítima sem vida. A Perícia Forense (Pefoce) de Quixeramobim foi acionada.

Até o momento o autor não foi preso e a Polícia não soube informar qual a razão da discussão que culminou no crime.

Fonte: Diário Sertão Central

sábado, 16 de julho de 2016

Istoé revela que PCC pretende financiar a eleição de 10 prefeitos e 50 vereadores no Ceará

Alejandro Herbas Camacho Junior, irmão caçula de Marcola.
Uma reportagem exclusiva, publicada na edição deste final de semana da revista Istoé, revela que a principal organização criminosa do país, o Primeiro Comando da Capital (PCC), instalou-se no Ceará, e nas eleições de outubro próximo, pretende financiar a eleição de 10 prefeitos e 50 vereadores.
Leia abaixo a reportagem na íntegra:
Em nenhuma capital brasileira, a juventude corre mais risco que em Fortaleza. O número de assassinatos na faixa etária de 16 e 17 anos supera a de países em guerra. Nos indicadores gerais de violência, a capital cearense ocupa o vergonhoso 12° lugar entre as piores cidades do mundo para se viver. A deterioração da segurança pública é mais que o resultado de uma década de fracasso do governo cearense na gestão de segurança pública.
O Ceará virou a offshore da principal organização criminosa em atividade no Brasil, o PCC. O sinal mais evidente da importância do Ceará nas operações do grupo era que o controle da quadrilha no Estado estava nas mãos de Alejandro Herbas Camacho Junior, irmão caçula de Marcos Willians Camacho, o Marcola, líder máximo do PCC. Alejandro Herbas foi preso em março pela Polícia Federal. Considerado o “CEO” da organização, Herbas é o principal nome depois de Marcola.
Além de cuidar de perto dos negócios na Região Nordeste, ele dava as cartas em todas as ações do PCC nos demais Estados. Segundo os investigadores cearenses, ele coordenava uma intrincada rede de empresas de fachada usadas para lavar a fortuna originada do tráfico de drogas, assaltos a bancos e das mensalidades cobradas dos presos – hoje estipulada em R$ 750. Até ser preso pela PF, há três meses, Herbas viveu uma vida de fausto no Ceará. Tinha mansões em alguns dos principais cartões-postais do Ceará: a praia de Porto das Dunas, no município de Aquiraz, na idílica Cumbuco, em Caucaia, e em Lagoinha, na cidade de Paraipaba. Nada menos que 40 policiais militares trabalhavam em sua segurança pessoal.
As investigações apontam para as novas ambições do PCC. Os policiais envolvidos no monitoramento da organização descobriram que a quadrilha tem aspirações políticas. Sob as ordens de Herbas, o PCC trabalha para eleger 10 prefeitos e 50 vereadores no Ceará. Com a proibição do financiamento por empresas privadas, o PCC se projeta como uma importante força para irrigar as campanhas. As conversas da quadrilha foram relatadas à polícia por fontes infiltradas na organização.
Os alvos do PCC são as disputas pela prefeitura de Mombaça, Caucaia e Itatira. A primeira delas é por razões afetivas. O irmão de Marcola morou na cidade. A segunda é a jóia da coroa. Com a segunda maior população do Ceará, Caucaia é vista pela organização como estratégica. A polícia não identificou quem é o candidato do PCC. Atualmente, as pesquisas apontam a liderança do deputado estadual Naumir Amorim (PMB).
O parlamentar apresenta uma folha corrida de 148 processos, entre os quais dois por homicídio. O clima político em Caucaia está tão conflagrado que nos últimos meses os opositores a candidatura de Amorim têm sofrido uma série de ameaças. O coordenador de campanha do PSDB, Marcos Correa, foi alvo de três tentativas de sequestro em 60 dias. Para o delegado Jurandir Braga Nunes, a violência não tem conexões com crimes comuns.
“Esses atentados não são assaltos. São obra do PCC”, afirma. Em outra cidade, Itatira, a polícia acompanha as movimentações do PCC para lançar a candidatura de um dos irmãos de Jussivan Alves, o Alemão, que em 2005 comandou o assalto ao Banco Central em Fortaleza. Para Francisco Carlos Crisóstomo, chefe do Departamento de Inteligência Policial(DIP), da Polícia Civil do Ceará, não há dúvidas de que as candidaturas serão financiadas pelo PCC.
(Ceará News 7)

sexta-feira, 15 de julho de 2016

Em 3 anos, epidemia de zika na América Latina pode chegar ao fim, diz estudo

Os pesquisadores afirmam ainda que os métodos existentes atualmente de controle de epidemias não podem ser aplicados para controlar o Zika

Foto: © iStock
Um estudo realizado por cientistas do Imperial College de Londres, no Reino Unido, e publicado narevista Science nesta sexta-­feira (15) concluiu que a epidemia ocasionada pelo vírus Zika na América Latina pode já ter tido seu ápice e o próprio sistema pode findá-­la num espaço entre dois e três anos.

Os pesquisadores afirmam ainda que os métodos existentes atualmente de controle de epidemias não podem ser aplicados para controlar o Zika, aponta o 'G1'. A previsão dos cientistas é de que o mundo só verá outra epidemia semelhante, de larga escala, daqui a dez anos, com a possibilidade de pequenos surtos no meio tempo.

"Este estudo utiliza todos os dados disponíveis para fornecer uma compreensão de como a doença vai se desenrolar ­ e nos permite avaliar a ameaça no futuro iminente. Nossa análise sugere que a propagação do vírus da zika não é controlável, mas que a epidemia vai se reduzir por si mesma dentro de 2 a 3 anos”, explica Neil Ferguson, professor e autor da pesquisa.

A pesquisa foi feita com base em um método matemático, que analisou os dados já existentes sobre a transmissão do vírus na América Latina, e comparou com outros vírus semelhantes, como a dengue. Com isso, eles projetaram ondas futuras de transmissão. O cálculo de dois a três anos para o fim da epidemia se dá com base no fato de as pessoas não serem suscetíveis à infecção por conta da zika mais de uma vez.

"A epidemia explosiva atual acabará devido a um fenômeno chamado efeito rebanho. Como o vírus é incapaz de infectar a mesma pessoa duas vezes ­ graças ao sistema imunológico, que gera anticorpos para matá-­lo ­ a epidemia atinge um estágio em que há muito poucas pessoas para infectar e sustentar a transmissão”, disse Ferguson.

Fonte: Notícias ao Minuto

Assembleia Legislativa aprova contas de Camilo Santana do exercício de 2015

Foto: Fabiane de Paula
As contas referentes ao primeiro ano de mandato do governador Camilo Santana foram aprovadas, ontem, na Assembleia Legislativa. O Parlamento Estadual deu parecer favorável ao decreto legislativo que tomou como base o relatório do Tribunal de Contas do Estado (TCE) aprovando, com ressalvas, as contas apresentadas pelo Governo do Estado, referentes ao exercício de 2015. A discussão perdurou por cerca de três horas e, no final da votação secreta, 31 votaram a favor e apenas oito contra.

A competência para aprovar ou desaprovar as contas apresentadas, anualmente, pelo governador do Estado cabe à Assembleia Legislativa. O decreto, avaliado pelos parlamentares, levou em conta a conjuntura socioeconômica nacional e estadual no ano de 2015, por meio de exposição, com base em dados oficiais, de informações econômicas e sociais do Ceará e da União.

O Parlamento também aprovou quatro mensagens encaminhadas pelo Executivo, sendo uma delas a que autoriza o pagamento de indenização aos proprietários, possuidores e ocupantes pela desapropriação ou desapossamento dos imóveis situados na faixa de domínio da Rodovia Estadual CE-­040 e dos imóveis situados exclusivamente na faixa não edificável.

Outra autoriza a transferência de recursos financeiros, por meio de convênios, para cinco associações localizadas nos municípios de Trairi, Fortim, Aquiraz, Amontada e Acaraú. O valor a ser distribuído é de R$ 280 mil.

Das duas restantes, uma se refere à utilização de recursos do Programa de Desenvolvimento Agropecuário, da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA), para a execução dos projetos Biodiesel e Recuperação da Cajucultura. A segunda autoriza o Poder Executivo a ceder imóvel localizado em Caucaia, mediante termo de cessão de uso, ao Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-­CE).

Outros projetos

Os parlamentares apreciaram, ainda, dois projetos de lei, de autoria dos deputados Joaquim Noronha (PRP) e João Jaime (DEM). O primeiro oficializa como Área de Segurança, para procedimentos de segurança à sede do Poder Legislativo, locomoção e segurança dos deputados estaduais e autoridades públicas, todo o espaço compreendido no entorno da Casa, no raio de 2 quarteirões.

O segundo estabelece parâmetros à determinação de limites para ocupação das Áreas de Preservação Permanente de lagos e lagoas localizadas em perímetros urbanos estaduais. Foi aprovado também um projeto de indicação do deputado Júlio César (PDT), que, se for acatado pelo governador, vai assegurar auxílio-­alimentação a todos os Policiais Civis do Estado.

Diário do Nordeste

STF obriga governo a fornecer fraldas descartáveis a pessoas com deficiência


O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, decidiu nesta quinta-feira (14) manter decisão da Justiça Federal que obriga o Programa Farmácia Popular do Brasil, do Ministério da Saúde, a fornecer gratuitamente fraldas descartáveis a pessoas com deficiência.

Segundo a Advocacia-­Geral da União (AGU), a decisão deve gerar impacto de R$ 2 bilhões por ano nas finanças públicas, valor equivalente a praticamente todo o orçamento anual do programa.

Na decisão, Lewandowski rejeitou recurso da AGU para barrar a decisão de Justiça Federal, por entender que o Estado deve garantir a proteção às pessoas com deficiência. Sobre a questão financeira, o ministro entendeu que não ficou comprovado no processo “o perigo de grave lesão aos valores da ordem e economia públicas”.

“Por isso, se existente risco de dano à saúde pública, este seria inverso, caracterizado pela afronta ao postulado da dignidade da pessoa humana e às disposições constitucionais que garantem às pessoas com deficiência o amparo do Estado para o gozo do direito fundamental à saúde”, decidiu o presidente do STF.

No recurso, a AGU também informou ao Supremo que o Programa Farmácia Popular do Brasil não fornece fraldas gratuitamente e que idosos recebem o benefício em função do Estatuto do Idoso. Segundo os advogados públicos, farmácias privadas devem observar diversos critérios para serem ressarcidas posteriormente pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

O programa foi criado pelo Ministério da Saúde para ampliar o acesso da população a medicamentos por meio de rede própria de farmácias ou parcerias com drogarias privadas.

A Reportagem entrou em contato com o Ministério da Saúde, mas não teve retorno até a publicação.

Da Agência Brasil

Ataque com caminhão no sul da França deixa ao menos 84 mortos e feridos


Um ataque com um caminhão na cidade de Nice, no sul da França, deixou dezenas de mortos e feridos nesta quinta-­feira (14), quando a multidão comemorava o feriado da Tomada da Bastilha, maior festa nacional. Segundo o último balanço divulgado pelo Ministério do Interior, ao menos 84 pessoas morreram, incluindo várias crianças, e há 18 feridos com gravidade.

O número foi atualizado pelo porta-­voz do ministério, Pierre-­Henry Brandet, segundo o jornal francês "Le Figaro" e a agência "AFP".

O presidente francês, François Hollande, afirmou em Paris que o "caráter terrorista do ataque não pode ser negado".

Logo após a queima de fogos do dia 14 de julho, um caminhão atropelou as pessoas que enchiam uma avenida à beira-­mar por volta das 23h (horário local). Segundo testemunhas, enquanto avançava contra a multidão, o motorista abriu fogo contra as pessoas que estavam no local. Ele ainda desceu do veículo e efetuou mais disparos contra a população. De acordo com o Ministério do Interior, o motorista foi morto a tiros por forças de segurança.

O motorista do caminhão teria percorrido 2 quilômetros atropelando as pessoas, fazendo ziguezague para atingir o maior número possível de vítimas. Documentos dentro do veículo pertencem a um francês de 31 anos com cidadania tunisiana. Ele seria morador de Nice. Também foram achadas metralhadoras e granadas dentro do veículo.

Ainda não se sabe quantas pessoas teriam participado do ataque, mas até o momento acredita-­se que ele tenha agido sozinho.

O Itamaraty disse que até o momento não há informações sobre vítimas brasileiras no ataque.

* Com Uol

quinta-feira, 14 de julho de 2016

50 municípios cearenses com casos confirmados de microcefalia

O número de óbitos permanece em 21, o que representa 20,5% do total de mortes pela doenças no Brasil. Dados são do mais recente boletim epidemiológico do Ministério da Saúde

O Ceará registra 127 casos confirmados de microcefalia e/ou alterações do Sistema Nervosa Central (SNC) em 50 municípios. O que representa 27,2% do território estadual que possui 184 municípios.Os dados são do mais recente boletim epidemiológico do Ministério da Saúde, divulgado na quarta-­feira (13).

Segundo o boletim, o Ceará soma 21 óbitos, sendo 20,5% do total de mortes pela doença no Brasil, que registra 102 óbitos. O Estado lidera o número de falecimentos, no entanto, em relação aos casos em investigação, Pernambuco tem 70 casos ainda em análise e a Bahia, 33.

Diário do Nordeste

CCJ rejeita recurso de Cunha sobre cassação e processo vai para plenário

Antônio Cruz/ Agência Brasil
A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara decidiu nesta quinta-feira (14), por 48 votos a 12, rejeitar o parecer do relator do recurso de Cunha na CCJ, Ronaldo Fonseca (PMDB-­BA), que recomendou que o processo voltasse ao Conselho de Ética, sob o argumento de que a votação na qual a cassação foi aprovada seria nula, pois deveria ter sido por meio eletrônico e não nominal ao microfone, como ocorreu.

O processo agora segue para apreciação no plenário da Casa. O presidente da comissão, Osmar Serraglio (PMDB-­PR), designou o deputado Max Filho (PSDB-­ES) como relator do novo parecer, que será votado pelos deputados no plenário.

Foram necessárias três sessões para que os deputados que compõem a CCJ conseguissem votar o parecer do relator sobre o recurso. Deputados aliados de Cunha tentaram por diversas vezes obstruir a votação, apresentando sucessivos requerimentos para que ela fosse adiada, todos negados.

O atraso nos trabalhos da CCJ, entretanto, acabou jogando para agosto a votação em plenário sobre a cassação de Cunha, pois a Câmara entra, ao fim desta semana, em “recesso branco”, sem votações.

Escolhido na madrugada desta quinta-feira como novo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ)disse, logo após sua eleição, que ajudou a eleger Cunha e ponderou que o desfecho do processo deve ocorrer “dentro das regras da Casa” e quando houver “quórum adequado”.

Agência Brasil

Pedalada não é crime, decide procurador do Ministério Público

O procurador do Ministério Público Federal no Distrito Federal, Ivan Cláudio Marx, arquivou nesta sexta-­feira (8) procedimento criminal que apurava as chamadas pedaladas fiscais do governo ­atrasos nos pagamentos de valores devidos a bancos e fundos públicos.

Ele já havia arquivado uma semana atrás um procedimento específico sobre o BNDES e, agora, arquivou todas as outras investigações de atraso em pagamentos com o mesmo entendimento: os atrasos no pagamento são "inadimplemento contratual", configuram uma tentativa de maquiagem das contas públicas para torná-las melhores.

Marx levantou suspeitas sobre "eventuais objetivos eleitorais" com as pedaladas e disse que o caso "talvez represente o passo final na infeliz transformação do denominado 'jeitinho brasileiro' em 'criatividade maquiavélica'". Mas, para ele, a maquiagem não se caracteriza como crime, como apontou o TCU (Tribunal de Contas da União) em diversas decisões desde abril de 2015.

Um dos atos apontados como criminosos pelo TCU, o atraso no pagamento de dívidas junto ao Banco do Brasil no ano de 2015, é um dos dois motivos apontados no processo de impeachment para o afastamento da presidente Dilma Rousseff que tramita no Congresso Nacional. Para o procurador, esse ato, assim como todos os outros investigados, não configuram crime.

 A defesa de Dilma na comissão que analisa o impeachment usa o mesmo argumento do procurador, alegando que o atraso no pagamento não configura operação de crédito. Os relatores do processo, tanto na Câmara (deputado Jovair Arantes, do PTB-GO), como no Senado (Antônio Anastásia, PSDB-MG), discordam.

Para o procurador, mudar o entendimento de que os atrasos nos pagamentos passam a ser operação de crédito travaria todo o sistema de pagamentos do governo e que nem mesmo os altos valores e o reiterado atraso podem mudar esse entendimento legal.

"Não há que se concordar com a afirmação do TCU de que seria a reiteração no atraso, aliada ao montante dos valores, que transformaria o contrato da CEF com a União em uma operação de crédito", escreve o procurador sobre as dívidas da União com o banco em relação ao Bolsa Família.

O procurador afirma que se as pedaladas fossem crime, o TCU deveria ter determinado o fim desses atos em suas decisões, o que não ocorreu.

"Ainda, e mais curioso, seria o fato de que esse crime continuaria sendo praticado, inclusive no instante em que essas letras estão sendo jogadas no papel. Isso em razão de que o TCU, muito embora tenha apontado a existência de crime no caso, não determinou nenhuma medida para sua correção, limitando-­se a determinar que os débitos não deveriam mais se acumular e, ainda, que deveriam ser captados pelo Bacen para as estatísticas fiscais. Ou seja, o TCU aponta a existência do crime de operação de crédito, mas determina correções apenas no que se refere aos atos de maquiagem fiscal (atrasos sem captação pelo Bacen para fins de estatística)", escreve o procurador na decisão

No arquivamento Marx, caracteriza os atos dos servidores como improbidade administrativa a tentativa de maquiar os resultados das contas públicas. A improbidade está sendo investigada em outro procedimento civil sob os cuidados do mesmo procurador, ainda não concluído, e pode gerar multa aos servidores e perda do cargo, mas não é crime.

 De acordo com o procurador, ele ainda vai investigar um ato específico denunciado pelo TCU, o de que os pagamentos de parte das dívidas com o FGTS foram realizados sem autorização legislativa, também configurando crime. Segundo ele, nesse procedimento específico, é necessário ouvir testemunhas.

Da Folha de S.Paulo